Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

5 dúvidas sobre alergias na pele: posso usar perfume? Como acabar com as manchas e bolinhas vermelhas na pele?

Esclareça algumas dúvidas sobre alergias na pele e saiba como cuidar de cada caso / Foto: Shutterstock
Esclareça algumas dúvidas sobre alergias na pele e saiba como cuidar de cada caso / Foto: Shutterstock

Entrevista com Dra. Lilia Guadanhim, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Manchas vermelhas na pele, bolinhas vermelhas, coceira, ardência: você está com algum desses sintomas? Se a resposta for sim, fique atento, pois pode significar uma alergia. A região fica sensibilizada e, por isso, precisa de cuidados especiais e calmantes, como o uso da água termal. Mas mesmo tendo a pele alérgica, será que o paciente pode usar perfume, esmalte e bijuteria? Qual é o melhor hidratante para este caso? O DermaClub entrevistou a dermatologista Lilia Guadanhim, de São Paulo, que esclareceu 5 dúvidas sobre alergias na pele. Confira!

1) Quem tem alergias na pele pode usar perfume?

Depende. A médica explica que, em primeiro lugar, é importante identificar qual o tipo de alergia que a pessoa tem. “Alguns pacientes sofrem, por exemplo, de dermatite atópica, que é uma pele essencialmente alérgica (sem um gatilho específico) – nesses casos, desde que não haja nenhuma lesão no local da aplicação e se você não estiver em crise, o perfume pode ser usado”, garantiu.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

A dermatite de contato é outro tipo de alergia em que os pacientes devem evitar o uso de substâncias específicas. Nesses casos, a dermatologista afirma que é preciso avaliar quais ingredientes os pacientes são alérgicos e checar se estão presentes nos perfumes para saber se há alguma restrição. Além disso, a profissional também faz um alerta: “existem muitos perfumes com substâncias que deixam a pele mais sensível ao sol e, por isso, seu uso deve ser evitado em situações específicas, como idas à praia e a piscinas”.

2) Qual é o melhor hidratante para quem tem alergia na pele?

Para quem tem alergia na pele, os hidratantes precisam ter uma textura em creme ou em bálsamo e, além de hidratar, também devem prevenir a perda de água transepidérmica e formar uma película de proteção na pele para evitar que a região fique sensível e propicia a qualquer reação alérgica. Além disso, os cuidados prebióticos também são indicados: “alguns produtos específicos possuem tecnologias que ajudam a reequilibrar o microbioma e diminuir a frequência de crises em pacientes atópicos”, garantiu.

Produtos relacionados

3) Quem tem alergia na pele pode usar esmalte?

Depende. Se o paciente tiver dermatite de contato a esmalte, o uso de esmaltes comuns deve ser evitado, podendo investir somente nas versões hipoalergênicas. Entretanto, a Drª Lilia recomenda atenção às unhas: “Um ponto interessante é que, em muitos casos, a essa alergia demora a aparecer, pois o processo de sensibilização é lento, mas, uma vez manifestada, devemos retirar e não insistir no uso dos produtos”, ressaltou.

4) Quem tem alergia na pele não pode usar bijuteria?

Verdade. A maioria das bijuterias é feita com um metal chamado níquel e os pacientes que possuem alergia a essa substância acabam tendo coceira e manchas vermelhas na pele, além da formação de crostas e descamação. Neste caso, é melhor evitar o uso de acessórios, como brincos, cordões e pulseiras feitos com esse material

5) O que fazer em caso de manchas e bolinhas vermelhas na pele?

A primeira atitude é procurar um médico dermatologista para esclarecer o diagnóstico e programar o tratamento adequado. A médica, indica alguns cuidados: “De uma forma geral, o uso de hidratantes é benéfico, assim como compressas frias para evitar o desconforto e a coceira. Evite a automedicação uma vez que as manchas e as bolinhas vermelhas na pele podem ser alergia, fungos e até câncer de pele”, concluiu.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 23 de Novembro de 2018
Modificada em: 20 de Julho de 2021

Dra. Lilia Guadanhim

Palavra do Dermatologista

Dra. Lilia Guadanhim

CRM: 133850

Formação em Medicina, Residência Médica em Dermatologia e Especialização em Cosmiatria pela Escola Paulista de Medicina - Universidade Federal de São Paulo. Possui título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e Associação Médica Brasileira, além de ser membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da International Dermoscopy Society. Tem especializações em Cosmiatria - Toxina Botulínica e Preenchimento na França e Dermatoscopia - Oncologia Cutânea na Itália. É médica colaboradora da Unidade de Cosmiatria da Escola Paulista de Medicina - Universidade Federal de São Paulo.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

O que é rosácea: tratamento e controle das manchas vermelhas na pele com skincare e procedimentos

O que é rosácea: tratamento e controle das manchas vermelhas na pele com skincare e procedimentos

Dermatologista

O que é psoríase gutata? Dermatologista explica os sintomas de psoríase e como tratar a doença de pele

O que é psoríase gutata? Dermatologista explica os sintomas de psoríase e como tratar a doença de pele

Dermatologista

Produtos com ácidos: como evitar a irritação da pele? Confira a opinião de uma dermatologista

Produtos com ácidos: como evitar a irritação da pele? Confira a opinião de uma dermatologista

Dermatologista

Harmonização facial: o que é? Quais os prós e contras desse procedimento estético?

Harmonização facial: o que é? Quais os prós e contras desse procedimento estético?

Dermatologista

Sérum: ácido hialurônico, vitamina C, ácido salicílico, retinol... qual é o mais indicado para a pele oleosa?

Sérum: ácido hialurônico, vitamina C, ácido salicílico, retinol... qual é o mais indicado para a pele oleosa?

Dermatologista

Vitamina C e retinol: como incluir os ativos na mesma rotina de skincare para otimizar o tratamento de manchas

Vitamina C e retinol: como incluir os ativos na mesma rotina de skincare para otimizar o tratamento de manchas

Dermatologista

Últimas Matérias

Rotina fácil de cuidados com a pele durante o inverno: 9 produtinhos para você apostar na estação Saiba quais cuidados são importantes na hora de fazer a hidratação da pele seca e sensível Como disfarçar marcas de espinhas: passo a passo para esconder as cicatrizes e manchas de acne Skincare para pele negra: 7 dúvidas mais comuns sobre a rotina de cuidados Neurodermatite: o que é? Como tratar? É a mesma coisa que dermatite atópica? Dermatologista explica Dermatite de contato: o que é, quais os sintomas e como tratar as bolinhas na pele que coçam
Ver mais

escolha a loja de sua preferência