Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

A mudança de clima afeta a pele? Temperatura e umidade podem interferir na hidratação e sensibilidade cutânea

Os agentes externos, como mudanças climáticas, podem deixar sua pele fraca; veja como protegê-la
Os agentes externos, como mudanças climáticas, podem deixar sua pele fraca; veja como protegê-la

Redação por Candida Silva

Produtos relacionados

O clima é um dos fatores que mais afeta a saúde da pele e, diferentemente de outros agentes externos - como o sol e a poluição -, seus efeitos são sentidos mais rapidamente. Assim, as variações de temperatura e umidade interferem, sobretudo, no que diz respeito à sensibilidade, hidratação e capacidade de renovação celular. Se você quer manter sua pele forte e saudável, é necessário tomar alguns cuidados. Saiba mais!

Como os agentes externos e internos podem interferir na saúde da sua pele?

Mesmo mantendo uma rotina de cuidados com a pele, alguns fatores ainda podem desequilibrá-la. Segundo o conceito de Expossoma, o acúmulo de danos promovidos por agentes externos (radiação UV, poluição e clima) e internos (estresse e alimentação), somado a fatores genéticos e à forma como cada indivíduo reage a essas agressões levam ao envelhecimento precoce da pele. Ou seja, o clima também influencia no surgimento de rugas, manchas e flacidez.

Entenda como o clima pode desequilibrar a sua pele

As mudanças de clima afetam diretamente como a pele reage, e, diferentemente de outros agentes, as alterações podem ser percebidas quase que instantaneamente. Veja como
a temperatura e a umidade do ambiente influenciam na sua pele:

1) No verão, o aumento de temperatura faz com que as glândulas sebáceas, responsáveis pela produção do sebo, tenham uma produção mais intensa. Como consequência, os poros do rosto tendem a ficar obstruídos, tornando mais comum problemas como cravos e espinhas;

2) No o inverno, quando as temperaturas e os níveis de umidade tendem a cair, a pele perde hidratação, adquirindo uma aparência cansada e ressecada;

3) Alterações climáticas muito abruptas desequilibram o pH da pele, e, em resposta, ela fica mais sensível, podendo apresentar reações como vermelhidão, sensibilidade extrema e, até mesmo, espinhas.

4) Como a barreira cutânea está enfraquecida, ela também se torna mais vulnerável a ação de outros agentes, como poluição, estresse e má alimentação.

Descubra como proteger a pele das mudanças climáticas

Para restaurar o equilíbrio da pele é indispensável o uso de ativos hidratantes, até mesmo para as oleosas. Para isso, aposte em produtos com substâncias potentes, como o ácido hialurônico. Além disso, para fortificar a pele e prepará-la para enfrentar todos os danos citados, os antioxidantes, como a água termal, são a aposta certa, já que inibem a formação de radicais livres e, assim, protegendo a pele do envelhecimento precoce!

Publicada em: 04 de Setembro de 2017
Modificada em: 21 de Dezembro de 2017

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

7 formas de minimizar poros abertos: microagulhamento, Serozinc, tônico... Confira as mais eficazes

7 formas de minimizar poros abertos: microagulhamento, Serozinc, tônico... Confira as mais eficazes

Poros dilatados

Protetor solar com cor de alta cobertura entope os poros? Entenda e saiba como usar o produto

Protetor solar com cor de alta cobertura entope os poros? Entenda e saiba como usar o produto

Poros dilatados

Poros superdilatados: o que são e como tratar esses pontinhos escuros no rosto? Entenda

Poros superdilatados: o que são e como tratar esses pontinhos escuros no rosto? Entenda

Poros dilatados

Tem a pele oleosa, com poros aparentes e espinhas? Confira 4 benefícios do uso contínuo de Serozinc

Tem a pele oleosa, com poros aparentes e espinhas? Confira 4 benefícios do uso contínuo de Serozinc

Poros dilatados

Pele oleosa: rotina diurna ideal para combater o brilho excessivo, poros abertos, espinhas e cravos no rosto

Pele oleosa: rotina diurna ideal para combater o brilho excessivo, poros abertos, espinhas e cravos no rosto

Poros dilatados

Cravo: pele com poros abertos tem mais tendência a formar comedões? Descubra

Cravo: pele com poros abertos tem mais tendência a formar comedões? Descubra

Poros dilatados

Últimas Matérias

Traços da tatuagem: dermatologista e tatuadora indicam todos os cuidados para manter o desenho perfeito Falhas no cabelo: o que é alopecia areata? Causas e tratamento para a doença que motiva a queda de cabelo Ácido salicílico: para que serve? Qual é a função? Como usar na rotina de skincare? Dermatologista indica Skincare no verão: 4 produtos para prevenir queimadura solar, mancha, câncer de pele e envelhecimento precoce Cabelo caindo muito: estresse, química, alimentação... 5 fatores que podem causar a queda dos fios Foliculite decalvante: o que é? Como tratar o problema que causa queda de cabelo e calvície
Ver mais