Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Ácido para tirar manchas do rosto: saiba como funcionam os AHAs para conquistar uma pele uniforme

Saiba como funcionam os ácidos no quesito de remoção de manchas do rosto! / Foto: Getty Images
Saiba como funcionam os ácidos no quesito de remoção de manchas do rosto! / Foto: Getty Images

Entrevista com Dra. Carolina Reato Marçon, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Você tem uma mancha na pele bem difícil de remover? Essas marcas são mais comuns do que se imagina e podem aparecer em qualquer região exposta do corpo, principalmente no rosto. Uma maneira de se livrar dessas hiperpigmentações é com o uso de ácidos, como os AHAs. Para entender melhor como funciona o tratamento despigmentante com esses ativos, conversamos com a dermatologista Carolina Marçon que esclareceu as dúvidas e os benefícios dos ácidos na rotina de skincare.

Ácidos removem manchas da pele?

Alguns ácidos da família AHAs, como o ácido glicólico, possuem uma função despigmentante. A médica explica melhor como funciona essa finalidade: “Eles agem inibindo a tirosinase e outras vias que diminuem a produção de melanina nos melanócitos, além de atuarem também como um renovador celular, fazendo a remoção do pigmento através da ação esfoliante”. Sendo assim, eles podem ajudar no tratamento de manchas na pele.

Ácidos AHAs: entenda a função desses ativos na rotina de skincare

Os AHAs, também conhecidos como alfa-hidroxiácidos, são uma família de ácidos extraída de plantas e frutas que possui várias propriedades e proporciona uma série de ações na pele, como conta Caroline: “Esses ativos têm a função queratolítica como principal benefício, que diminui a adesão entre as células epidérmicas, garantindo um efeito peeling que promove uma renovação celular, causando a destruição da camada mais superficial da pele estimulando a produção de uma nova com mais viço e integridade” - essa função também ajuda no tratamento de manchas.

Além disso, eles também ajudam a estimular o colágeno, o que melhora o aspecto das linhas finas e rugas. Outro ponto positivo é que esses ácidos possuem uma ação menos irritativa, o que os tornam mais toleráveis na pele sensível.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Ácidos que pertencem à família dos AHAs

- Ácido glicólico;
- Ácido cítrico;
- Ácido mandélico;
- Ácido málico;
- Ácido lático.

Produtos relacionados

Como incluir ácidos na rotina de cuidados com a pele para clarear manchas

Existem várias formas de usar os ácidos AHAs na rotina de skincare. A especialista conta que um método muito utilizado, que já virou tendência nos consultórios dermatológicos, é de fazer misturinha com esses ativos em uma mesma fórmula. “O objetivo dessa técnica é garantir uma sinergia de ação e utilizar concentrações menores”. Entretanto, eles também podem ser incluídos de outras maneiras: alternando o uso com hidratantes ou produtos calmantes até a pele se acostumar com a ação do ácido.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 01 de Outubro de 2020
Modificada em: 20 de Julho de 2021

Dra. Carolina Reato Marçon

Palavra do Dermatologista

Dra. Carolina Reato Marçon

CRM: 113.379

Especialização em Clínica Médica e Dermatologia pela Santa Casa de Misericórdia de São Paulo; Médica Colaboradora do Setor de Dermatologia da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo; Coordenadora do Programa Pró-Albino; Fellowship em Cosmiatria - Dr. Zoe Draelos, Carolina do Norte - EUA; Fellowship em Tricologia - Universidade de Bolonha, Itália - Prof. Antonella Tosti; Fellowship em Dermatoscopia e Microscopia Confocal - Universidade de Modena / Reggio Emilia, Itália; Membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia, da Academia Americana de Dermatologia e do Colégio Ibero-Latinoamericano de Dermatologia

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Sabonete para pele oleosa com acne, cravo e manchas na pele: conheça o refil de Effaclar e Normaderm

Sabonete para pele oleosa com acne, cravo e manchas na pele: conheça o refil de Effaclar e Normaderm

Rosto

8 opções de sabonete ou gel de limpeza para cada tipo de pele

8 opções de sabonete ou gel de limpeza para cada tipo de pele

Rosto

Produtos com ácidos: como evitar a irritação da pele? Confira a opinião de uma dermatologista

Produtos com ácidos: como evitar a irritação da pele? Confira a opinião de uma dermatologista

Ácidos

Vitamina C: rosto, colo, pescoço, mãos... conheça os benefícios do ativo para todas essas regiões

Vitamina C: rosto, colo, pescoço, mãos... conheça os benefícios do ativo para todas essas regiões

Rosto

Manchas na pele de melasma tem cura? Dermatologista explica o que melhora e o que piora as marcas

Manchas na pele de melasma tem cura? Dermatologista explica o que melhora e o que piora as marcas

Rosto

A pele pode se 'acostumar' com um produto de skincare? Dermatologista esclarece a dúvida

A pele pode se 'acostumar' com um produto de skincare? Dermatologista esclarece a dúvida

Rosto

Últimas Matérias

Neurodermatite: o que é? Como tratar? É a mesma coisa que dermatite atópica? Dermatologista explica Dermatite de contato: o que é, quais os sintomas e como tratar as bolinhas na pele que coçam O que é rosácea: tratamento e controle das manchas vermelhas na pele com skincare e procedimentos O que é psoríase gutata? Dermatologista explica os sintomas de psoríase e como tratar a doença de pele Kit skincare outono/inverno com Cicaplast Baume B5 e Cicaplast Lábios para prevenir a pele ressecada Água termal para rosácea, dermatite atópica... 5 doenças de pele em que o produto é necessário
Ver mais

escolha a loja de sua preferência