Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Alimentos que fazem o cabelo crescer: confira os principais alimentos que ajudam no "projeto Rapunzel"

Descubra quais são os alimentos que ajudam no crescimento do seu cabelo
Descubra quais são os alimentos que ajudam no crescimento do seu cabelo

Entrevista com Dra. Christiane Gonzaga, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Fazer o cabelo crescer mais rápido é o desejo de muitas mulheres! Porém, é importante entender que o ciclo de crescimento dos fios depende de uma série de fatores: genética, estilo de vida, uso de produtos, entre outros. De acordo com a dermatologista Christiane Gonzaga, do Rio de Janeiro, o fio de cabelo pode crescer cerca de um centímetro ao mês - 12 centímetros por ano. No entanto, com uma alimentação saudável e a escolha dos nutrientes certos, é possível dar uma ajudinha nesse processo. O DermaClub, junto com a profissional, esclarece como fazer o seu "projeto Rapunzel" alavancar através da educação alimentar. Veja só!

Por que, às vezes, o cabelo demora a crescer?

Na verdade, não é que o seu cabelo está demorando a crescer, mas alguns problemas podem estar dando a impressão que os fios não estão aumentando de tamanho. A médica explicou: “Quem costuma tingir e alisar, fazer escova ou chapinha, ir à praia ou à piscina com frequência pode reclamar que as madeixas não crescem. Mas elas crescem, sim - o problema é que arrebentam com facilidade”, garantiu.

Caso esses fatores não aconteçam com você, a saída é consultar um dermatologista para fazer uma análise mais a fundo. “O profissional deve levar em consideração a alimentação, o nível de estresse, a intensidade dos exercícios, a qualidade do couro cabeludo e o funcionamento da tireoide. Tudo isso pode desequilibrar o organismo e impactar nos cabelos, que ficam frágeis, quebradiços, sem brilho e ralos, dando a impressão de que não crescem”, atentou.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Entenda como a alimentação pode estar relacionada ao crescimento do cabelo

De acordo com a Dra. Christiane, tudo o que ingerimos acaba interferindo diretamente na saúde dos cabelos, seja para ajudar ou prejudicar os fios. “Não basta apenas apostar em produtos e tratamentos para que fiquem bonitos, também é importante adotar uma rotina alimentar equilibrada para que as madeixas cresçam bonitas e saudáveis”, afirmou.

Alimentos e nutrientes que ajudam o cabelo a crescer

Carne, peixe, leite, ovos e iogurte: colaboram para que os fios cresçam mais fortes e bonitos.

Frutos do mar: são alimentos ricos em zinco que estimulam a produção de elastina e colágeno, trazendo resistência às madeixas.

Carnes vermelhas, feijão e vegetais folhosos: ajudam a regularizar o transporte de oxigênio na corrente sanguínea, facilitando a irrigação no couro cabeludo e a chegada dos nutrientes até os cabelos.

Amendoim, avelã e amêndoas: esses alimentos são ricos em vitamina B, por isso, estão diretamente ligados ao crescimento dos cabelos.

Hábitos alimentares que atrasam o crescimento do cabelo

De maneira geral, podemos citar os alimentos ricos em açúcar processado. Segundo a médica, “eles aumentam os níveis de insulina no sangue, potencializando o andrógeno - um hormônio masculino no corpo, que pode irritar e diminuir o tamanho dos folículos, que são responsáveis pela produção de cabelos”, afirmou.

Além disso, também podemos destacar uma alimentação rica em amidos, como pão branco e macarrão, alguns cereais, que são pobres em proteínas e podem deixar os cabelos pouco saudáveis - todos esses alimentos tendem a ter altos índices glicêmicos.

Além da alimentação, o que devemos fazer para o cabelo crescer de forma saudável?

A Dra. Christiane indica alguns cuidados com os cabelos que devemos ter. “É importante manter uma frequência de corte a cada seis meses, evitar o uso excessivo de secadores e chapinhas, adotar uma rotina de lavagem saudável alternando os dias e não dormir com os fios molhados, que podem contribuir para o aumento de fungos e bactérias no couro cabeludo, prejudicando a saúde dos cabelos”, concluiu.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 17 de Maio de 2018
Modificada em: 22 de Maio de 2019

Dra. Christiane Gonzaga

Palavra do Dermatologista

Dra. Christiane Gonzaga

CRM: 52646652

Dra. Christiane Gonzaga é especialista em Dermatologia, Membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia. É membro da Sociedade Internacional de Dermatologia, membro da Sociedade Americana de Dermatologia Cosmética e membro da Academia Americana de Dermatologia. A especialista faz constantes atualizações nos mais importantes Congressos Dermatológicos nacionais e internacionais.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Jato de plasma: benefícios + como cuidar da pele após o procedimento que trata acne, manchas e rugas

Jato de plasma: benefícios + como cuidar da pele após o procedimento que trata acne, manchas e rugas

Dermatologista

Como tirar manchas do rosto: dermatologista indica 10 ativos que realmente funcionam

Como tirar manchas do rosto: dermatologista indica 10 ativos que realmente funcionam

Dermatologista

AHA: entenda o que são e quais os benefícios dos alfa-hidroxiácidos para a pele do rosto

AHA: entenda o que são e quais os benefícios dos alfa-hidroxiácidos para a pele do rosto

Dermatologista

Como tratar queda de cabelo: 4 dicas para evitar que os fios caiam

Como tratar queda de cabelo: 4 dicas para evitar que os fios caiam

Cabelo

Acne da mulher adulta: cravos e espinhas vs. rugas - dermatologista dá dicas de como combater

Acne da mulher adulta: cravos e espinhas vs. rugas - dermatologista dá dicas de como combater

Dermatologista

Novos hábitos de saúde e beleza com o fim da quarentena: dermatologista indica como serão os cuidados

Novos hábitos de saúde e beleza com o fim da quarentena: dermatologista indica como serão os cuidados

Dermatologista

Últimas Matérias

A minha pele está sensível? Coceira, descamação, irritação na pele: 5 sinais de sensibilidade + como tratar Saiba porque o cuidado com a pele durante o tratamento oncológico pode ser vital 5 dicas indispensáveis para cuidar da pele durante a jornada do tratamento contra o câncer Para que serve o Cicaplast Baume B5 de LRP? 4 motivos para manter esse produto na sua nécessaire sempre! Rotina de skincare anti-idade: 4 passos práticos para prevenir e minimizar os sinais do envelhecimento Do retinol ao ácido hialurônico: 5 ativos que realmente funcionam contra as rugas
Ver mais