Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Autoexame de pele: você já fez? Aprenda o passo a passo da técnica para identificar o câncer da pele

Confira o passo a passo para fazer um autoexame da sua pele / Foto: Daniel Adesina, Unsplash.com
Confira o passo a passo para fazer um autoexame da sua pele / Foto: Daniel Adesina, Unsplash.com

Entrevista com Dra. Carolina Zaparoli , membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Câncer de pele é um assunto que muitas pessoas evitam falar, mas que precisa ser abordado até mesmo para a prevenção e diagnóstico precoce da doença. Existem várias maneiras de fazer isso, uma delas é com o incentivo da realização do autoexame da pele - você já ouviu falar ou já fez essa análise do seu corpo alguma vez? Para esclarecer essa técnica o DermaClub conversou com a dermatologista Carolina Zaparoli, de São Paulo, que ensinou o passo a passo de como fazer o exame. Veja só!

O que é o autoexame?

De acordo com a médica, é um método simples para detectar precocemente o câncer da pele, incluindo o melanoma. “Se diagnosticado e tratado enquanto o tumor ainda não invadiu profundamente a pele, o câncer de pele tem mais chances de ser curado”, garantiu. A técnica deve ser feita regularmente, a cada seis meses, e é muito importante anotar as datas e a aparência da pele e das pintas em cada exame.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

O que procurar no meu corpo?

Ao realizar o autoexame de pele, a dermatologista avisa que é necessário ficar atenta a alguns fatores:

1) Manchas que coçam, descamam ou que sangram;
2) Sinais ou pintas que mudam de tamanho, forma ou cor;
3) Feridas que não cicatrizam em quatro semanas.

Além disso, deve-se ter em mente o método ABCDE da transformação de uma pinta em melanoma, como descrito abaixo:

Assimetria - uma metade diferente da outra;
Bordas irregulares - contorno mal definido;
Cor - várias cores numa mesma lesão: preta, castanho, branca, avermelhada ou azul;
Diâmetro - maior que 6 milímetros.
Evolução - mudança de cor, tamanho, espessura ou forma

Passo a passo: como fazer o autoexame de pele?

1) Em frente a um espelho, com os braços levantados, examine seu corpo de frente, de costas e os lados direito e esquerdo;

2) Dobre os cotovelos e observe cuidadosamente as mãos, antebraços, braços e axilas;

3) Examine as partes da frente, detrás e dos lados das pernas, além da região genital;

4) Sentado, examine atentamente a planta e o peito dos pés, assim como os entre os dedos;

5) Com o auxílio de um espelho de mão e de uma escova ou secador, examine o couro cabeludo, pescoço e orelhas;

6) Finalmente, ainda com auxílio do espelho de mão, examine as costas e as nádegas.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 03 de Agosto de 2018
Modificada em: 08 de Junho de 2022

Dra. Carolina Zaparoli

Palavra do Dermatologista

Dra. Carolina Zaparoli

CRM: 111.618

Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia/SBD, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e AMB, formada pela Universidade Metropolitana de Santos , realizou residência em dermatologia no Hospital Guilherme Álvaro em Santos. Atua na área de Dermatologia clínica, estética, cirúrgica e laser. Participa de todos os principais congressos para estar sempre atualizada nos melhores tratamentos para seus pacientes.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Poluição, radiação solar... veja quais fatores podem prejudicar o microbioma da pele e sua saúde!

Poluição, radiação solar... veja quais fatores podem prejudicar o microbioma da pele e sua saúde!

Dermatologista

Ácido ascórbico: para que serve? Qual é o mais indicado? Como incluir na minha skincare?

Ácido ascórbico: para que serve? Qual é o mais indicado? Como incluir na minha skincare?

Dermatologista

Protetor solar indicado pelos dermatologistas: veja tudo o que o produto precisa ter para proteger a sua pele

Protetor solar indicado pelos dermatologistas: veja tudo o que o produto precisa ter para proteger a sua pele

Dermatologista

Hiperpigmentação da pele negra: porque as manchas aparecem com mais facilidade?

Hiperpigmentação da pele negra: porque as manchas aparecem com mais facilidade?

Dermatologista

Neurodermatite e dermatite atópica são a mesma coisa?

Neurodermatite e dermatite atópica são a mesma coisa?

Dermatologista

Linhas de expressão na testa: veja como é possível amenizar esses sinais da pele!

Linhas de expressão na testa: veja como é possível amenizar esses sinais da pele!

Dermatologista

Últimas Matérias

Qual é o melhor creme para rugas? Tudo o que o produto precisa ter para combater o envelhecimento da pele Sensibilidade no couro cabeludo: o que pode causar? Veja como tratar esse problema Protetor solar para pele sensível: qual é o produto mais indicado? Como diminuir espinhas? Conheça nutrientes e ativos para cuidar da pele oleosa e evitar a acne Confira o passo a passo DermaClub da hidratação para cabelos crespos Hidratação facial: quantas vezes por dia devo aplicar um creme hidratante para o rosto?
Ver mais

escolha a loja de sua preferência