Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Bigode chinês: saiba como prevenir e amenizar os sulcos que se formam entre o canto do nariz e a boca

Dermatologista explica por que o bigode chinês surge e dá dicas de como prevenir e amenizar a aparência dos sulcos ao redor dos lábios / Foto: Shutterstock
Dermatologista explica por que o bigode chinês surge e dá dicas de como prevenir e amenizar a aparência dos sulcos ao redor dos lábios / Foto: Shutterstock

Entrevista com Dra. Isadora Rosado, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

O "bigode chinês" é caracterizado por rugas no rosto que se estendem do canto do nariz às extremidades dos lábios e aparecem principalmente em mulheres, associadas à flacidez, trazendo ao rosto um aspecto mais envelhecido. “Esse é o nome popular dado aos sulcos nasogenianos e labiogenianos, que podem surgir por diversos motivos, como predisposição genética, falta de elasticidade na pele, entre outros”, explicou a dermatologista Isadora Rosado, que falou mais sobre esse problema e quais são as melhores alternativas para minimizá-lo em entrevista ao DermaClub. Confira!

Quando o bigode chinês pode começar a aparecer?

Segundo a especialista, em geral, os sulcos podem surgir a partir dos 30 anos. “É quando começa ocorrer a perda de colágeno e de sustentação da face, causando os primeiros sinais de envelhecimento”, contou a especialista, destacando, ainda, que a faixa etária pode variar de acordo com cada pessoa, uma vez que o amadurecimento da pele, tanto intrínseco quando extrínseco, muda de acordo com fatores genéticos e ambientais.

Entenda quais fatores podem tornar essas linhas mais profundas em algumas mulheres

De acordo com a dermatologista, a profundidade do bigode chinês muda em cada mulher. “Diversos são os fatores que influenciam nesse aspecto, como a diminuição de fibras musculares, que fazem uma rede de sustentação, atrofia óssea, ação da gravidade, posição viciada ao dormir e até a mania de conversar fazendo muitas expressões. Por isso, existem pessoas que possuem essas linhas mais marcadas, enquanto em outras é bem discreta”, explicou.

Descubra qual o melhor momento para começar a tratar o problema

Dra. Isadora destaca que não existe uma idade certa para a paciente começar a se preocupar com os sulcos ao redor dos lábios. “Por todos os fatores já citados, o bigode chinês pode aparecer precocemente em algumas pessoas ou mais tarde, a partir dos 30 anos. O ideal é estar atenta aos primeiros sinais de envelhecimento e se prevenir”, afirmou.

Melhores tratamentos e produtos para o bigode chinês

Uma vez que começam a aparecer os sulcos em torno dos lábios é a hora de apostar nos tratamentos indicados pelo dermatologista para minimizar sua aparência. “É possível reduzir o bigode chinês com produtos que estimulem a produção de colágeno e tenham ação antioxidante. Além disso, realizar preenchimentos com ácido hialurônico ou procedimentos a laser também são armas fundamentais no tratamento e prevenção dos sulcos nasogenenianos”, concluiu, destacando que nunca se deve abrir mão de um bom protetor solar e hidratantes para a região do rosto.

Dermatologista:

Drª Isadora Rosado

CRM: 6062

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

**Esta matéria foi atualizada no dia 14/09/2018

Publicada em: 02 de Outubro de 2015
Modificada em: 23 de Maio de 2019

Dra. Isadora Rosado

Palavra do Dermatologista

Dra. Isadora Rosado

CRM: 6062

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

O que é bom para foliculite na virilha? Cuidados para diminuir as bolinhas vermelhas e prevenir as manchas

O que é bom para foliculite na virilha? Cuidados para diminuir as bolinhas vermelhas e prevenir as manchas

Esfoliação

Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?

Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?

Esfoliação

O tratamento oncológico e as consequências na pele

O tratamento oncológico e as consequências na pele

Ao seu lado

Como e por que devemos cuidar da pele durante o tratamento de radioterapia?

Como e por que devemos cuidar da pele durante o tratamento de radioterapia?

Ao seu lado

Como proteger a pele durante a quimioterapia

Como proteger a pele durante a quimioterapia

Ao seu lado

Saiba porque o cuidado com a pele durante o tratamento oncológico pode ser vital

Saiba porque o cuidado com a pele durante o tratamento oncológico pode ser vital

Ao seu lado

Últimas Matérias

Traços da tatuagem: dermatologista e tatuadora indicam todos os cuidados para manter o desenho perfeito Falhas no cabelo: o que é alopecia areata? Causas e tratamento para a doença que motiva a queda de cabelo Ácido salicílico: para que serve? Qual é a função? Como usar na rotina de skincare? Dermatologista indica Skincare no verão: 4 produtos para prevenir queimadura solar, mancha, câncer de pele e envelhecimento precoce Cabelo caindo muito: estresse, química, alimentação... 5 fatores que podem causar a queda dos fios Foliculite decalvante: o que é? Como tratar o problema que causa queda de cabelo e calvície
Ver mais