Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Câncer de pele: a causa, os tipos da doença, tratamentos e a importância de usar protetor solar todos os dias

Saiba tudo sobre o câncer de pele, como evitar, tratamentos e a importância de incluir o filtro solar em sua rotina de cuidados com a pele
Saiba tudo sobre o câncer de pele, como evitar, tratamentos e a importância de incluir o filtro solar em sua rotina de cuidados com a pele

Entrevista com Dra. Juliana Neiva, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

O câncer da pele é a principal causa de tumores malignos no Brasil (25%) de acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA). O diagnóstico precoce da doença é muito importante para a cura do paciente, por outro lado, ainda mais importante do que descobrir a tempo é a prevenção. Por isso, o uso do protetor solar é imprescindível para evitar a formação de novos casos. Mas você sabe exatamente o que é essa doença e como ela acontece? O DermaClub conversou com a dermatologista Tatiana Matos que explicou tudo sobre o câncer de pele.

6 causas do câncer de pele

1. Exposição solar direta;
2. Histórico de câncer de pele na família;
3. Histórico pessoal (tumores de pele no passado);
4. Idade (mais comum em adultos);
5. Cigarro (exposição ao arsênico e alcatrão);
6. Exposição à radiação ionizante (usada em raios X e na esterilização de materiais hospitalares).

Tipos de câncer de pele até o melanoma

1) Carcinoma basocelular

Esse tipo de câncer é o mais frequente e atinge as camadas profundas da pele. "O carcinoma basocelular pode atingir qualquer área, mas na maioria das vezes aparece no rosto, no lóbulo da orelha e no nariz", explicou a dermatologista. Apesar de ser o mais prevalente no Brasil, a letalidade dele é a mais baixa.

2) Carcinoma espinocelular

É o segundo câncer mais frequente e acomete as células das camadas superiores da pele. Ele também pode se desenvolver em todas as partes do corpo, mas é mais comum em locais expostos com frequência ao sol.

3) Melanoma

De acordo com a Drª Tatiana, o melanoma é o tipo de câncer de pele menos comum, porém o mais temido que existe. “Ele pode se tornar no melanoma metastático, que invade a pele e suas células caem na corrente sanguínea e vão se espalhando para outros órgãos”. O melhor tratamento é o seu diagnóstico precoce que aumenta as chances de cura - passando dos 90%.

Como é o tratamento do câncer da pele

A escolha do tratamento do câncer de pele vai depender do diagnóstico feito pelo dermatologista. Mas a remoção do tumor pode ser feita através de:

- Cirurgias;
- Uso de ácido 5-aminolevulínico;
- Procedimentos com laser.

Veja como se proteger do sol sem perder nutrientes

Expor-se ao sol é essencial para a absorção de vitamina D e não é preciso se esconder dele para se proteger contra o câncer. A Sociedade Americana de Dermatologia diz que, para haver a produção de vitamina D, 15 minutos de banho de sol em uma extensão de braço e perna é o suficiente.

Produtos relacionados

O horário mais perigoso para se expor ao sol é de 10h às 16h, período em que os raios UVB estão mais concentrados, eles são os causadores de queimaduras e também grandes responsáveis pelo câncer de pele. Já os raios UVA são constantes ao longo do dia e são o principal causador do fotoenvelhecimento. Mas, independentemente do horário a ser escolhido, é importante sempre aplicar o protetor solar. Só ele é capaz de prevenir a formação do câncer de pele.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 27 de Agosto de 2015
Modificada em: 21 de Julho de 2021

Dra. Juliana Neiva

Palavra do Dermatologista

Dra. Juliana Neiva

CRM: 663883

Dra. Juliana Neiva é médica Pós-graduada em Dermatologia pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). Possui título de Especialista em Dermatologia, pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). Sempre atualizada, frequenta os mais importantes congressos nacionais e internacionais. Fez inúmeros cursos e workshops em Dermatologia Clínica e Estética, ministrados pelos principais especialistas estrangeiros na área. Além disso, é colunista em rádios e autora do livro Guia Prático da Beleza por dentro e por fora.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Sabonete para pele oleosa com acne, cravo e manchas na pele: conheça o refil de Effaclar e Normaderm

Sabonete para pele oleosa com acne, cravo e manchas na pele: conheça o refil de Effaclar e Normaderm

Limpeza de pele

8 opções de sabonete ou gel de limpeza para cada tipo de pele

8 opções de sabonete ou gel de limpeza para cada tipo de pele

Limpeza de pele

Produtos para limpeza de pele caseira: gel de limpeza, esfoliante... 6 cuidados para ter no ritual

Produtos para limpeza de pele caseira: gel de limpeza, esfoliante... 6 cuidados para ter no ritual

Limpeza de pele

Dermatologista indica como fazer limpeza de pele profunda em casa com segurança

Dermatologista indica como fazer limpeza de pele profunda em casa com segurança

Limpeza de pele

Sabonete para acne: conheça o melhor produto para o rosto + rotina de skincare para cravos e espinhas

Sabonete para acne: conheça o melhor produto para o rosto + rotina de skincare para cravos e espinhas

Limpeza de pele

O que é bom para foliculite na virilha? Cuidados para diminuir as bolinhas vermelhas e prevenir as manchas

O que é bom para foliculite na virilha? Cuidados para diminuir as bolinhas vermelhas e prevenir as manchas

Esfoliação

Últimas Matérias

Rotina fácil de cuidados com a pele durante o inverno: 9 produtinhos para você apostar na estação Saiba quais cuidados são importantes na hora de fazer a hidratação da pele seca e sensível Como disfarçar marcas de espinhas: passo a passo para esconder as cicatrizes e manchas de acne Skincare para pele negra: 7 dúvidas mais comuns sobre a rotina de cuidados Neurodermatite: o que é? Como tratar? É a mesma coisa que dermatite atópica? Dermatologista explica Dermatite de contato: o que é, quais os sintomas e como tratar as bolinhas na pele que coçam
Ver mais

escolha a loja de sua preferência