Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Como acabar com a alta sudorese nas axilas? Dermatologista lista 6 dicas para dar fim ao problema

Saiba como controlar o excesso de transpiração nas axilas / Foto: Brooke Cagle, Unsplash.com
Saiba como controlar o excesso de transpiração nas axilas / Foto: Brooke Cagle, Unsplash.com

Entrevista com Dra. Betina Stefanello, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

A axila é uma região rica em glândulas sudoríparas, que produzem o suor, ou melhor dizendo a sudorese. Mas muitas pessoas se incomodam quando essa característica acaba se transformando em algo excessivo, refletindo na alta transpiração. É possível dar um fim nesse problema? O DermaClub entrevistou a dermatologista Betina Stefanello, do Rio de Janeiro, que listou 6 dicas para evitar a alta sudorese.

Quais fatores ajudam a produzir mais suor nas axilas?

Sabemos que o suor é uma defesa do organismo para equilibrar a temperatura corporal. Porém, a médica explica que, principalmente nas axilas, ele pode ser induzido por alguns fatores, como: “Mudanças de temperatura (calor), exercícios físicos, fatores emocionais – como estresse e a ansiedade -, desequilíbrios hormonais, substâncias e alimentos termogênicos (que aumentam a temperatura corporal) e tecidos sintéticos que abafam o local”.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

6 dicas para evitar a transpiração nas axilas

A Drª Betina garante que é possível diminuir a sudorese através de procedimentos dermatológicos, como a aplicação de toxina botulínica, cirurgia e o uso de desodorantes específicos, por exemplo. A profissional, listou 5 dicas que funcionam:

1) Usar desodorantes com substâncias que retenham o suor;

2) Apostar na aplicação de toxina botulínica, já que essa age bloqueando e paralisando as glândulas que produzem o suor - no entanto, é importante ter a avaliação do seu dermatologista;

3) Já a cirurgia corta o nervo simpático que inerva as glândulas sudoríparas e produzem suor - veja com o seu dermatologista se o procedimento é necessário;

4) Prefira roupas de tecidos leves, como algodão, que permitem que a pele respire, evitando a transpiração intensa;

5) Evite alimentos apimentados, pois eles estimulam mais produção de suor;

6) Diminua o consumo de bebidas alcoólicas e cigarros. Esses vícios também podem colaborar para a sudorese.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 28 de Dezembro de 2018
Modificada em: 14 de Maio de 2019

Dra. Betina Stefanello

Palavra do Dermatologista

Dra. Betina Stefanello

CRM: 52-913715

Médica graduada pela Universidade Federal De Santa Catarina, pós-graduação em dermatologia pelo Instituto de Dermatologia Professor Rubem David Azulay Da Santa Casa de Misericórdia do Rio de Janeiro. Título de especialista de dermatologista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia - SBD. Internship in Skin Cancer in Santa Maria Nuova Reggio Emilia e dermatology in Hôpital L’arche in Nice. Chefe do setor de Cosmiatria do Instituto de Dermatologia Professor Rubem David Azulay. Sócia da Clínica de Dermatologia Les Peaux no Rio de Janeiro. Autora de diversos artigos e capítulos de livro na área de Cosmiatria.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Heróis da vida real: relato de um dermatologista que trabalha na linha de frente contra a COVID-19

Heróis da vida real: relato de um dermatologista que trabalha na linha de frente contra a COVID-19

Dermatologista

Rotina de skincare na quarentena para cada tipo de pele + dicas para cabelo e corpo

Rotina de skincare na quarentena para cada tipo de pele + dicas para cabelo e corpo

Dermatologista

Aparelhos removedores de cravos: funcionam? Quais os riscos? Como remover de forma segura e como evitar

Aparelhos removedores de cravos: funcionam? Quais os riscos? Como remover de forma segura e como evitar

Dermatologista

Uso de máscara de proteção e skincare: dermatologista explica como adaptar a rotina durante a quarentena

Uso de máscara de proteção e skincare: dermatologista explica como adaptar a rotina durante a quarentena

Dermatologista

Quarentena e doenças de pele: crises de dermatite atópica e psoríase podem agravar-se com a falta de sol?

Quarentena e doenças de pele: crises de dermatite atópica e psoríase podem agravar-se com a falta de sol?

Dermatologista

Estresse, sono desregulado, má alimentação... Entenda como a quarentena pode afetar a sua pele

Estresse, sono desregulado, má alimentação... Entenda como a quarentena pode afetar a sua pele

Dermatologista

Últimas Matérias

Guia de beleza para homens: cuidados com a pele masculina, couro cabeludo e barba Novos hábitos de saúde e beleza com o fim da quarentena: dermatologista indica como serão os cuidados Pele perfeita sem maquiagem: rotina de skincare para uma pele bonita e saudável Como cuidar das sobrancelhas em casa: especialista dá dicas para manter a região impecável Como cortar o cabelo em casa: veja 3 dicas para aparar pontas, franja e até raspar a cabeça Peptídeos: o que são? Quais os benefícios? Como usar na pele? Conheça os vários tipos dessa proteína
Ver mais