Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Como descobrir se um produto de beleza está fazendo mal à sua pele? Dermatologista explica!

Se o produto estiver gerando vermelhidão excessiva, ardência, coceira no local de aplicação ou nas pálpebras e descamação, é preciso ficar alerta
Se o produto estiver gerando vermelhidão excessiva, ardência, coceira no local de aplicação ou nas pálpebras e descamação, é preciso ficar alerta

Entrevista com Dra. Juliana Jordão, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

A pele é o maior órgão do corpo, assim, é responsável por nos proteger das agressões externas do ambiente. No entanto, ela pode ser extremamente sensível e suscetível à irritação quando entra em contato com substâncias presentes em alguns produtos de beleza. Por isso, o DermaClub conversou com a dermatologista Juliana Jordão, de Curitiba, a fim de descobrir quais sintomas são apresentados quando a pele está reativa e como minimizar a sensibilidade. Confira!

Saiba como descobrir o produto adequado para cada tipo de pele

Você já deve saber que a forma mais eficaz para descobrir o produto correto para o seu tipo de pele é com uma consulta e avaliação médica com o dermatologista. E, não tem jeito: é preciso seguir essa dica à risca. “O dermatologista é responsável por definir qual é o seu tipo de pele e, assim, indicar os produtos recomendados para cada caso, levando em consideração a presença de sensibilidade, ressecamento, oleosidade, gestação, lactação dos pacientes, entre outros fatores”, contou.

Como saber que o produto está fazendo mal à pele?

De acordo com a dermatologista, se o produto estiver gerando vermelhidão excessiva, ardência, coceira no local de aplicação ou nas pálpebras e descamação, é preciso ficar alerta. “A irritação causada pelo produto pode gerar alergias de difícil controle e, eventualmente, em peles mais escuras, pode evoluir para manchas em resposta ao processo inflamatório ocorrido”, afirmou.

Entenda quais são os cuidados necessários para tratar a pele irritada

Se você percebeu que um produto está sensibilizando sua pele, o primeiro passo deve ser suspender imediatamente o uso e procurar um atendimento especializado para identificar o agente causador e controlar a crise. A médica diz que, geralmente, nesses casos, é realizada a aplicação de antialérgicos e anti-inflamatórios para amenizar os sintomas. “A exposição solar também deve ser evitada sempre que houver vermelhidão, para não piorar o quadro ou favorecer o surgimento de manchas”, explicou.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 07 de Junho de 2017
Modificada em: 22 de Julho de 2021

Dra. Juliana Jordão

Palavra do Dermatologista

Dra. Juliana Jordão

CRM: 23783

Graduada pela Faculdade Evangélica do Paraná e especialista em dermatologia pelo Hospital Universitário Evangélico de Curitiba e em Clinical Fellowship em Laserterapia na Bélgica. É membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica. Atualmente ministrando aulas de Laserterapia e Cosmiatria nos Congressos Brasileiro de Dermatologia, de Cirurgia Dermatológica, Simpósio Anual de Cosmiatria e Laser, entre outros. Além de aplicar treinamento em Fotodermatologia para outros médicos dermatologistas em diversas cidades do Brasil.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

O que é rosácea: tratamento e controle das manchas vermelhas na pele com skincare e procedimentos

O que é rosácea: tratamento e controle das manchas vermelhas na pele com skincare e procedimentos

Dermatologista

O que é psoríase gutata? Dermatologista explica os sintomas de psoríase e como tratar a doença de pele

O que é psoríase gutata? Dermatologista explica os sintomas de psoríase e como tratar a doença de pele

Dermatologista

Produtos com ácidos: como evitar a irritação da pele? Confira a opinião de uma dermatologista

Produtos com ácidos: como evitar a irritação da pele? Confira a opinião de uma dermatologista

Dermatologista

Harmonização facial: o que é? Quais os prós e contras desse procedimento estético?

Harmonização facial: o que é? Quais os prós e contras desse procedimento estético?

Dermatologista

Sérum: ácido hialurônico, vitamina C, ácido salicílico, retinol... qual é o mais indicado para a pele oleosa?

Sérum: ácido hialurônico, vitamina C, ácido salicílico, retinol... qual é o mais indicado para a pele oleosa?

Dermatologista

Vitamina C e retinol: como incluir os ativos na mesma rotina de skincare para otimizar o tratamento de manchas

Vitamina C e retinol: como incluir os ativos na mesma rotina de skincare para otimizar o tratamento de manchas

Dermatologista

Últimas Matérias

Rotina fácil de cuidados com a pele durante o inverno: 9 produtinhos para você apostar na estação Saiba quais cuidados são importantes na hora de fazer a hidratação da pele seca e sensível Como disfarçar marcas de espinhas: passo a passo para esconder as cicatrizes e manchas de acne Skincare para pele negra: 7 dúvidas mais comuns sobre a rotina de cuidados Neurodermatite: o que é? Como tratar? É a mesma coisa que dermatite atópica? Dermatologista explica Dermatite de contato: o que é, quais os sintomas e como tratar as bolinhas na pele que coçam
Ver mais

escolha a loja de sua preferência