Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Cuidados com a pele infantil: saiba como proteger e cuidar da pele dos bebês

Saiba quais produtos você pode ou não usar para proteger a pele do seu bebê
Saiba quais produtos você pode ou não usar para proteger a pele do seu bebê

Entrevista com Dra. Carolina Reato Marçon, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

Os bebês têm uma pele muito diferente dos adultos. Apresentando uma textura mais fina, delicada e sensível, os pequenos são mais suscetíveis às agressões externas - como a exposição solar, poluição, mudanças climáticas, entre outros. Por isso, os cuidados com a região precisam ser ainda maiores, principalmente quanto ao uso de dermocosméticos, que precisam ser específicos para a pele infantil. Para esclarecer esses gestos e manter o corpo e rosto da criança protegidos e saudáveis, convidamos a dermatologista Carolina Marçon, de São Paulo. Veja só!

Conheça os primeiros cuidados com a pele do bebê

Por ser muito sensível e fina, a pele dos bebês possui um risco maior de sofrer danos após a exposição a agentes externos, como o uso de dermocosméticos. Esse cenário ocorre durante a infância, mas pode permanecer até a adolescência, na época da puberdade. De acordo com a dermatologista, “isso acontece devido à baixa produção hormonal que faz com que a pele tenha um manto hidrolipídico mais suscetível à permeabilidade e ao potencial tóxico de substâncias aplicadas sobre ela”, esclareceu.

Por isso, é importante ter muito cuidado e evitar ao máximo o uso de quaisquer produtos na pele das crianças - como perfumes, maquiagem e cremes -, principalmente aqueles que não são de uso infantil, para prevenir reações alérgicas. “Caso o pequeno tenha doenças de pele, como a dermatite atópica, requer tratamento e utilização de hidratantes recomendados pelo dermatologista”, garantiu.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Atenção com o uso de produtos na pele das crianças

Atualmente, existem muitos produtos que são destinados à pele infantil, porém, é importante que sejam usados apenas com a indicação do dermatologista. A Dra. Carolina mencionou que esses dermocosméticos precisam ser livres de perfume e corante para evitar irritações.

O protetor solar é o melhor amigo do seu filho

Por ter uma quantidade menor de melanina, a pele da criança também é bastante fotossensível e, consequentemente, possui mais chances de desenvolver queimaduras solares. “Essas queimaduras que ocorrem na infância são fatores muito significativos para o aparecimento de câncer da pele na idade adulta”, alertou a médica. Por isso, é importante fazer o uso do protetor solar com FPS 30, no mínimo, a partir dos 6 meses de vida. Antes dessa idade, proteja o seu filho da radiação com barreiras físicas - chapéus, guarda-sol e roupas com proteção UV.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 14 de Fevereiro de 2018
Modificada em: 22 de Maio de 2019

Dra. Carolina Reato Marçon

Palavra do Dermatologista

Dra. Carolina Reato Marçon

CRM: 113.379

Especialização em Clínica Médica e Dermatologia pela Santa Casa de Misericórdia de São Paulo; Médica Colaboradora do Setor de Dermatologia da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo; Coordenadora do Programa Pró-Albino; Fellowship em Cosmiatria - Dr. Zoe Draelos, Carolina do Norte - EUA; Fellowship em Tricologia - Universidade de Bolonha, Itália - Prof. Antonella Tosti; Fellowship em Dermatoscopia e Microscopia Confocal - Universidade de Modena / Reggio Emilia, Itália; Membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia, da Academia Americana de Dermatologia e do Colégio Ibero-Latinoamericano de Dermatologia

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Argila branca: para que serve? Ajuda a tratar manchas na pele? Controla a oleosidade? 6 dúvidas sobre o ativo

Argila branca: para que serve? Ajuda a tratar manchas na pele? Controla a oleosidade? 6 dúvidas sobre o ativo

Manchas na pele

O que é bom para foliculite na virilha? Cuidados para diminuir as bolinhas vermelhas e prevenir as manchas

O que é bom para foliculite na virilha? Cuidados para diminuir as bolinhas vermelhas e prevenir as manchas

Manchas na pele

Como diminuir manchas de espinhas: 5 dicas de tratamentos e produtos

Como diminuir manchas de espinhas: 5 dicas de tratamentos e produtos

Manchas na pele

Quanto tempo demora para sair uma espinha interna? Como tratar a acne sem causar manchas na pele

Quanto tempo demora para sair uma espinha interna? Como tratar a acne sem causar manchas na pele

Manchas na pele

Mancha no buço: como tirar? O que pode ser? Dermatologista explica as causas e tratamentos para o problema

Mancha no buço: como tirar? O que pode ser? Dermatologista explica as causas e tratamentos para o problema

Manchas na pele

Manchas na pele X verão: quem tem melasma, vitiligo, marcas de acne pode se bronzear?

Manchas na pele X verão: quem tem melasma, vitiligo, marcas de acne pode se bronzear?

Manchas na pele

Últimas Matérias

Dermatologista indica como fazer limpeza de pele profunda em casa com segurança Efeito lip tint: conheça a técnica flow lips que hidrata os lábios e dá aquele aspecto natural de boca rosa Como fazer o cabelo crescer: 8 produtos e cuidados que vão acelerar o crescimento dos fios #AcnePositivity: conheça o movimento que apoia a autoaceitação de espinhas Psoríase leve, moderada, grave: conheça os graus da doença de pele e como tratar as manchas vermelhas no corpo Bolinhas no corpo: o que são? Quais são as causas? É foliculite ou alergia? Saiba como tratar
Ver mais