Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Depilação a laser no verão: pode ou não pode? Porquê? Entenda e saiba quais os cuidados com a pele

É possível fazer depilação a laser no verão? Confira a matéria e descubra / Foto: Shutterstock
É possível fazer depilação a laser no verão? Confira a matéria e descubra / Foto: Shutterstock

Entrevista com Dra. Luciana Kalache, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Com a chegada do verão, a depilação é cada vez mais frequente. Para quem busca um método definitivo, o laser costuma ser a opção mais atrativa, mas será que é possível se submeter a ele no verão? Para entender essa questão, o DermaClub explica como é feita a depilação a laser, quais as suas condições e os cuidados para manter a pele saudável após o procedimento.

Como é feita a depilação a laser?

A depilação a laser tem como objetivo eliminar os pelos de um modo duradouro. Para isso precisa destruir o bulbo, responsável pela produção de um novo pelo. O raio do laser tem como alvo a melanina, o pigmento presente no pelo. A luz concentrada do laser é absorvida pelo pigmento da raiz aumentando o calor nessa região e induzindo por consequência a morte do bulbo do folículo piloso. A dermatologista Luciana Kalache explica que o “o calor dos raios enfraquece e destrói os pelos”, buscando a melanina presente neles. Assim, o ideal é que o contraste entre o pelo e a pele seja o mais forte possível, para que o raio não atinja a melanina da pele e acabe queimando.

Porque não é indicado fazer depilação a laser no verão?

No verão, inevitavelmente a pele fica mais bronzeada. Tanto para quem se expõe ao sol para ganhar a cor dourada, quanto para quem evita as queimaduras, a maior intensidade dos raios solares acaba por amorenar a pele nesta época do ano. Da mesma forma, muitas vezes os pelos também clareiam com o sol, o que acaba enfraquecendo o contraste entre a pele e os fios. Por este motivo, muitas vezes o laser não reconhece a diferença e acaba por criar queimaduras na pele, que podem evoluir para manchas bem difíceis de eliminar.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Da mesma forma, a médica explicou que quem já tem a pele morena ou negra tem o mesmo problema. “Pessoas de pele morena ou negra devem fazer esse tipo de depilação com parâmetros diferenciados para evitar lesões como queimaduras e manchas, que podem ser de difícil tratamento”. Por isso, se consulte com o seu dermatologista antes de fazer o procedimento.

Cuidados com a pele antes e depois da depilação a laser

Mesmo começando o tratamento no inverno, muitas vezes as sessões se prolongam até o verão. Para evitar complicações, é importante sempre proteger ao máximo a pele do sol antes e depois do procedimento. O recomendado é não se expor diretamente ao sol 15 dias antes e 15 dias depois. Usar protetor solar de FPS alto em todas as áreas depiladas é essencial, e além disso, vale a pena tomar alguns cuidados, como:

- Evitar o uso de maquiagens ou cosméticos que possam irritar a pele;
- Usar água termal e dermocosméticos com propriedades calmantes e cicatrizantes na região depilada;
- Evitar outros procedimentos no local, como peeling ou limpeza de pele profunda, nas semanas seguintes;
- Evitar usar roupas muito apertadas ou que possam causar atrito com o local.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 10 de Janeiro de 2019
Modificada em: 23 de Maio de 2019

Dra. Luciana Kalache

Palavra do Dermatologista

Dra. Luciana Kalache

CRM: PR025411

Médica formada pela Universidade Federal do Paraná, realizou residência de Clínica Médica no Hospital de Clínicas da UFPR e especialização em Dermatologia pelo Serviço de Dermatologia da Santa Casa de Misericórdia de Curitiba. É membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, participa de vários congressos anualmente, além de ministrar aulas em eventos de importância nacional e estadual. Atua na área de dermatologia clínica e cirúrgica, atendendo crianças e adultos no tratamento dermatológico médico e estético.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Dermatologista indica como fazer limpeza de pele profunda em casa com segurança

Dermatologista indica como fazer limpeza de pele profunda em casa com segurança

Dermatologista

DIU de cobre pode causar espinhas? Dermatologista esclarece a dúvida e indica cuidados para tratar a acne

DIU de cobre pode causar espinhas? Dermatologista esclarece a dúvida e indica cuidados para tratar a acne

Dermatologista

Como diminuir a oleosidade do cabelo: produtos e cuidados para tratar a caspa, coceira e dermatite seborreica

Como diminuir a oleosidade do cabelo: produtos e cuidados para tratar a caspa, coceira e dermatite seborreica

Dermatologista

Escova de limpeza facial (FOREO): como usar? Como limpar? Dermatologista dá dicas de como higienizar e cuidar

Escova de limpeza facial (FOREO): como usar? Como limpar? Dermatologista dá dicas de como higienizar e cuidar

Dermatologista

Ácido hialurônico é bom para pele oleosa? Dermatologista esclarece a questão

Ácido hialurônico é bom para pele oleosa? Dermatologista esclarece a questão

Dermatologista

Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?

Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?

Dermatologista

Últimas Matérias

Traços da tatuagem: dermatologista e tatuadora indicam todos os cuidados para manter o desenho perfeito Falhas no cabelo: o que é alopecia areata? Causas e tratamento para a doença que motiva a queda de cabelo Ácido salicílico: para que serve? Qual é a função? Como usar na rotina de skincare? Dermatologista indica Skincare no verão: 4 produtos para prevenir queimadura solar, mancha, câncer de pele e envelhecimento precoce Cabelo caindo muito: estresse, química, alimentação... 5 fatores que podem causar a queda dos fios Foliculite decalvante: o que é? Como tratar o problema que causa queda de cabelo e calvície
Ver mais