Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Dermatite seborreica e caspa são a mesma coisa? Dermatologista explica a diferença entre os quadros

 Descubra qual é a ligação entre a dermatite seborreica no couro cabeludo e a caspa
Descubra qual é a ligação entre a dermatite seborreica no couro cabeludo e a caspa

Entrevista com Dra. Lilia Guadanhim, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

A caspa tem impacto negativo sobre a qualidade de vida dos pacientes, gerando desconforto por ser erroneamente associada à falta de higiene. Os floquinhos são consequência da dermatite seborreica, uma inflamação que também pode provocar coceira no couro cabeludo e em algumas partes do corpo. O DermaClub conversou com a dermatologista Lilia Guadanhim, de São Paulo, que explicou um pouco mais sobre essa conexão e ainda deu 7 dicas de como cuidar e controlar o quadro. Confira!

Entenda a diferença entre a dermatite seborreica e a caspa

Segundo a médica, a caspa é o nome popular da descamação característica dos quadros de dermatite seborreica no couro cabeludo. “A dermatite ocorre principalmente por produção excessiva de oleosidade e, além da descamação, pode provocar vermelhidão e coceira”, explicou. O quadro se desenvolve a partir da predisposição familiar e pessoal, do aumento na produção de sebo e através de fungos, que colaboram para a inflamação da região.

Dermatologista explica como é possível tratar a dermatite seborreica e a caspa

De acordo com a especialista, por ser uma doença crônica, é importante cuidar das crises, mas também manter um tratamento regular. “Nos períodos mais críticos, o uso de corticoides tópicos ajuda a controlar mais rapidamente a descamação. Casos mais intensos podem ser tratados com remédios orais, como os probióticos, que auxiliam no domínio da oleosidade e no equilíbrio da flora. Já o tratamento básico é feito com shampoos que contenham agentes antifúngicos - como ciclopiroxolamina e cetoconazol -, queratolíticos - como ácido salicílico e LHA - e seborreguladores - como piritionato de zinco.

Dra. Lilia Guadanhim dá 7 dicas para controlar o caso

1) Lave os cabelos no mínimo três vezes por semana;

2) Por ser um quadro crônico, alterne o seu shampoo comum com um específico para controle de oleosidade - de acordo com a gravidade do quadro e orientação médica;

3) Evite banhos muito quentes, pois estimulam a oleosidade no couro cabeludo;

4) Os shampoos de tratamento fazem pouca espuma, isso é normal e esperado;

5) Deixe o produto agir no couro cabeludo por pelo menos cinco minutos, depois enxague;

6) Você pode manter sua rotina normal de cuidados com os fios: use condicionador no comprimento do cabelo e máscaras hidratantes;

7) Evite o estresse, pois ele é um agravante do quadro.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 24 de Junho de 2016
Modificada em: 23 de Maio de 2019

Dra. Lilia Guadanhim

Palavra do Dermatologista

Dra. Lilia Guadanhim

CRM: 133850

Formação em Medicina, Residência Médica em Dermatologia e Especialização em Cosmiatria pela Escola Paulista de Medicina - Universidade Federal de São Paulo. Possui título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e Associação Médica Brasileira, além de ser membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da International Dermoscopy Society. Tem especializações em Cosmiatria - Toxina Botulínica e Preenchimento na França e Dermatoscopia - Oncologia Cutânea na Itália. É médica colaboradora da Unidade de Cosmiatria da Escola Paulista de Medicina - Universidade Federal de São Paulo.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Dermatologista indica como fazer limpeza de pele profunda em casa com segurança

Dermatologista indica como fazer limpeza de pele profunda em casa com segurança

Dermatologista

Shampoo para caspa: como usar e escolher o melhor produto para tratar a coceira na cabeça?

Shampoo para caspa: como usar e escolher o melhor produto para tratar a coceira na cabeça?

Dermatite

5 coisas que acontecem com a pele no inverno: dermatite, ressecamento, rosácea... veja as queixas mais comuns

5 coisas que acontecem com a pele no inverno: dermatite, ressecamento, rosácea... veja as queixas mais comuns

Dermatite

DIU de cobre pode causar espinhas? Dermatologista esclarece a dúvida e indica cuidados para tratar a acne

DIU de cobre pode causar espinhas? Dermatologista esclarece a dúvida e indica cuidados para tratar a acne

Dermatologista

Como diminuir a oleosidade do cabelo: produtos e cuidados para tratar a caspa, coceira e dermatite seborreica

Como diminuir a oleosidade do cabelo: produtos e cuidados para tratar a caspa, coceira e dermatite seborreica

Dermatite

Escova de limpeza facial (FOREO): como usar? Como limpar? Dermatologista dá dicas de como higienizar e cuidar

Escova de limpeza facial (FOREO): como usar? Como limpar? Dermatologista dá dicas de como higienizar e cuidar

Dermatologista

Últimas Matérias

Traços da tatuagem: dermatologista e tatuadora indicam todos os cuidados para manter o desenho perfeito Falhas no cabelo: o que é alopecia areata? Causas e tratamento para a doença que motiva a queda de cabelo Ácido salicílico: para que serve? Qual é a função? Como usar na rotina de skincare? Dermatologista indica Skincare no verão: 4 produtos para prevenir queimadura solar, mancha, câncer de pele e envelhecimento precoce Cabelo caindo muito: estresse, química, alimentação... 5 fatores que podem causar a queda dos fios Foliculite decalvante: o que é? Como tratar o problema que causa queda de cabelo e calvície
Ver mais