Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Foliculite pós-barba: saiba por que ela surge na pele do rosto e pescoço + dicas de como evitar e tratar

Descubra por que a foliculite pós-barba acontece e veja dicas de como evitar e tratar a doença
Descubra por que a foliculite pós-barba acontece e veja dicas de como evitar e tratar a doença
Saiba como cuidar da pele na hora de barbear
Saiba como cuidar da pele na hora de barbear
barba
barba
barba
barba
barba
barba

Entrevista com Dra. Luciana Kalache, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

Muitos homens sofrem com a sensibilidade da pele depois de se barbearem. Os episódios de foliculite pós-barba são conhecidos clinicamente como pseudofoliculite e, apesar de frequentes e normais, é possível preveni-los. Em entrevista ao DermaClub, a dermatologista Luciana Kalache, de Curitiba, no Paraná, explicou tudo sobre o problema, desde como e por que acontece, até cuidados simples que podem amenizar os efeitos da doença. Confira!

Descubra o que é a foliculite e por que ela acontece

De acordo com a médica, o quadro se manifesta com o surgimento de bolinhas vermelhas e bolinhas com pus ao redor do pelo. Na maioria das vezes, não há infecção bacteriana e, por isso, o problema leva o nome de pseudofoliculite - que se caracteriza pela inflamação do folículo piloso causado por encravamento ou trauma. "O que ocorre são pelos raspados que crescem e não conseguem atravessar a pele, ou então crescem e curvam-se", explicou, afirmando que quando há infecção bacteriana, o diagnóstico é de foliculite.

Dentre os homens, os morenos e negros têm maior propensão ao quadro porque os pelos da barba são mais encaracolados e se curvam com mais facilidade. Porém, as mulheres também podem apresentar a pseudofoliculite após depilação em regiões como virilha e axilas, em que a pilificação é composta por pelos grossos e mais escuros.

Dra. Luciana Kalache concede dicas de como evitar a pseudofoliculite

Segundo a dermatologista, existem cuidados que podem auxiliar na prevenção da pseudofoliculite. Confira a lista:

- Quando os pelos são muito grossos, é indicado um produto pré-barba ou hidratante para amaciá-los;

- Não se barbeie com pressa, sem produtos que auxiliam ou só com água. O ideal é usar espuma ou gel previamente. Opte por produtos com pH neutro e não muito agressivos, que possuam ação hidratante e calmante;

- Passe a lâmina no sentido do crescimento do pelo, o menor número possível de vezes - é importante que o aparelho esteja em boas condições e não se esqueça de trocá-lo com frequência;

- Use produtos específicos pós-barba para reduzir a irritação e evite os que contenham álcool.

Saiba quais são os produtos mais indicados para tratar uma pele com pseudofoliculite

Para Dra. Luciana, a melhor alternativa é sempre a prevenção, por isso é fundamental seguir os passos acima e mantê-los. Mas se a pseudofoliculite já está instalada, o tratamento pode ser feito com ativos ceratolíticos, que fazem uma esfoliação química leve e ajudam a afinar a camada superficial da pele. "Além disso, podem ser usados cremes ou pomadas com atividade anti-inflamatória e antibiótica. Em casos mais graves, se faz necessário o uso de medicações via oral ou até mesmo a drenagem cirúrgica das lesões", apontou.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 10 de Setembro de 2015
Modificada em: 22 de Maio de 2019

Dra. Luciana Kalache

Palavra do Dermatologista

Dra. Luciana Kalache

CRM: PR025411

Médica formada pela Universidade Federal do Paraná, realizou residência de Clínica Médica no Hospital de Clínicas da UFPR e especialização em Dermatologia pelo Serviço de Dermatologia da Santa Casa de Misericórdia de Curitiba. É membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, participa de vários congressos anualmente, além de ministrar aulas em eventos de importância nacional e estadual. Atua na área de dermatologia clínica e cirúrgica, atendendo crianças e adultos no tratamento dermatológico médico e estético.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Esfoliante para o couro cabeludo: ajuda com a caspa? Resseca o cabelo? 4 mitos e verdades sobre o assunto

Esfoliante para o couro cabeludo: ajuda com a caspa? Resseca o cabelo? 4 mitos e verdades sobre o assunto

Caspa

Shampoo anticaspa: posso usar todos os dias? Resseca o couro cabeludo? Entenda!

Shampoo anticaspa: posso usar todos os dias? Resseca o couro cabeludo? Entenda!

Caspa

Caspa no verão: é mais comum? Como tratar sem ressecar o cabelo?

Caspa no verão: é mais comum? Como tratar sem ressecar o cabelo?

Caspa

Tudo sobre esfoliação: como esfoliar a pele do rosto, corpo, couro cabeludo, melhores produtos, peeling...

Tudo sobre esfoliação: como esfoliar a pele do rosto, corpo, couro cabeludo, melhores produtos, peeling...

Caspa

Cronograma capilar do cabelo com caspa: produtos + passo a passo para tratar o problema

Cronograma capilar do cabelo com caspa: produtos + passo a passo para tratar o problema

Caspa

Lavar o cabelo todos os dias ajuda a prevenir a caspa? Saiba como controlar a dermatite seborreica

Lavar o cabelo todos os dias ajuda a prevenir a caspa? Saiba como controlar a dermatite seborreica

Caspa

Últimas Matérias

Dermocosméticos em ampolas: o que têm de especial? Manchas na pele X verão: quem tem melasma, vitiligo, marcas de acne pode se bronzear? Ampola de vidro em dermocosméticos: quais os benefícios? Como funciona? Como descartar corretamente? Como cuidar da pele durante o tratamento de câncer de mama: dicas de produtos e rotina de skincare Como usar ácidos na pele: 5 mandamentos fundamentais para incluir esse tratamento na rotina de skincare Creme para olhos: 9 ativos super poderosos para tratar olheiras, rugas e ressecamento na região
Ver mais