Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Make para o Carnaval: dermatologista conta quais substâncias devem ficar longe da sua pele durante a folia

No Carnaval é preciso tomar cuidado com as substâncias que usamos na pele para incrementar as fantasias, ainda mais com a exposição intensa ao sol nos blocos
No Carnaval é preciso tomar cuidado com as substâncias que usamos na pele para incrementar as fantasias, ainda mais com a exposição intensa ao sol nos blocos

Entrevista com Dra. Valéria Marcondes, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

Com a chegada do Carnaval, a vontade de sair bem colorida e cheia de brilhos é grande! No entanto, é preciso tomar cuidado com as substâncias que usamos na pele para incrementar as fantasias, ainda mais com a exposição intensa ao sol, nos blocos e festas durante o dia. Pensando nisso, o DermaClub conversou com a dermatologista Valéria Marcondes, de São Paulo, para alertar sobre as recomendações essenciais para curtir essa festa sem ter consequências para a pele. Confira!

Saiba quais são as substâncias que devemos evitar para os makes de Carnaval

Para garantir a diversão nos bloquinhos sem se preocupar com reações alérgicas na pele, é preciso ter cuidado com o tipo de adereços e substâncias utilizadas para compor a fantasia. De acordo com a dermatologista, é recomendado evitar tinta guache e pincéis atômicos - como as canetas usadas para quadro branco -, já que não são próprios para a pele. “Opte por maquiagens aprovadas dermatologicamente e que estejam, principalmente, dentro da validade”, disse.

Veja o preparo ideal da pele antes do make para a folia

É fundamental estar com a pele preparada para o evento, já que o suor e desidratação são quase inevitáveis. Para a Dra. Valéria, o filtro solar é o item mais importante - e ele pode ser de toque seco, para controlar a oleosidade excessiva, e ainda ter cor de base. “Procure limpar a pele com solução micelar, que não desidrata, antes de começar a se maquiar. Após esse passo, você pode aplicar um primer, que ajuda o make a aderir melhor à pele”, explicou.

Glitter: conheça os cuidados necessários antes de inseri-lo na sua maquiagem

Purpurina, lantejoulas e Carnaval são a combinação perfeita. Mas você já parou para pensar nos cuidados necessários antes de brilhar na folia? Segundo a médica, normalmente, compramos esses enfeites e acabamos deixando guardados por muito tempo, não observando a validade do produto quando se vai usar novamente. Por isso, fique atenta a esse fato! Evite também aplicá-los nas regiões muito próximas aos olhos, pois são mais sensíveis e para que não grudem nos cílios, evitando pequenas lesões nas córneas e conjuntivite.

Entenda as melhores texturas de produtos para enfrentar a folia de Carnaval

Para a Dra. Valéria, por causa do suor, as maquiagens à prova d’água são as mais indicadas, para que não escorram e parem dentro dos olhos ou irritem as regiões do pescoço e nuca. “A textura oil-free também é uma ótima alternativa, já que confere mais aderência à pele e evita o brilho extra”, explicou. A médica ainda completa que, após a limpeza da pele, para remover toda a maquiagem, é importante investir em hidratantes com ativos calmantes e no uso da água termal.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 21 de Fevereiro de 2017
Modificada em: 28 de Julho de 2021

Dra. Valéria Marcondes

Palavra do Dermatologista

Dra. Valéria Marcondes

CRM: 50.283

Graduada em medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Santos, com residência no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), Valéria Marcondes é membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), além de membro fundadora da Sociedade de Laser de São Paulo. A especialista ainda ministra frequentemente aulas e workshops, e possui diversos trabalhos e artigos publicados em periódicos científicos, bem como inúmeras participações em congressos nacionais e internacionais. Hoje, é médica e fundadora da Clínica Valéria Marcondes, voltada para tratamentos de beleza e estética de homens e mulheres, com sedes localizadas em Alphaville e Pacaembu, São Paulo.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Queda de cabelo por estresse: descubra o que fazer para tratar e evitar esse problema!

Queda de cabelo por estresse: descubra o que fazer para tratar e evitar esse problema!

Dermatologista

Protetor solar para o rosto: porque reaplicar o produto? Como retocar o protetor solar com cor?

Protetor solar para o rosto: porque reaplicar o produto? Como retocar o protetor solar com cor?

Dermatologista

Skincare para pele negra: 7 dúvidas mais comuns sobre a rotina de cuidados

Skincare para pele negra: 7 dúvidas mais comuns sobre a rotina de cuidados

Dermatologista

Neurodermatite: o que é? Como tratar? É a mesma coisa que dermatite atópica? Dermatologista explica

Neurodermatite: o que é? Como tratar? É a mesma coisa que dermatite atópica? Dermatologista explica

Dermatologista

Dermatite de contato: o que é, quais os sintomas e como tratar as bolinhas na pele que coçam

Dermatite de contato: o que é, quais os sintomas e como tratar as bolinhas na pele que coçam

Dermatologista

O que é rosácea: tratamento e controle das manchas vermelhas na pele com skincare e procedimentos

O que é rosácea: tratamento e controle das manchas vermelhas na pele com skincare e procedimentos

Dermatologista

Últimas Matérias

Effaclar Sérum Ultra Concentrado: guia completo de como usar o produto na rotina de skincare da pele acneica Creme para área dos olhos: dermatologista indica o melhor produto hidratante e para rugas Caspa pode causar a queda de cabelo? Saiba como acabar com a perda dos fios e tratar a dermatite seborreica Manchas vermelhas no corpo que coçam e se espalham: o que pode ser? Alergia, psoríase ou dermatite atópica? Como diminuir a caspa da dermatite seborreica: rotina capilar + cuidados com o couro cabeludo descamando Peeling para acne em casa: pode ser feito? Dermatologista indica como fazer o tratamento com segurança
Ver mais

escolha a loja de sua preferência