Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Manchas roxas na pele: o que podem ser? Dermatologista esclarece as possíveis causas do problema

Entenda o que podem ser as várias manchas roxas que surgem na pele / Foto: Shutterstock
Entenda o que podem ser as várias manchas roxas que surgem na pele / Foto: Shutterstock

Entrevista com Dra. Christiane Gonzaga, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

Quando aparece uma mancha roxa na pele, o primeiro pensamento que vem à cabeça é que se trata de um hematoma. Mas, se com o passar do tempo a marca não sumiu, o que pode ser? Para esclarecer as possíveis causas do problema e como tratá-lo, o DermaClub conversou com a dermatologista Christiane Gonzaga. Veja só!

O que são manchas roxas na pele?

Quando não se trata de hematoma, a mancha roxa, também conhecida como púrpura ou equimose, é um sangramento que acontece na pele ou nas camadas logo abaixo dela, devido ao rompimento de um vaso sanguíneo.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Normalmente, quais são as causas dessas manchas?

De acordo com a Drª Christiane, as manchas roxas são causadas por uma compressão. “Forças que empurram o tecido para baixo, provocando o derramamento de sangue, gerando um dano ao tecido”. As principais causas dessas manchas, além de pancadas, são:

Fragilidade capilar: ocorre quando os vasos de sanguíneos estão frágeis e se rompem naturalmente, ocasionando alergia, deficiência de vitamina D, envelhecimento, predisposição genética, púrpura por melancolia.

Exercícios físicos: os músculos ficam muito tensionados, durante as atividades físicas, podendo ocasionar o rompimento dos pequenos vasos, provocando o surgimento de roxos na pele.

Uso de medicamentos como: quimioterapia e medicamentos da classe dos anticoagulantes podem interferir na ação das plaquetas ou na eficácia de coagulação do sangue, formando assim as púrpuras ou equimoses.

Doenças que alteram a circulação do sangue: elas alteram os fatores de coagulação do sangue e podem reduzir o número de plaquetas modificar a função. “Isso pode facilitar o vazamento de sangue pelos vasos, formando manchas que são causadas por doenças do fígado, de medula óssea, doenças genéticas, autoimunes, infecções por vírus e deficiência de vitaminas e minerais.

Além de um hematoma, pode ser uma doença de pele?

Quando falamos de alguma ligação entre hematomas e pele, destaco que o hematoma não é uma doença, mas está relacionado, por exemplo, diretamente, às mudanças corporais ligadas à idade: “O chamado desgaste natural dos capilares, tem a ver com o sistema vascular ficar debilitado, porque a elasticidade dos tecidos diminui à medida que se envelhece. Em outras palavras, devido à perda de elasticidade do tecido, alguns vasos sanguíneos ficam mais frágeis, aumentando a probabilidade de surgirem hematomas”.

Como podemos tratar essas manchas?

Uma forma simples de tratar essas manchas roxas é aplicar gelo assim que elas surgirem, já que o gelo minimiza a irrigação sanguínea. Sendo assim, a Drª Christiane indica: “Compressas de água morna são ótimas para aquelas manchas com mais de 24 horas, pois melhoram a circulação sanguínea que colabora para a remoção de coágulos formados; pomadas de arnica ou à base de heparina sódica, para remover o acúmulo de sangue da pele, também são ótimas opções”.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 11 de Dezembro de 2019
Modificada em: 17 de Fevereiro de 2020

Dra. Christiane Gonzaga

Palavra do Dermatologista

Dra. Christiane Gonzaga

CRM: 52646652

Dra. Christiane Gonzaga é especialista em Dermatologia, Membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia. É membro da Sociedade Internacional de Dermatologia, membro da Sociedade Americana de Dermatologia Cosmética e membro da Academia Americana de Dermatologia. A especialista faz constantes atualizações nos mais importantes Congressos Dermatológicos nacionais e internacionais.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Queratina: o que é? Qual é a função da queratina nos cabelos? Como usar na rotina de cuidados capilar?

Queratina: o que é? Qual é a função da queratina nos cabelos? Como usar na rotina de cuidados capilar?

Dermatologista

SOS lábios: cuidados e procedimentos para deixar a sua boca ainda mais bonita

SOS lábios: cuidados e procedimentos para deixar a sua boca ainda mais bonita

Dermatologista

Os riscos da limpeza de pele excessiva: efeito rebote, irritação... Confira os principais

Os riscos da limpeza de pele excessiva: efeito rebote, irritação... Confira os principais

Dermatologista

Óleo de Melaleuca (Tea Tree Oil): para que serve? É seguro? Quais os benefícios para a pele oleosa?

Óleo de Melaleuca (Tea Tree Oil): para que serve? É seguro? Quais os benefícios para a pele oleosa?

Dermatologista

Rotina de pele oleosa para clarear manchas de acne: passo a passo para uniformizar o tom da pele

Rotina de pele oleosa para clarear manchas de acne: passo a passo para uniformizar o tom da pele

Manchas na pele

Água termal no tratamento da psoríase realmente funciona? Confira a opinião de uma dermatologista

Água termal no tratamento da psoríase realmente funciona? Confira a opinião de uma dermatologista

Dermatologista

Últimas Matérias

Minéral 89 Olhos de Vichy: conheça o mais novo completo cuidado com tripla ação para área dos olhos Mancha branca na pele: o que pode ser? Dermatologista lista as causas da descoloração Skincare: o que é? Dermatologista conta como montar uma rotina corretamente Sabonete para dermatite atópica: dermatologista explica como escolher a melhor fórmula Botox preventivo: desvende 5 mitos e verdades sobre o procedimento Peptídeos: 5 benefícios dessas moléculas na sua rotina de cuidados com a pele
Ver mais