Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Menopausa: saiba quais são os efeitos desta fase na pele da mulher

Você sabe quais são os reais efeitos da menopausa na pele?
Você sabe quais são os reais efeitos da menopausa na pele?

Entrevista com Dra. Lilia Guadanhim, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

O ciclo menstrual acompanha a mulher durante grande parte de sua vida. No entanto, mesmo quando ele chega ao fim, com o início da menopausa, ainda acontecem diversos efeitos sobre o organismo. Mas, além dos famosos sintomas, você sabe o que acontece com a pele nessa fase?

Entenda o que é a menopausa

De acordo com a dermatologista, a menopausa corresponde à fase em que se para de menstruar mensalmente. Dessa forma, o fim desse ciclo representa o chamado climatério, que inclui sinais e sintomas relacionados às alterações hormonais que acontecem nesse novo momento da vida da mulher.

Saiba quais são os efeitos da menopausa na pele da mulher

Sabemos que a menopausa é famosa devido às modificações hormonais que acontecem no corpo da mulher, como a irregularidade do ciclo menstrual até seu desaparecimento, ondas de calor, falta de lubrificação vaginal e redução na libido. Segundo a dermatologista Lilia Guadanhim, de São Paulo, o climatério é caracterizado pelo hipoestrogenismo, ou seja, a queda dos estrógenos circulantes. Dessa forma, pode-se observar alterações na pele, como ressecamento, diminuição de elasticidade e afinamento. “Nos casos mais avançados, e, especialmente, se há histórico de exposição solar excessiva, pode-se observar manchas, rugas e até fragilidade da pele. Nos antebraços, pode ocorrer dermatoporose, que é um afinamento da pele dos braços, associado a manchas roxas e até rasgaduras”, explicou a médica.

A hidratação da pele é essencial durante a menopausa
A hidratação da pele é essencial durante a menopausa

Descubra como evitar os sintomas da menopausa na pele

Segundo a Dra. Lilia, o principal cuidado continua sendo o uso regular do filtro solar. “Além disso, adotar uma rotina para manter a saúde da pele, antes da fase da menopausa, ajuda a prepará-la para as alterações que irão surgir durante esse momento”, contou.

Como cuidar da pele durante a menopausa? Aprenda!

Cada tipo de pele necessita de um tratamento de acordo com as suas particularidades. E, para a dermatologista, os cuidados na menopausa variam muito de paciente para paciente. “A proteção solar e a hidratação são passos fundamentais. Além disso, indico o uso de cremes com ácidos, como retinóico e glicólico; antioxidantes como a vitamina C e E; e redensificadores, como produtos com pro-xylane e ácido hialurônico”, disse a médica, que ainda complementa explicando que a associação de procedimentos com os tratamentos em casa pode potencializar os resultados. Entre os mais recomendados, estão:

- Toxina botulínica: para relaxar a musculatura e reduzir as rugas dinâmicas;

- Preenchimento (com ácido hialurônico e hidroxiapatita de cálcio): devolvem a sustentação ao rosto e aliviam sulcos, olheiras e perda de contorno;

- Estimuladores de colágeno (ácido polilático): um procedimento injetável, que estimula a produção de colágeno e melhora a flacidez da pele;

- Tecnologias: lasers e luzes melhoram a textura, estimulam o colágeno e melhoram vasos e manchas. Enquanto, radiofrequência e ultrassom microfocado podem atuar na flacidez;

- Tratamento Oral: alguns pacientes podem ser beneficiados pela suplementação com colágeno hidrolisado, que pode melhorar a hidratação e estimular a produção de colágeno.

Ficou com mais dúvidas? Procure um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia para cuidar da sua pele!

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 17 de Abril de 2017
Modificada em: 23 de Maio de 2019

Dra. Lilia Guadanhim

Palavra do Dermatologista

Dra. Lilia Guadanhim

CRM: 133850

Formação em Medicina, Residência Médica em Dermatologia e Especialização em Cosmiatria pela Escola Paulista de Medicina - Universidade Federal de São Paulo. Possui título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e Associação Médica Brasileira, além de ser membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da International Dermoscopy Society. Tem especializações em Cosmiatria - Toxina Botulínica e Preenchimento na França e Dermatoscopia - Oncologia Cutânea na Itália. É médica colaboradora da Unidade de Cosmiatria da Escola Paulista de Medicina - Universidade Federal de São Paulo.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Heróis da vida real: relato de um dermatologista que trabalha na linha de frente contra a COVID-19

Heróis da vida real: relato de um dermatologista que trabalha na linha de frente contra a COVID-19

Dermatologista

Rotina de skincare na quarentena para cada tipo de pele + dicas para cabelo e corpo

Rotina de skincare na quarentena para cada tipo de pele + dicas para cabelo e corpo

Dermatologista

Aparelhos removedores de cravos: funcionam? Quais os riscos? Como remover de forma segura e como evitar

Aparelhos removedores de cravos: funcionam? Quais os riscos? Como remover de forma segura e como evitar

Dermatologista

Uso de máscara de proteção e skincare: dermatologista explica como adaptar a rotina durante a quarentena

Uso de máscara de proteção e skincare: dermatologista explica como adaptar a rotina durante a quarentena

Dermatologista

Quarentena e doenças de pele: crises de dermatite atópica e psoríase podem agravar-se com a falta de sol?

Quarentena e doenças de pele: crises de dermatite atópica e psoríase podem agravar-se com a falta de sol?

Dermatologista

Estresse, sono desregulado, má alimentação... Entenda como a quarentena pode afetar a sua pele

Estresse, sono desregulado, má alimentação... Entenda como a quarentena pode afetar a sua pele

Dermatologista

Últimas Matérias

Blemish + Age UV Defense, de SkinCeuticals: conheça o protetor solar que trata a oleosidade e o envelhecimento Máscara Minéral 89 de Vichy: conheça o novo boost de hidratação e fortalecimento para a pele Guia de beleza para homens: cuidados com a pele masculina, couro cabeludo e barba Novos hábitos de saúde e beleza com o fim da quarentena: dermatologista indica como serão os cuidados Pele perfeita sem maquiagem: rotina de skincare para uma pele bonita e saudável Como cuidar das sobrancelhas em casa: especialista dá dicas para manter a região impecável
Ver mais