Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

O que é melanoma? Veja medidas para tratar e evitar esse tipo de câncer da pele

Sendo o tipo mais agressivo de câncer da pele, o melanoma pode ser prevenido com o filtro solar e tratado precocemente com procedimentos clínicos
Sendo o tipo mais agressivo de câncer da pele, o melanoma pode ser prevenido com o filtro solar e tratado precocemente com procedimentos clínicos

Entrevista com Dra. Tatiana Nogueira Matos , membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

Melanoma é o tipo mais agressivo de câncer da pele, que pode surgir de pintas novas ou que já estavam no corpo há muito tempo, podendo mudar suas características. A fim de esclarecer melhor o assunto, o DermaClub entrevistou a dermatologista Tatiana Matos, de Salvador, que explicou formas de como prevenir a doença. Veja só!

Melanoma: conheça os tipos e suas características na pele

De acordo com a médica, há alguns tipos de melanoma. “O primeiro é uma mancha superficial na pele, que pode apresentar mais de uma cor ou ser assimétrica. Outro tipo é o nodular, que possui cor azul-enegrecido, vermelho-azulado ou até não ter cor - ser amelanótico”, explicou. Existe também o lentigo maligno, que surge em idosos com a pele danificada pelo sol e se confunde, muitas vezes, com os sinais do fotoenvelhecimento. E, por último, o melanoma acral que aparece em extremidades, principalmente palmas de mãos e plantas de pés, comuns em pessoas de pele negra - uma das formas mais agressivas da doença.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

As causas do melanoma e os fatores de risco da doença

Segundo a Dra. Tatiana, a causa mais comum de melanoma é a exposição solar sem proteção nos horários de pico. “Pessoas de pele clara têm risco maior quando sofrem queimaduras solares”, esclareceu. A incidência também é grande em determinadas famílias, que possuem predisposição genética ao quadro. “Câmeras de bronzeamento artificial também podem causar melanoma, sem falar que pacientes com a imunidade comprometida têm uma maior incidência de câncer de pele em geral”, disse.

Proteja-se desse tipo de câncer da pele com o uso do filtro solar

A medida mais eficaz de prevenção é o uso do filtro solar e de barreiras físicas, como chapéu, óculos e camisas com proteção ultravioleta. Também é importante a avaliação dos sinais com um dermatologista a cada 6-12 meses, além do autoexame. “O paciente deve tentar observar mudança em seus sinais baseado nestes critérios: assimetria do sinal, alteração de bordas; coloração - mais de uma cor, mudança de cor, perda de cor -; diâmetro - aumento de diamantes horizontal ou vertical -; e evolução do sinal - se há sangramento, coceira e crosta”. Qualquer alteração identificada, o médico deve ser consultado para um exame com dermatoscopia.

Conheça as formas mais indicadas para tratar o melanoma

O tratamento para o melanoma, normalmente, é cirúrgico, com a retirada do sinal. “Em algumas situações, se faz necessário tratamentos adicionais como retirada de linfonodo - que podem ter células neoplásicas -, quimioterapia, terapia biológica ou a radioterapia”, concluiu.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 01 de Dezembro de 2017
Modificada em: 16 de Abril de 2021

Dra. Tatiana Nogueira Matos

Palavra do Dermatologista

Dra. Tatiana Nogueira Matos

CRM: BA16601

Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia/SBD, formada pela Universidade Federal da Bahia , realizou residência em clínica médica no Hospital Santo Antônio/ Ba e dermatologia na Universidade de Santo Amaro/ São Paulo. Atua na área de Dermatologia clínica, estética, cirúrgica e laser. Participa de todos os principais congressos nacionais e internacionais para estar sempre atualizada nos melhores tratamentos para seus pacientes.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Dermatologista indica como fazer limpeza de pele profunda em casa com segurança

Dermatologista indica como fazer limpeza de pele profunda em casa com segurança

Dermatologista

DIU de cobre pode causar espinhas? Dermatologista esclarece a dúvida e indica cuidados para tratar a acne

DIU de cobre pode causar espinhas? Dermatologista esclarece a dúvida e indica cuidados para tratar a acne

Dermatologista

Como diminuir a oleosidade do cabelo: produtos e cuidados para tratar a caspa, coceira e dermatite seborreica

Como diminuir a oleosidade do cabelo: produtos e cuidados para tratar a caspa, coceira e dermatite seborreica

Dermatologista

Escova de limpeza facial (FOREO): como usar? Como limpar? Dermatologista dá dicas de como higienizar e cuidar

Escova de limpeza facial (FOREO): como usar? Como limpar? Dermatologista dá dicas de como higienizar e cuidar

Dermatologista

Ácido hialurônico é bom para pele oleosa? Dermatologista esclarece a questão

Ácido hialurônico é bom para pele oleosa? Dermatologista esclarece a questão

Dermatologista

Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?

Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?

Dermatologista

Últimas Matérias

Traços da tatuagem: dermatologista e tatuadora indicam todos os cuidados para manter o desenho perfeito Falhas no cabelo: o que é alopecia areata? Causas e tratamento para a doença que motiva a queda de cabelo Ácido salicílico: para que serve? Qual é a função? Como usar na rotina de skincare? Dermatologista indica Skincare no verão: 4 produtos para prevenir queimadura solar, mancha, câncer de pele e envelhecimento precoce Cabelo caindo muito: estresse, química, alimentação... 5 fatores que podem causar a queda dos fios Foliculite decalvante: o que é? Como tratar o problema que causa queda de cabelo e calvície
Ver mais