Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Olho de peixe: dermatologista explica como prevenir e tratar a verruga viral

O olho de peixe ou verruga viral pode estar presente em qualquer parte do corpo. Porém, seu aparecimento é mais comum na sola dos pés
O olho de peixe ou verruga viral pode estar presente em qualquer parte do corpo. Porém, seu aparecimento é mais comum na sola dos pés

Entrevista com Dra. Lilia Guadanhim, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

Popularmente conhecida como olho de peixe, a verruga viral pode estar presente em qualquer parte do corpo. No entanto, seu aparecimento é mais comum na sola dos pés, já que esta área pode apresentar fissuras e traumas - facilitando a instalação do vírus -, além de ter mais contato com ambientes externos. Em conversa com a dermatologista Lilia Guadanhim, de São Paulo, o Dermaclub esclareceu as dúvidas de como a verruga surge e os cuidados necessários para preveni-la. Confira!

Entenda o que é o olho de peixe

Segundo a médica, o olho de peixe é o nome popular dado à verruga viral, que é a manifestação de uma infecção pelo vírus do grupo HPV, o papilomavírus humano, que pode entrar no corpo através de pequenos cortes ou rachaduras. “A verruga aparece em qualquer lugar do corpo, porém, é mais comum na sola do pé”, explicou.

Por que o olho de peixe costuma surgir na parte inferior dos pés?

Para a Dra. Lilia, a transmissão do HPV ocorre por contato direto com pessoas ou objetos que estejam infectados. Assim, uma pequena ferida é suficiente para o contágio, motivo pelo qual as verrugas são mais comuns em áreas de traumas e impacto. O vírus também pode ser contraído ao andar descalço em torno de ambientes como piscinas e vestiários. “Pessoas com baixa imunidade são as mais vulneráveis ao aparecimento do olho de peixe e a incidência ocorre, geralmente, entre 12 e 16 anos”, contou.

Saiba quais são os tratamentos para eliminar o olho de peixe

De acordo com a dermatologista, as verrugas somem espontaneamente em alguns meses ou podem persistir por anos. Porém, existem diversos tratamentos que buscam estimular a melhora na imunidade para combater o vírus. “São indicados ácidos tópicos, nitrogênio líquido, eletrocoagulação e até cirurgia”, disse.

Descubra como prevenir o aparecimento do olho de peixe e os cuidados necessários

A Dra. Lilia afirma que as vacinas contra o HPV, que são indicadas para prevenção da infecção genital, também são recomendadas no combate aos subtipos do vírus que causam as verrugas na pele. Inclusive, ajudam no tratamento do olho de peixe, podendo ser indicadas para casos mais difíceis. Além disso, outros cuidados essenciais, de acordo com a médica, são:

- Não manipule ou arranque as verrugas. Além do risco de infecções, o trauma local pode levar ao surgimento de novas lesões;

- Não tente usar métodos domiciliares de congelamento de verrugas. Esses produtos, além de serem ineficazes, podem causar úlceras, bolhas e feridas na pele;

- Se notar alguma lesão nova na pele, consulte seu dermatologista e mantenha a verruga com curativo até a consulta.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 20 de Junho de 2017
Modificada em: 26 de Julho de 2021

Dra. Lilia Guadanhim

Palavra do Dermatologista

Dra. Lilia Guadanhim

CRM: 133850

Formação em Medicina, Residência Médica em Dermatologia e Especialização em Cosmiatria pela Escola Paulista de Medicina - Universidade Federal de São Paulo. Possui título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e Associação Médica Brasileira, além de ser membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da International Dermoscopy Society. Tem especializações em Cosmiatria - Toxina Botulínica e Preenchimento na França e Dermatoscopia - Oncologia Cutânea na Itália. É médica colaboradora da Unidade de Cosmiatria da Escola Paulista de Medicina - Universidade Federal de São Paulo.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Skincare para pele negra: 7 dúvidas mais comuns sobre a rotina de cuidados

Skincare para pele negra: 7 dúvidas mais comuns sobre a rotina de cuidados

Dermatologista

Neurodermatite: o que é? Como tratar? É a mesma coisa que dermatite atópica? Dermatologista explica

Neurodermatite: o que é? Como tratar? É a mesma coisa que dermatite atópica? Dermatologista explica

Dermatologista

Dermatite de contato: o que é, quais os sintomas e como tratar as bolinhas na pele que coçam

Dermatite de contato: o que é, quais os sintomas e como tratar as bolinhas na pele que coçam

Dermatologista

O que é rosácea: tratamento e controle das manchas vermelhas na pele com skincare e procedimentos

O que é rosácea: tratamento e controle das manchas vermelhas na pele com skincare e procedimentos

Tratamento de pele

O que é psoríase gutata? Dermatologista explica os sintomas de psoríase e como tratar a doença de pele

O que é psoríase gutata? Dermatologista explica os sintomas de psoríase e como tratar a doença de pele

Dermatologista

Peeling: quando é indicado? Quais são os tipos? 7 dúvidas sobre procedimento estético

Peeling: quando é indicado? Quais são os tipos? 7 dúvidas sobre procedimento estético

Tratamento de pele

Últimas Matérias

Peeling para acne em casa: pode ser feito? Dermatologista indica como fazer o tratamento com segurança Queda de cabelo por estresse: descubra o que fazer para tratar e evitar esse problema! Protetor solar para o rosto: porque reaplicar o produto? Como retocar o protetor solar com cor? Rotina fácil de cuidados com a pele durante o inverno: 9 produtinhos para você apostar na estação Saiba quais cuidados são importantes na hora de fazer a hidratação da pele seca e sensível Como disfarçar marcas de espinhas: passo a passo para esconder as cicatrizes e manchas de acne
Ver mais

escolha a loja de sua preferência