Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Por que os olhos tremem e produzem movimentos involuntários? Saiba mais sobre o espasmo na região ocular

Uma das principais causas de espasmos na pálpebra é o estresse
Uma das principais causas de espasmos na pálpebra é o estresse

Redação por Candida Silva

Produtos relacionados

Você já sentiu algum movimento involuntário em uma das pálpebras e se perguntou o motivo? Saiba que os espasmos costumam ocorrer de forma unilateral e são mais comuns em mulheres. Mas, o mais curioso é a sua principal causa: o estresse. Dessa forma, o corpo está dando sinais de que talvez você precise diminuir o ritmo.

Descubra qual a relação de estresse com espasmos nas pálpebras

Muito mais do que pequenos movimentos aleatórios que não se consegue controlar, os espasmos ocorrem devido aos níveis elevados na produção de hormônios ligados ao estresse, que atacam o sistema nervoso. Em grande quantidade, atingem a pálpebra, causando as contrações. Ou seja, este é um sinal de que o corpo está sobrecarregado.

Saiba como o estresse age no nosso organismo

Os movimentos involuntários causados pelo estresse vêm acompanhados de uma série de outras características. Quando se está sobrecarregado, é muito comum também sentir cansaço e fadiga e, além disso, as escolhas alimentares se tornam piores nutricionalmente durante esses momentos.

O que fazer para diminuir o estresse e os tremores nas pálpebras

Para minimizar os espasmos, não tem mistério: é preciso viver de forma mais equilibrada. Então, tente desacelerar, adote um ritmo mais tranquilo, alimente-se de forma adequada e pratique atividade física. Os exercícios são essenciais para manter a saúde, além de serem uma ótima alternativa para eliminar o estresse do dia a dia. Caso as contrações persistam, consulte um médico, que vai te indicar os cuidados ideais.

Invista nas dicas do DermaClub e tenha uma vida livre de tensões!

Publicada em: 06 de Abril de 2017
Modificada em: 28 de Julho de 2021

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Sabonete para pele oleosa com acne, cravo e manchas na pele: conheça o refil de Effaclar e Normaderm

Sabonete para pele oleosa com acne, cravo e manchas na pele: conheça o refil de Effaclar e Normaderm

Rosto

8 opções de sabonete ou gel de limpeza para cada tipo de pele

8 opções de sabonete ou gel de limpeza para cada tipo de pele

Rosto

Vitamina C: rosto, colo, pescoço, mãos... conheça os benefícios do ativo para todas essas regiões

Vitamina C: rosto, colo, pescoço, mãos... conheça os benefícios do ativo para todas essas regiões

Rosto

Manchas na pele de melasma tem cura? Dermatologista explica o que melhora e o que piora as marcas

Manchas na pele de melasma tem cura? Dermatologista explica o que melhora e o que piora as marcas

Rosto

A pele pode se 'acostumar' com um produto de skincare? Dermatologista esclarece a dúvida

A pele pode se 'acostumar' com um produto de skincare? Dermatologista esclarece a dúvida

Rosto

Mancha no buço: é possível tratar em casa? Rotina de skincare para amenizar a marca no rosto

Mancha no buço: é possível tratar em casa? Rotina de skincare para amenizar a marca no rosto

Rosto

Últimas Matérias

Effaclar Sérum Ultra Concentrado: guia completo de como usar o produto na rotina de skincare da pele acneica Creme para área dos olhos: dermatologista indica o melhor produto hidratante e para rugas Caspa pode causar a queda de cabelo? Saiba como acabar com a perda dos fios e tratar a dermatite seborreica Manchas vermelhas no corpo que coçam e se espalham: o que pode ser? Alergia, psoríase ou dermatite atópica? Como diminuir a caspa da dermatite seborreica: rotina capilar + cuidados com o couro cabeludo descamando Peeling para acne em casa: pode ser feito? Dermatologista indica como fazer o tratamento com segurança
Ver mais

escolha a loja de sua preferência