Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Prevenção ao câncer da pele: proteção solar e checagem das pintas são fundamentais

É muito importante checar as pintas do corpo para evitar o câncer de pele
É muito importante checar as pintas do corpo para evitar o câncer de pele

Entrevista com Dra. Luciana Kalache, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

O câncer da pele ainda é o tipo mais comum no Brasil! Por outro lado, mesmo com tantos casos novos a cada ano, a doença apresenta altos índices de cura quando diagnosticada e tratada precocemente. Para isso, é importante manter-se atenta aos sinais, como mudanças súbitas nas pintas ou nas manchinhas, que são possíveis indicadores de que algo está errado com a pele, além de investir na proteção solar para se prevenir dos efeitos malignos das radiações.

A proteção solar é essencial para a prevenção do câncer da pele

A exposição solar excessiva é um fator de peso para o desenvolvimento de doenças na pele. Agressivas, essas radiações penetram profundamente na pele e promovem alterações nas células, processo que pode desencadear diferentes tipos de câncer da pele. Além disso, com o aquecimento global e a potencialização da radiação, a incidência dos raios UV é cada vez maior em todo o planeta e mais preocupante ainda em países como o Brasil. “Evitar a exposição à radiação UV e manter a pele protegida é o melhor método de se prevenir contra o câncer”, indicou a dermatologista Luciana Kalache, de Curitiba, Paraná.

Descubra a importância de observar suas pintas

Além do histórico familiar e da exposição solar intensa, outros fatores podem influenciar o desenvolvimento do câncer. “Pessoas com fototipo 1 e 2, isto é, com a pele clara, cabelos claros ou ruivos, com ou sem sardas, são mais sensíveis ao sol. Além disso, o uso de máquinas de bronzeamento artificial e a presença de múltiplas pintas também demandam maior cuidado”, indicou a médica.

Quanto às pintas, é necessário atenção ao surgimento e crescimento de novas, assim como mudanças de padrão nas antigas. “Aumento de tamanho, mudança de cor e formato, além do aparecimento de sintomas, como o sangramento ou dor, exigem avaliação dermatológica”, explicou. Para um acompanhamento ainda mais preciso, também é interessante manter pelo menos consultas anuais com um especialista.

Tour de Combate ao Câncer de Pele oferece atendimento gratuito em cinco cidades do país

Desenvolvido pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), em parceria com La Roche-Posay, o Tour de Combate ao Câncer de Pele 2016 percorre o Brasil com um caminhão itinerante, onde são fornecidas orientações sobre os riscos da exposição solar e a necessidade de proteção da pele. Composto por dermatologistas voluntários e equipado com dois consultórios, o tour realiza ainda o diagnóstico do câncer da pele e exames de pacientes, cumprindo, assim, com o objetivo de combater a doença e conscientizar a população. Iniciada em 8 de outubro, a campanha prossegue até 17 de dezembro.

Para mais informações, fique atento ao site oficial: http://www.sbd.org.br/acoes/tour-de-combate-cancer-da-pele/

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 24 de Novembro de 2016
Modificada em: 23 de Maio de 2019

Dra. Luciana Kalache

Palavra do Dermatologista

Dra. Luciana Kalache

CRM: PR025411

Médica formada pela Universidade Federal do Paraná, realizou residência de Clínica Médica no Hospital de Clínicas da UFPR e especialização em Dermatologia pelo Serviço de Dermatologia da Santa Casa de Misericórdia de Curitiba. É membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, participa de vários congressos anualmente, além de ministrar aulas em eventos de importância nacional e estadual. Atua na área de dermatologia clínica e cirúrgica, atendendo crianças e adultos no tratamento dermatológico médico e estético.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Dermatologista indica como fazer limpeza de pele profunda em casa com segurança

Dermatologista indica como fazer limpeza de pele profunda em casa com segurança

Dermatologista

DIU de cobre pode causar espinhas? Dermatologista esclarece a dúvida e indica cuidados para tratar a acne

DIU de cobre pode causar espinhas? Dermatologista esclarece a dúvida e indica cuidados para tratar a acne

Dermatologista

Como diminuir a oleosidade do cabelo: produtos e cuidados para tratar a caspa, coceira e dermatite seborreica

Como diminuir a oleosidade do cabelo: produtos e cuidados para tratar a caspa, coceira e dermatite seborreica

Dermatologista

Escova de limpeza facial (FOREO): como usar? Como limpar? Dermatologista dá dicas de como higienizar e cuidar

Escova de limpeza facial (FOREO): como usar? Como limpar? Dermatologista dá dicas de como higienizar e cuidar

Dermatologista

Ácido hialurônico é bom para pele oleosa? Dermatologista esclarece a questão

Ácido hialurônico é bom para pele oleosa? Dermatologista esclarece a questão

Dermatologista

Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?

Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?

Dermatologista

Últimas Matérias

Traços da tatuagem: dermatologista e tatuadora indicam todos os cuidados para manter o desenho perfeito Falhas no cabelo: o que é alopecia areata? Causas e tratamento para a doença que motiva a queda de cabelo Ácido salicílico: para que serve? Qual é a função? Como usar na rotina de skincare? Dermatologista indica Skincare no verão: 4 produtos para prevenir queimadura solar, mancha, câncer de pele e envelhecimento precoce Cabelo caindo muito: estresse, química, alimentação... 5 fatores que podem causar a queda dos fios Foliculite decalvante: o que é? Como tratar o problema que causa queda de cabelo e calvície
Ver mais