Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Protetor solar físico: descubra as vantagens de usar o produto, como ele age na pele e a indicação

Descubra os benefícios do protetor solar físico para a pele!
Descubra os benefícios do protetor solar físico para a pele!

Entrevista com Dra. Vanessa Metz, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Os protetores solares já são comercializados desde as primeiras décadas do século XX, porém, o entendimento de sua importância só ganhou força tempos depois. Os primeiros filtros físicos surgiram nos anos 80 e são cada vez mais indicados para proteção UVA, UVB e luz visível. Por isso, o DermaClub foi atrás das características e benefícios desse dermocosmético e explicou tudo a seguir. Confira!

Saiba quais são os benefícios do filtro solar físico

O protetor físico possui minerais em sua composição, como dióxido de titânio e óxido de zinco, que não são absorvidos pela pele, oferecendo maior segurança, inclusive, para as peles mais sensíveis. O filtro proporciona uma alta proteção contra a radiação: quando os raios UV batem, são refletidos, o que evita a ação da radiação na pele e auxilia na prevenção do fotoenvelhecimento. É ideal para crianças, pessoas com alergias e gestantes.

Entenda como o produto funciona na pele

Também conhecidos como inorgânicos, os filtros físicos são compostos por partículas de origem mineral e que atuam refletindo os raios solares. Também podem ser associados aos filtros químicos - ou orgânicos -, dependendo de sua indicação. Para peles mais sensíveis, sensibilizadas ou que até mesmo passaram por algum tipo de procedimento, os filtros 100% físicos são a melhor opção. Hoje em dia, com a evolução dos dermocosméticos, eles podem conter cor e minimizar o aspecto esbranquiçado que antigamente proporcionavam.

Descubra para quais ocasiões e tipos de pele o produto é indicado

Por ser um produto mais estável e que não penetra na pele, é ideal para pessoas com peles sensíveis ou alérgicas. Além disso, pode ser usado também por grávidas e crianças. Pacientes que tenham realizado procedimentos como peeling e lasers também podem apostar nos filtros físicos.

Então, os filtros químicos são vilões? O Dermaclub explica pra você

Apesar do protetor solar físico ter muitos benefícios, o produto com formulação química não é considerado um vilão. Ambos têm eficácia comprovada e protegem o corpo e o rosto da ação nociva dos raios solares. No entanto, para escolher o dermocosmético ideal deve-se atentar para o tipo de pele e suas características. Quem possui sensibilidade cutânea, por exemplo, pode optar por um filtro físico. Já pacientes que não têm restrições e não apresentam doenças de pele, como urticária solar ou lúpus, podem investir em um protetor químico, que não haverá comprometimento da ação fotoprotetora.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 26 de Novembro de 2015
Modificada em: 23 de Maio de 2019

Dra. Vanessa Metz

Palavra do Dermatologista

Dra. Vanessa Metz

CRM: 52794953

Dra. Vanessa Metz é especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, formada em medicina pela Faculdade Souza Marques e pós-graduada em dermatologia pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro. Foi vice-presidente da Associação dos Dermatologistas da UERJ (ADUERJ) no ano de 2009 e professora substituta do serviço de Dermatologia do Hospital Universitário Pedro Ernesto no ano de 2010. É sócia efetiva da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e membro da Academia Americana de Dermatologia (AAD). Está em constante atualização participando de cursos e congressos no Brasil e exterior para trazer aos seus pacientes o que há de mais moderno.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Dermatologista indica como fazer limpeza de pele profunda em casa com segurança

Dermatologista indica como fazer limpeza de pele profunda em casa com segurança

Dermatologista

DIU de cobre pode causar espinhas? Dermatologista esclarece a dúvida e indica cuidados para tratar a acne

DIU de cobre pode causar espinhas? Dermatologista esclarece a dúvida e indica cuidados para tratar a acne

Dermatologista

Como diminuir a oleosidade do cabelo: produtos e cuidados para tratar a caspa, coceira e dermatite seborreica

Como diminuir a oleosidade do cabelo: produtos e cuidados para tratar a caspa, coceira e dermatite seborreica

Dermatologista

Escova de limpeza facial (FOREO): como usar? Como limpar? Dermatologista dá dicas de como higienizar e cuidar

Escova de limpeza facial (FOREO): como usar? Como limpar? Dermatologista dá dicas de como higienizar e cuidar

Dermatologista

Ácido hialurônico é bom para pele oleosa? Dermatologista esclarece a questão

Ácido hialurônico é bom para pele oleosa? Dermatologista esclarece a questão

Dermatologista

Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?

Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?

Dermatologista

Últimas Matérias

Traços da tatuagem: dermatologista e tatuadora indicam todos os cuidados para manter o desenho perfeito Falhas no cabelo: o que é alopecia areata? Causas e tratamento para a doença que motiva a queda de cabelo Ácido salicílico: para que serve? Qual é a função? Como usar na rotina de skincare? Dermatologista indica Skincare no verão: 4 produtos para prevenir queimadura solar, mancha, câncer de pele e envelhecimento precoce Cabelo caindo muito: estresse, química, alimentação... 5 fatores que podem causar a queda dos fios Foliculite decalvante: o que é? Como tratar o problema que causa queda de cabelo e calvície
Ver mais