Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Quais são os efeitos que o câncer e seus tratamentos podem causar à pele?

Os tratamentos para o câncer, como radioterapia e quimioterapia, costumam ser agressivos também para a pele
Os tratamentos para o câncer, como radioterapia e quimioterapia, costumam ser agressivos também para a pele

Entrevista com Dra. Flávia Ravelli, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Sabe-se que o câncer, independente do tipo, pode ser agressivo para a pele. Mas, você sabe quais são os reais efeitos que, tanto a doença, quanto os remédios utilizados podem causar no maior órgão do corpo humano? O DermaClub conversou com a dermatologista Flávia Ravelli, de São Paulo, para entender melhor os motivos pelos quais a pele é atingida e como cuidar dela. Confira!

Descubra como o câncer pode afetar a pele

De acordo com a dermatologista, a doença sensibiliza a pele das mais diversas formas, com manchas, feridas, nódulos e até deixando algumas regiões da pele mais endurecidas. “No entanto, o que mais agride, na verdade, é o tratamento contra o câncer, como a radioterapia e a quimioterapia”, explicou.

Veja quais são diferentes efeitos dos tratamentos de câncer na pele

Na prática, as principais reações costumam ser ressecamento, coceira, descamação, ardor, erupções vermelhas, até alergias. “Em alguns casos, as consequências podem ser mais graves, como queimaduras e fibroses. A pele arde, fica com coloração diferente e também pode haver limitações funcionais, como a dificuldade de abrir o braço e a boca, em casos de tratamento para câncer de mama e bucal, por exemplo”, disse.

Aprenda o que fazer para minimizar os efeitos do câncer na pele

A hidratação é a palavra de ordem em todos os momentos da vida para uma pele saudável, e não seria diferente nesta situação. Para a dermatologista, manter a nutrição cutânea confere mais elasticidade e viço. Além disso, o uso da água termal também é recomendado para melhorar o ardor, ressecamento e reduzir a limitação do movimento causado pelo câncer. “Costumo indicar também o uso de sabonetes hidratantes e cremes potentes para minimizar o ressecamento, a sensibilidade e o desconforto”, completou.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 25 de Abril de 2017
Modificada em: 22 de Maio de 2019

Dra. Flávia Ravelli

Palavra do Dermatologista

Dra. Flávia Ravelli

CRM: CRM: 129724

Dermatologista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e Chefe do Departamento de Dermatologia do Complexo Hospitalar ProMatre/Santa Joana - SP. É assistente do Departamento de Dermatologia da Universidade de Santo Amaro - UNISA/SP e co-Coordenadora do Departamento de Dermatologia Pediátrica da SBD gestão 2015-2016. Além disso, é pós-graduada em Medicina Baseada em Evidências pela UNIFESP-SP.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Uso de máscara de proteção e skincare: dermatologista explica como adaptar a rotina durante a quarentena

Uso de máscara de proteção e skincare: dermatologista explica como adaptar a rotina durante a quarentena

Dermatologista

Quarentena e doenças de pele: crises de dermatite atópica e psoríase podem agravar-se com a falta de sol?

Quarentena e doenças de pele: crises de dermatite atópica e psoríase podem agravar-se com a falta de sol?

Dermatologista

Estresse, sono desregulado, má alimentação... Entenda como a quarentena pode afetar a sua pele

Estresse, sono desregulado, má alimentação... Entenda como a quarentena pode afetar a sua pele

Dermatologista

Vitamina C na alimentação x vitamina C em dermocosméticos: entenda os benefícios e diferenças de cada tipo

Vitamina C na alimentação x vitamina C em dermocosméticos: entenda os benefícios e diferenças de cada tipo

Dermatologista

Cabelo saudável na quarentena: como o cabelo pode sofrer com o estresse, má alimentação e sono desregulado

Cabelo saudável na quarentena: como o cabelo pode sofrer com o estresse, má alimentação e sono desregulado

Dermatologista

Dermatite atópica pode agravar-se com o estresse? Dermatologista explica a piora das crises

Dermatite atópica pode agravar-se com o estresse? Dermatologista explica a piora das crises

Dermatologista

Últimas Matérias

Efeitos da COVID-19 na pele: dermatologista explica como a doença também pode se manifestar no corpo Entenda a diferença entre os 3 séruns anti-idade de La Roche-Posay: Salicyli C10, Retinol B3 e Hyalu B5 Repair Heróis da vida real: relato de um dermatologista que trabalha na linha de frente contra a COVID-19 Rotina de skincare na quarentena para cada tipo de pele + dicas para cabelo e corpo Aparelhos removedores de cravos: funcionam? Quais os riscos? Como remover de forma segura e como evitar Coceira na pele após o banho: entenda porque isso acontece e como tratar
Ver mais