Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Qual é o melhor sérum para manchas escuras na pele? 4 opções que diminuem a hiperpigmentação

Conheça as opções de produtos para a pele com manchas
Conheça as opções de produtos para a pele com manchas

Entrevista com Dra. Gabriella Albuquerque, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Manchas escuras na pele podem ser muito incômodas no dia a dia. Além de um problema dermatológico, a hiperpigmentação na área do rosto significa para muitas pessoas uma característica que afeta a autoestima. Por isso, uma série de dermocosméticos contém benefícios despigmentantes, para ajudar a reduzir as manchas na pele e uniformizar o tom, garantindo maior conforto estético, em especial quando possui uma textura sérum. Se você está procurando o melhor despigmentante para a sua rotina de skincare, a gente te ajuda! A dermatologista Gabriella Albuquerque conversou com o DermaClub sobre as melhores opções para corrigir a hiperpigmentação da pele. Confira!

O que deve ter em um produto despigmentante? Principais ativos para reduzir manchas escuras no rosto

A mancha escura nada mais é do que a alta concentração anormal de melanina, substância responsável pelo nosso tom de pele, em um ponto específico. Por isso, um dermocosmético focado em reduzir manchas deve focar nesse processo, como explica Gabriella Albuquerque. “O produto para tratar manchas precisa de ativos que possibilitam a diminuição na quantidade de pigmentos indesejáveis ou que atuem no processo de pigmentação, impedindo que ele se complete”.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Segundo a médica, há mais de 50 anos comenta-se sobre o poder da hidroquinona, por impedir a ação da tirosinase, evitando o surgimento das manchas. Porém, apesar de ser considerada segura ao redor do mundo, em alguns países como o Japão ou na região da União Europeia, a substância é proibida por suas propriedades mutagênicas. “Em razão disso, muitas substâncias alternativas foram pesquisadas”, explica Gabriella. Conheça alguma delas:

  • - Ácido kójico: “É derivado de um fungo e consegue inibir a tirosinase”.
  • - Ácido azelaico: “O ácido azelaico também é derivado de um microorganismo. Tem uma resposta quase tão potente quanto a hidroquinona.”
  • - Ácido fítico: “É extraído de cereais. Ele consegue inibir a enzima tirosinase em associação com outros medicamentos”.
  • - Arbutin: “Extraído das folhas de uva-ursina, representa o derivado natural da hidroquinona”.
  • - Antioxidantes: “Alguns antioxidantes são fundamentais para serem introduzidos na rotina do dia a dia do paciente que busca amenizar as manchas. A vitamina C é primordial porque possui ação na despigmentação além de antioxidante. Além dessa podemos citar a niacinamida”.
  • - Ácido tranexâmico: “Além disso, ativos com ação anti-inflamatória são extremamente úteis, como é o caso do ácido tranexâmico.”

Conheça agora 4 opções de produtos com esses ativos que podem ser incluídos na sua rotina antimanchas:

  • 1. Sérum Multi-Corretor Despigmentante Discoloration Defense, da SkinCeuticals

Esse queridinho é indicado quando se trata de correção de manchas escuras! O Discoloration Defense contém uma combinação imbatível de niacinamida, ácido kójico e ácido tranexâmico, além de HEPES. Impressionante, não?

Produtos relacionados

  • 2. Sérum Antimanchas E Antiacne Com Ácido Salicílico Normaderm Skin Corrector, da Vichy

O Normaderm Skin Corrector é a opção perfeita para quem sofre com manchas escuras e pele acneica. Além de antioxidantes, como o LHA e o phe-resorcinol, o sérum(esse produto não é um sérum) ainda conta com ácido salicílico, que combate a oleosidade e os poros abertos, além de prevenir a inflamação da acne, e água vulcânica, responsável pela hidratação potente.

Produtos relacionados

  • 3. Sérum Concentrado Antirrugas Uniformizador E Restaurador Retinol B3, da La Roche-Posay

Se você busca combater não só as manchas, mas também o envelhecimento precoce, a melhor aposta é no Retinol B3, da La Roche-Posay . Esse sérum é um blend de alta tolerância, super indicado até para as peles mais sensíveis, combinando retinol, água termal e niacinamida (vitamina B3), que proporcionam ação despigmentante e rejuvenescedora ao mesmo tempo.

Produtos relacionados

  • 4. Sérum Antioxidante Vitamina C Silymarin CF 15ML, da SkinCeuticals

Peles oleosas podem usar e abusar do Silymarin CF ! Esse favorito conta com um dos antioxidantes mais famosos e potentes, que é a vitamina C, prevenindo o envelhecimento precoce, potencializando a proteção solar e atuando na despigmentação de manchas escuras. Além disso, contém ácido ferúlico e ácido salicílico, que combatem o excesso de oleosidade e reduz o risco de inflamações de pele.

Produtos relacionados

Como evitar o surgimento de manchas na pele

A especialista comenta que, primordialmente, quem sofre com as manchas deve evitar a luz ultravioleta (raios UVA e UVB), para não piorar as lesões. “O sol causa a formação de radicais livres que estimulam os melanócitos a produzir melanina em excesso”, explica a dermatologista. Por isso, o uso do protetor solar com FPS alto é imprescindível! “Também é importante ficar atento a substâncias que podem piorar a mancha por aumento da fotossensibilidade”, finaliza Dra. Gabriella.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

 

Publicada em: 08 de Junho de 2022
Modificada em: 08 de Junho de 2022

Dra. Gabriella Albuquerque

Palavra do Dermatologista

Dra. Gabriella Albuquerque

CRM: 52.71503-4

A Dra. Gabriella Albuquerque, do Rio de Janeiro, é membro efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica. Ao longo de sua carreira, a Dra. Gabriella tem capítulos de livros publicados, artigos em revistas dermatológicas e ministra aulas em diversos congressos, cursos e workshops para outros dermatologistas.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Como diminuir espinhas? Conheça nutrientes e ativos para cuidar da pele oleosa e evitar a acne

Como diminuir espinhas? Conheça nutrientes e ativos para cuidar da pele oleosa e evitar a acne

Tratamento de pele

Como tirar manchas da pele? Descubra o melhor tratamento para manchas no rosto

Como tirar manchas da pele? Descubra o melhor tratamento para manchas no rosto

Tratamento de pele

Limpeza de pele, peeling químico, laser: tratamentos que ajudam a pele no processo de envelhecimento saudável

Limpeza de pele, peeling químico, laser: tratamentos que ajudam a pele no processo de envelhecimento saudável

Tratamento de pele

Saiba como identificar uma mancha de melasma e entenda como deve ser o tratamento

Saiba como identificar uma mancha de melasma e entenda como deve ser o tratamento

Tratamento de pele

Niacinamida para melasma funciona? Como o ativo age no tratamento de manchas na pele

Niacinamida para melasma funciona? Como o ativo age no tratamento de manchas na pele

Tratamento de pele

Como acabar com as espinhas? Veja algumas opções de tratamentos para sua skincare

Como acabar com as espinhas? Veja algumas opções de tratamentos para sua skincare

Tratamento de pele

Últimas Matérias

Qual a melhor vitamina C para pele? Tudo o que o produto precisa ter para transformar sua rotina de skincare Ácido hialurônico: benefícios da substância para todos os tipos de pele Niacinamida pode usar de dia? O melhor momento para incluir esse produto na rotina de skincare Pele oleosa: como cuidar? Quais erros na rotina de skincare podem piorar a oleosidade da pele? Qual é o melhor creme para rugas? Tudo o que o produto precisa ter para combater o envelhecimento da pele Sensibilidade no couro cabeludo: o que pode causar? Veja como tratar esse problema
Ver mais

escolha a loja de sua preferência