Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Rugas na pele: como tratar os sinais de envelhecimento que já podem ser notados?

As primeiras rugas, sinais do envelhecimento da pele, podem ser prevenidas e tratadas com alguns cuidados diários
As primeiras rugas, sinais do envelhecimento da pele, podem ser prevenidas e tratadas com alguns cuidados diários

Entrevista com Dra. Lívia Luna, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

As rugas e linhas de expressão, sinais do envelhecimento da pele, podem aparecer precocemento por conta da exposição à radiação solar e poluição sem proteção, falta de hidratação ou até mesmo devido à privação do sono. Entretanto, elas não devem ser consideradas um problema, mas, sim, como um fator que tem a ver com o estilo de vida do paciente. Para quem não pretende exibir essas marcas antes do tempo, é importante prevenir e tratar. O DermaClub conversou com a dermatologista Livia Luna, do Rio de Janeiro, que explicou como encarar as primeiras rugas. Confira!

As primeiras rugas começam a ser notadas ainda na juventude

De acordo com a médica, “as primeiras rugas de expressão podem ser notadas aos 25 anos, mas, é a partir dos 30 que esses sinais são mais observados”, esclareceu. Também é importante lembrar que essas linhas acabam sendo mais comuns em pessoas que ficam expostas mais tempo às agressões externas, como a radiação solar, poluição, tabagismo, álcool e má alimentação.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

É possível tratar os sinais de envelhecimento, como rugas e flacidez, já instalados

Se as rugas são motivo de incômodo para você, a solução é buscar um tratamento ideal com seu dermatologista. É muito importante consultar um médico, pois antes de indicar a terapia, ele levará em conta a idade, o tipo de pele e os sinais presentes. Segundo a Dra. Livia, “o uso de medicamentos com ácido retinoico acaba sendo o preferido nestes casos. O ativo ajuda a afinar a pele, melhorando sua qualidade, dando luminosidade, além de estimular a produção de colágeno e melhora das rugas”, garantiu.

Com alguns cuidados, é possível prevenir o aparecimento de mais sinais de envelhecimento

“Um bom acompanhamento, desde cedo, com o dermatologista, adotando uma limpeza adequada da pele, uso diário de filtro solar e até de início de alguns dermocosméticos específicos, ajudam, sem dúvida, a prevenir o envelhecimento cutâneo”. Outros tratamentos muito utilizados são os que contam com antioxidantes - substâncias que ajudam a neutralizar a produção de radicais livres e, consequentemente, combater o envelhecimento extrínseco. Seu uso também pode evitar novas rugas, além de uniformizar o tom da pele, melhorar a flacidez, e ajudar a prevenir um possível câncer de pele.

A vitamina C é um dos antioxidantes mais potentes na prevenção e tratamento dos sinais do envelhecimento. Antioxidantes contendo sua forma pura, o ácido L-ascórbico, são fortes aliados nos cuidados anti-idade não somente impedindo a ação nociva dos radicais livres, mas também aumentando a produção de colágeno, uniformizando a tonalidade da pele e aumentando a luminosidade.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 21 de Dezembro de 2017
Modificada em: 22 de Maio de 2019

Dra. Lívia Luna

Palavra do Dermatologista

Dra. Lívia Luna

CRM: 5285056-0

Graduada pela Universidade Gama Filho (RJ). Fez residência Médica, em Clínica Médica, pelo Hospital Federal do Andaraí (RJ). É Pós -Graduada em Dermatologia pela Policlínica Geral do Rio de Janeiro. Também possui título de especialista pela Associação Médica Brasileira (AMB) e pela Sociedade Brasileira de Dermatologia. Doutora Lívia está em constante atualização em cursos, congressos nacionais e internacionais para oferecer o que há de melhor e mais moderno aos seus pacientes.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Queratina: o que é? Qual é a função da queratina nos cabelos? Como usar na rotina de cuidados capilar?

Queratina: o que é? Qual é a função da queratina nos cabelos? Como usar na rotina de cuidados capilar?

Dermatologista

SOS lábios: cuidados e procedimentos para deixar a sua boca ainda mais bonita

SOS lábios: cuidados e procedimentos para deixar a sua boca ainda mais bonita

Dermatologista

Os riscos da limpeza de pele excessiva: efeito rebote, irritação... Confira os principais

Os riscos da limpeza de pele excessiva: efeito rebote, irritação... Confira os principais

Dermatologista

Óleo de Melaleuca (Tea Tree Oil): para que serve? É seguro? Quais os benefícios para a pele oleosa?

Óleo de Melaleuca (Tea Tree Oil): para que serve? É seguro? Quais os benefícios para a pele oleosa?

Dermatologista

Água termal no tratamento da psoríase realmente funciona? Confira a opinião de uma dermatologista

Água termal no tratamento da psoríase realmente funciona? Confira a opinião de uma dermatologista

Dermatologista

Vitamina C, ácido hialurônico, ácido glicólico... Quais substâncias podem ser usadas no sol e na praia?

Vitamina C, ácido hialurônico, ácido glicólico... Quais substâncias podem ser usadas no sol e na praia?

Dermatologista

Últimas Matérias

Mancha branca na pele: o que pode ser? Dermatologista lista as causas da descoloração Skincare: o que é? Dermatologista conta como montar uma rotina corretamente Sabonete para dermatite atópica: dermatologista explica como escolher a melhor fórmula Botox preventivo: desvende 5 mitos e verdades sobre o procedimento Peptídeos: 5 benefícios dessas moléculas na sua rotina de cuidados com a pele Microbioma da pele: o que é? Entenda o que são cuidados prebióticos, probióticos e pós-bióticos
Ver mais