Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Tratamento para melasma: qual a melhor época para cuidar das manchas escuras que surgem na pele? Veja + dicas!

O melasma pode ser tratada em qualquer época com procedimentos clínicos e o uso tópico de dermocosméticos com ativos clareadores
O melasma pode ser tratada em qualquer época com procedimentos clínicos e o uso tópico de dermocosméticos com ativos clareadores

Entrevista com Dra. Juliana Jordão, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

Você já ouviu falar em melasma? São manchas escuras, meio amarronzadas, que surgem, na maioria das vezes, no rosto. Essas marcas costumam aparecer bastante na região da bochecha, testa e buço após uma intensa exposição solar, durante a gravidez ou devido ao uso prolongado de pílula anticoncepcional. Embora não exista cura para esse problema, existem formas de controlar os sintomas com tratamentos, que podem ser feitos em qualquer época do ano, mas, preferencialmente, no inverno. Para entender melhor como funciona, o DermaClub entrevistou a dermatologista Juliana Jordão, de Curitiba.

Como é feito o tratamento e a manutenção do melasma?

De acordo com a médica, os primeiros cuidados se iniciam ainda em casa. “Com o uso de cremes à base de ácido retinóico ou glicólico, PhE-resorcinol, hidroquinona, ácido kójico, arbutin e resveratrol”, disse. Outros ativos importantes no tratamento são as vitaminas E e C tópicas, ácido ferúlico, consideradas excelentes antioxidantes e que maximizam a ação do protetor solar - que deve ter FPS 30, no mínimo, e ser aplicado regularmente a cada duas horas ao longo do dia.

Em seguida, a terapia precisa continuar no consultório dermatológico. Para diminuir as manchas, o profissional aposta nos peelings clareadores, lasers e indução percutânea de colágeno com agulhas (IPCA). "Estes procedimentos são bem respondidos pelos pacientes, além de serem pouco agressivos. Para garantir um resultado de sucesso, todos devem ser realizados em clínicas por um médico dermatologista”, ressaltou.

É possível cuidar das manchas o ano todo com a ajuda de dermocosméticos

A temporada fria é, geralmente, a época mais comum para fazer procedimentos dermatológicos, como peelings e lasers, próprios para o tratamento de melasma. No entanto, é possível cuidar das manchas em qualquer época, aplicando e reaplicando o filtro solar e dermocosméticos calmantes, que ajudam a revitalizar a pele.

Além dos tratamentos clínicos do melasma, é possível clarear as manchas o ano inteiro com o uso tópico de dermocosméticos. Basta investir em produtos com os ativos certos, como o LHA, nicotinamida, ácido ferúlico e o PhE-resorcinol. Além de reduzir o tamanho e a quantidade das manchas, eles conseguem prevenir o surgimento de novas marcas sem irritar a pele.

Ficou com alguma dúvida sobre o tratamento? Não deixe de conversar com o seu dermatologista para esclarecer as principais questões.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 09 de Outubro de 2017
Modificada em: 23 de Maio de 2019

Dra. Juliana Jordão

Palavra do Dermatologista

Dra. Juliana Jordão

CRM: 23783

Graduada pela Faculdade Evangélica do Paraná e especialista em dermatologia pelo Hospital Universitário Evangélico de Curitiba e em Clinical Fellowship em Laserterapia na Bélgica. É membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica. Atualmente ministrando aulas de Laserterapia e Cosmiatria nos Congressos Brasileiro de Dermatologia, de Cirurgia Dermatológica, Simpósio Anual de Cosmiatria e Laser, entre outros. Além de aplicar treinamento em Fotodermatologia para outros médicos dermatologistas em diversas cidades do Brasil.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

O que é bom para foliculite na virilha? Cuidados para diminuir as bolinhas vermelhas e prevenir as manchas

O que é bom para foliculite na virilha? Cuidados para diminuir as bolinhas vermelhas e prevenir as manchas

Esfoliação

Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?

Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?

Esfoliação

Tudo sobre esfoliação: como esfoliar a pele do rosto, corpo, couro cabeludo, melhores produtos, peeling...

Tudo sobre esfoliação: como esfoliar a pele do rosto, corpo, couro cabeludo, melhores produtos, peeling...

Esfoliação

"Esfoliei demais e minha pele está vermelha e sensível": dermatologista explica o que fazer

"Esfoliei demais e minha pele está vermelha e sensível": dermatologista explica o que fazer

Esfoliação

Microdermoabrasão: o que é? Para que serve? Devo fazer? Como cuidar da pele depois? Dermatologista explica

Microdermoabrasão: o que é? Para que serve? Devo fazer? Como cuidar da pele depois? Dermatologista explica

Esfoliação

O que são AHAS, BHAS e PHAS? Dermatologista explica as diferenças e os benefícios entre os tipos de ácidos

O que são AHAS, BHAS e PHAS? Dermatologista explica as diferenças e os benefícios entre os tipos de ácidos

Esfoliação

Últimas Matérias

Traços da tatuagem: dermatologista e tatuadora indicam todos os cuidados para manter o desenho perfeito Falhas no cabelo: o que é alopecia areata? Causas e tratamento para a doença que motiva a queda de cabelo Ácido salicílico: para que serve? Qual é a função? Como usar na rotina de skincare? Dermatologista indica Skincare no verão: 4 produtos para prevenir queimadura solar, mancha, câncer de pele e envelhecimento precoce Cabelo caindo muito: estresse, química, alimentação... 5 fatores que podem causar a queda dos fios Foliculite decalvante: o que é? Como tratar o problema que causa queda de cabelo e calvície
Ver mais