Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Alergia na pele que coça e fica vermelho e inchado: conheça as causas da urticária e como tratar

Alergia na pele que coça, fica vermelho e inchada: isso pode ser sintoma de urticária!
Alergia na pele que coça, fica vermelho e inchada: isso pode ser sintoma de urticária!

Entrevista com Drª Camila Rosa, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Você já sofreu com alguma alergia na pele que coça e fica vermelho e inchado? Esse problema pode ser urticária, um tipo de alergia de pele muito comum, cujos sintomas podem incomodar bastante. Por isso, o DermaClub convidou a dermatologista Camila Rosa para explicar como é o tratamento da urticária e quais são as suas causas. Mas, lembre-se: é sempre importante consultar um dermatologista para ter uma avaliação precisa! Confira!

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Urticária tem dois tipos e desaparece em até 24 horas

De acordo com Dra. Camila, as lesões da urticária podem deixar a pele vermelha e levemente inchada: “A urticária é uma doença de pele que se caracteriza por lesões avermelhadas e levemente inchadas, como vergões, que aparecem na pele e coçam muito. Os sintomas aparecem em surtos, podendo surgir em qualquer período do dia ou da noite, durando horas e desaparecendo em até 24 horas, sem deixar marcas na pele”.

A dermatologista também que essa alergia na pele pode ser classificada de acordo com o fator desencadeante: “Pode ser urticária induzida, quando o fator é identificado, como remédios, alimentos, infecções e estímulos físicos (calor, frio, sol, água, pressão), ou urticária espontânea, quando a doença ocorre sem uma causa identificada, também chamada de urticária idiopática”.

Produtos relacionados

É possível evitar a urticária e a vermelhidão na pele? 

Segundo a dermatologista, o ideal para prevenir a vermelhidão na pele e os outros sintomas de urticária é descobrir os fatores que desencadeiam as crises e ficar bem longe deles. “Também é indicado evitar calor, bebidas alcoólicas e estresse, pois são fatores que pioram a irritação. Uma dieta sem corantes, conservantes, embutidos, enlatados, peixes e frutos do mar, chocolate, ovo, refrigerantes e sucos artificiais costuma ajudar a melhorar o problema mais rapidamente, evitando o reaparecimento das lesões durante o tratamento”, afirma Dra. Camila. 

Como tratar a urticária? 

A dermatologista explica que o ponto de partida para o tratamento é diagnosticar qual é o seu tipo de urticária, o que só pode ser feito com o acompanhamento de um especialista. “No caso das agudas e induzidas, o ideal é afastar a causa quando possível, associando a um tratamento específico, geralmente com antialérgicos”, informa a profissional. 

A médica afirma que a falta de acompanhamento médico especializado pode piorar a situação. “A automedicação pode prejudicar - e muito - o tratamento e o controle da doença. A urticária pode evoluir para quadros mais graves de angioedema e choque anafilático, podendo até ter risco de óbito”, finaliza a dermatologista.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 03 de Agosto de 2022
Modificada em: 03 de Agosto de 2022

Drª Camila Rosa

Palavra do Dermatologista

Drª Camila Rosa

CRM: 143799

Camila Rosa médica graduada pela UNIRIO. Dermatologista com título de especialista pela SBD e SBCD. Membro da Skin of color Society. Pós Graduada em Dermatologia Oncológica no Hospital Sírio-Libanês. Atualmente responsável pelo setor de pele negra da clínica Dermacolor em São Paulo.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Tipos de dermatite, psoríase: 4 doenças de pele que pioram durante o inverno

Tipos de dermatite, psoríase: 4 doenças de pele que pioram durante o inverno

Tratamento de pele

Pele oleosa: como cuidar? Quais erros na rotina de skincare podem piorar a oleosidade da pele?

Pele oleosa: como cuidar? Quais erros na rotina de skincare podem piorar a oleosidade da pele?

Tratamento de pele

Qual é o melhor creme para rugas? Tudo o que o produto precisa ter para combater o envelhecimento da pele

Qual é o melhor creme para rugas? Tudo o que o produto precisa ter para combater o envelhecimento da pele

Tratamento de pele

Como diminuir espinhas? Conheça nutrientes e ativos para cuidar da pele oleosa e evitar a acne

Como diminuir espinhas? Conheça nutrientes e ativos para cuidar da pele oleosa e evitar a acne

Tratamento de pele

Como tirar manchas da pele? Descubra o melhor tratamento para manchas no rosto

Como tirar manchas da pele? Descubra o melhor tratamento para manchas no rosto

Tratamento de pele

Limpeza de pele, peeling químico, laser: tratamentos que ajudam a pele no processo de envelhecimento saudável

Limpeza de pele, peeling químico, laser: tratamentos que ajudam a pele no processo de envelhecimento saudável

Tratamento de pele

Últimas Matérias

Além das rugas no rosto: mitos e verdades do que acontece na pele da mulher durante a menopausa Mancha vermelha na pele do rosto: Conheça a solução para cada causa dessas marcas Seborreia ou dermatite seborreica: o que é? Por que fica mais intensa no inverno? 5 dúvidas sobre a doença Ordem do skincare: passo a passo de quando aplicar cada produto na pele Menopausa precoce também pode afetar a pele? Conheça as causas e como lidar com esse problema Tratamento de manchas na pele sem ácidos: conheça o poder da niacinamida nas hiperpigmentações
Ver mais

escolha a loja de sua preferência