Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Veja dicas de como cuidar da pele que já descascou após exposição solar intensa

Veja dicas de como cuidar da pele que já descascou após exposição solar intensa
Veja dicas de como cuidar da pele que já descascou após exposição solar intensa

Entrevista com Dra. Lilia Guadanhim, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

O verão chegou, com a temperatura alta e os raios solares intensos! Assim, o uso do protetor solar é indispensável para manter a saúde da pele e evitar queimaduras. Afinal, é na temporada mais quente que muitas pessoas se descuidam, se expõe excessivamente ao sol e acabam descascando. Pensando nisso, o DermaClub te explica por que o problema acontece, como evitar e cuidar da pele descascada. Confira!

Por que a pele descasca e como podemos fazer para evitar?

Segundo Lilia Guadanhim, dermatologista de São Paulo, a pele descasca como uma resposta à agressão solar sofrida. “Rotineiramente, o filtro solar é recomendado, mas no verão deve-se redobrar a atenção. O uso do produto de amplo espectro, com proteção contra UVA e UVB, deve ser feito todos os dias, com reaplicação a cada duas ou três horas e após suor excessivo ou mergulhos. Além disso, a proteção é complementada com uso de chapéus e óculos escuros”, comentou.

Veja 7 dicas de como cuidar da pele já descascada

1) Se a pele já estiver descamando, o uso regular de protetor solar é fundamental para não agredir a região sensibilizada;

2) Abuse da hidratação, usando cremes ou loções potentes, de preferência sem perfume;

3) Aplique água termal, que hidrata e acalma, além de aliviar a sensação de ardência;

4) Prefira banhos frios ou mornos, rápidos, além de escolher sabonetes mais suaves para evitar o ressecamento;

5) Em casos de vermelhidão ou ardência, o uso de cremes de corticoide pode ser necessário - nesses casos, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia;

6) Não puxe a pele que está descascando para evitar o surgimento de feridas;

7) Esqueça o mito de que pegar ainda mais sol diminui a descamação, já que o problema acontece como resposta a uma agressão causada pelo sol. Isso deve servir como um alerta de que a fotoproteção deve ser melhorada.

A alimentação influencia na recuperação da pele?

Para a dermatologista, a alimentação é fundamental na saúde da pele, especialmente nesta época do ano. “A hidratação oral, com água, água de coco ou sucos é muito importante para manter a pele com um viço saudável”, recomendou. Além disso, a ingestão de antioxidantes ajuda a proteger a pele dos danos causados pela radiação solar. “Entre eles estão a Vitamina C (acerola, laranja, limão), Vitamina E (óleo semente trigo, óleo girassol, milho, soja, carnes), Licopeno (tomates, melancia), betacaroteno (cenoura, abóbora)”, disse.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 07 de Janeiro de 2016
Modificada em: 23 de Maio de 2019

Dra. Lilia Guadanhim

Palavra do Dermatologista

Dra. Lilia Guadanhim

CRM: 133850

Formação em Medicina, Residência Médica em Dermatologia e Especialização em Cosmiatria pela Escola Paulista de Medicina - Universidade Federal de São Paulo. Possui título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e Associação Médica Brasileira, além de ser membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da International Dermoscopy Society. Tem especializações em Cosmiatria - Toxina Botulínica e Preenchimento na França e Dermatoscopia - Oncologia Cutânea na Itália. É médica colaboradora da Unidade de Cosmiatria da Escola Paulista de Medicina - Universidade Federal de São Paulo.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Qual é o melhor desodorante para os dias mais quentes? 3 dicas para escolher o melhor produto para o verão

Qual é o melhor desodorante para os dias mais quentes? 3 dicas para escolher o melhor produto para o verão

Axilas

Como acabar com a alta sudorese nas axilas? Dermatologista lista 6 dicas para dar fim ao problema

Como acabar com a alta sudorese nas axilas? Dermatologista lista 6 dicas para dar fim ao problema

Axilas

Manchas na pele da axila: como clarear + cuidados para prevenir o escurecimento da pele

Manchas na pele da axila: como clarear + cuidados para prevenir o escurecimento da pele

Axilas

Desodorantes antitranspirantes fazem mal? Deixam a pele das axilas sensível? Entenda!

Desodorantes antitranspirantes fazem mal? Deixam a pele das axilas sensível? Entenda!

Axilas

Desodorante causa câncer? Dermatologista esclarece e indica o melhor produto para o cuidado das axilas

Desodorante causa câncer? Dermatologista esclarece e indica o melhor produto para o cuidado das axilas

Axilas

Transpiração excessiva nas axilas: o que pode ser? Um desodorante pode diminuir a alta sudorese? Entenda!

Transpiração excessiva nas axilas: o que pode ser? Um desodorante pode diminuir a alta sudorese? Entenda!

Axilas

Últimas Matérias

Entenda a diferença entre os 3 séruns anti-idade de La Roche-Posay: Salicyli C10, Retinol B3 e Hyalu B5 Repair Heróis da vida real: relato de um dermatologista que trabalha na linha de frente contra a COVID-19 Rotina de skincare na quarentena para cada tipo de pele + dicas para cabelo e corpo Aparelhos removedores de cravos: funcionam? Quais os riscos? Como remover de forma segura e como evitar Coceira na pele após o banho: entenda porque isso acontece e como tratar Conheça Lipikar Baume AP+M, da La Roche-Posay: o novo creme de hidratação profunda e ação anti-coceira
Ver mais