Main content

Esfoliante para o rosto: o que é, como usar e quais benefícios?

Posso esfoliar o rosto todos os dias? Saiba como esfoliar corretamente para remover células mortas da pele
14 set 2018

Indispensável na rotina de cuidados com a pele do rosto, a esfoliação ajuda a eliminar as células mortas da superfície da pele, uniformizando a sua textura e recuperando a luminosidade. No entanto, uma dúvida persiste: o ritual pode ou deve ser repetido todos os dias? Para esclarecer a questão, Dermaclub e o time de Dermatos traz todas as perguntas mais comuns, passo a passo e orientações mais pertinentes para a sua esfoliação ser ainda melhor e sem problemas, confira!

O que é esfoliante para o rosto?


Um esfoliante facial é um produto de cuidado com a pele projetado para remover suavemente as células mortas da superfície da pele. Ele contém partículas pequenas e ásperas, ou ingredientes químicos, que ao serem massageados na pele, ajudam a desobstruir os poros e a promover uma renovação celular mais rápida. Esse processo de esfoliação pode resultar em uma pele mais lisa, brilhante e uniforme.


Quais são os tipos de esfoliantes para o rosto?


A esfoliação, seja ela física - realizada com acessórios como escovas ou buchas, ou com dermocosméticos que contêm micropartículas esfoliantes - ou química - que utiliza ácidos descamativos, oferece inúmeros benefícios para a pele. De acordo com a dermatologista, essa prática promove a eliminação das células mortas e da camada córnea da pele, resultando em uma pele mais macia, lisa e uniforme, perfeitamente preparada para a hidratação.

 “Além disso, a esfoliação ajuda a renovação celular da pele, melhorando a aparência da pele e favorecendo os tratamentos de manchas, acne e pele oleosa, uma vez que promove a absorção dos produtos”, explicou a médica.

Existem vários tipos de esfoliantes para o rosto disponíveis no mercado. Os esfoliantes físicos, por exemplo, podem conter grânulos naturais, como sementes de damasco moídas, ou sintéticos, como microesferas de plástico. Já os esfoliantes químicos geralmente contêm ácidos, como o ácido glicólico ou salicílico, que ajudam a dissolver as células mortas da pele. 

Quais os benefícios do esfoliante para o rosto?


A esfoliação facial regular oferece uma série de benefícios para a saúde e a aparência da pele. Primeiramente, ela melhora a textura e o tom da pele, proporcionando um aspecto mais suave e uniforme, ajuda a minimizar a aparência dos poros e previne a formação de cravos e espinhas, mantendo a pele limpa e clara. Um dos principais benefícios da esfoliação é que ela aumenta a eficácia dos outros produtos de cuidado com a pele, permitindo que eles penetrem mais profundamente na pele e ofereçam resultados melhores. 

Contudo, é crucial não exagerar na esfoliação, pois isso pode irritar a pele e danificar sua barreira natural de proteção. A maioria dos especialistas sugere esfoliar o rosto uma ou duas vezes por semana, dependendo do seu tipo de pele. Após a esfoliação, sempre aplique um hidratante como o Hidratante Facial Effaclar Mat La Roche-Posay 40ml para manter a pele nutrida e protegida. Com esse hidratante você consegue controlar a oleosidade ao longo do dia e reduzir a aparência dos poros, possui ainda acabamento mate e é ideal para as peles mais oleosas. 

Como usar o esfoliante para o rosto?


Primeiro, limpe seu rosto com um limpador suave para remover a maquiagem e as impurezas. Em seguida, aplique uma pequena quantidade de esfoliante na ponta dos dedos e massageie suavemente no rosto em movimentos circulares, evitando a área sensível ao redor dos olhos. Certifique-se de cobrir todas as áreas do rosto, incluindo a testa, o nariz e o queixo. Depois de esfoliar, enxágue bem o rosto com água morna e seque delicadamente com uma toalha limpa. Lembre-se de hidratar a pele após a esfoliação para mantê-la macia e saudável.

O que usar após o esfoliante para o rosto?


Após usar o esfoliante facial, é essencial hidratar a pele para repor a umidade e nutrição perdidas durante a esfoliação. Você pode usar um hidratante adequado ao seu tipo de pele. Se você tem pele seca, opte por um hidratante mais rico e cremoso como a Loção Hidratante CeraVe, que contém três ceramidas essenciais, indispensáveis na restauração da barreira natural da pele e ácido hialurônico, que retém a umidade natural da pele, mantendo-a hidratada e saudável.

 Se sua pele é oleosa ou mista, escolha um hidratante leve e não comedogênico. Além disso, se for dia, não se esqueça de aplicar protetor solar após o hidratante para proteger a pele dos raios UV prejudiciais. A indicação aqui é Anthelios Airlicium Fluido, um dos produtos mais queridos e conhecidos de La Roche-Posay, que além do controle intenso contra oleosidade, possui efeito corretivo prolongado.  À noite, você pode optar por um sérum para ajudar na reparação e regeneração da pele enquanto você dorme.

Loção Hidratante Cerave e Protetor Anthelios Airlicium na mão de uma pessoa

Quantas vezes se deve fazer esfoliação no rosto?


Não se deve, de jeito nenhum, repetir esse hábito todos os dias. Isso porque, dependendo do produto, os agentes esfoliantes podem criar pequenos cortes na pele, que podem abrir espaço para a criação de infecções. Além disso, o ritual também pode acabar comprometendo a camada hidrolipídica da pele, deixando a epiderme exposta às agressões externas, ficando mais sensível e até ressecada.

O ideal é realizar a esfoliação uma vez por semana. Em peles muito oleosas ou muito espessas, podemos repetir duas vezes na semana. Quanto às secas, devem, obrigatoriamente, aplicar um hidratante potente logo em seguida.

Todos os tipos de pele podem ser esfoliadas?


Todos os tipos de pele podem se beneficiar da esfoliação, mas a frequência e o tipo de esfoliante usado devem variar dependendo do seu tipo de pele. Peles oleosas e mistas podem tolerar esfoliações mais frequentes, enquanto peles secas e sensíveis podem precisar de uma abordagem mais suave e menos frequente. É importante escolher um esfoliante que seja adequado para o seu tipo de pele.

Esfoliantes químicos, como ácidos alfa-hidroxi e beta-hidroxi, são geralmente adequados para peles oleosas e propensas a acne, enquanto esfoliantes físicos, como esfoliantes com grânulos ou escovas de limpeza, podem ser muito duros para peles sensíveis. Sempre faça um teste antes de usar um novo esfoliante para garantir que ele não irrite a sua pele. Lembre-se, a esfoliação deve deixar a sua pele sentindo-se fresca e renovada, não vermelha e irritada.

Quais cuidados ter com a esfoliação do rosto?


Em casa, o ideal é usar um produto dermocosmético com partículas microesfoliantes, pela praticidade e segurança do mesmo. As escovas faciais elétricas ou manuais, também podem ser boas alternativas, no entanto, é importante usá-las apenas algumas vezes na semana e com muito pouca pressão.

  1. Aplique o produto na pele úmida com movimentos suaves e circulares, exercendo uma leve pressão, com cuidado para não machucar a pele;
  2. Em seguida, remova com água e o seu produto de limpeza facial;
  3.  Após a esfoliação é fundamental a hidratação de pele, mesmo nas peles oleosa. Nestas deve se dar preferência a produtos em gel ou sérum;
  4. Se o ritual for feito de dia, aplicar o protetor solar.

Como escolher o melhor esfoliante para o rosto?

 

  • Pele Oleosa ou Acneica: Opte por esfoliantes que contenham ácido salicílico ou ácido glicólico. Esses ingredientes ajudam a desobstruir os poros e a reduzir a oleosidade.
  • Pele Seca: Escolha esfoliantes que contêm ingredientes hidratantes como glicerina, óleo de jojoba ou manteiga de karité. Eles ajudam a esfoliar a pele sem retirar sua umidade natural.
  • Pele Sensível: Prefira esfoliantes suaves que não contenham fragrâncias ou corantes artificiais. Ingredientes calmantes como aloe vera ou camomila podem ser benéficos.
  • Pele Madura: Esfoliantes com ácidos alfa-hidroxi (AHA) ou retinol podem ajudar a promover a renovação celular e a reduzir a aparência de linhas finas e rugas.
  • Pele Normal: Se você tem pele normal, pode experimentar diferentes tipos de esfoliantes para ver qual funciona melhor para você. No entanto, é sempre bom optar por produtos que mantenham o equilíbrio da pele.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.
 

Banner do clube de vantagens Dermaclub

Publicada em: 14 de Setembro de 2018
Modificada em: 16 de Janeiro de 2024

 

Image
 

palavra do dermatologista

DRA. SINEIDA BERBERT FERREIRA
CRM: 12283

Médica graduada pela Universidade Federal Fluminense do Rio de Janeiro e com Residência Médica em Dermatologia clinica e cirúrgica pela mesma universidade -UFF. Título de especialista da Sociedade Brasileira de Dermatologia da SBD. Título de especialista em Hansenologia pela SBH. Título especialista em dermatologia pela AMB. International Fellow American academy of dermatology. Proprietária e diretora clínica da clínica de Dermatologia Dra Sineida Berbert Ferreira em Maringá -Pr. Membro do conselho científico da Psoríase Brasil. Autora livro “Doutor eu tenho muito suor “- Grupo Gen - AC farmacêutica - 2000.
 
 
 

palavra do dermatologista

Image

DRA. SINEIDA BERBERT FERREIRA
CRM: 12283

Médica graduada pela Universidade Federal Fluminense do Rio de Janeiro e com Residência Médica em Dermatologia clinica e cirúrgica pela mesma universidade -UFF. Título de especialista da Sociedade Brasileira de Dermatologia da SBD. Título de especialista em Hansenologia pela SBH. Título especialista em dermatologia pela AMB. International Fellow American academy of dermatology. Proprietária e diretora clínica da clínica de Dermatologia Dra Sineida Berbert Ferreira em Maringá -Pr. Membro do conselho científico da Psoríase Brasil. Autora livro “Doutor eu tenho muito suor “- Grupo Gen - AC farmacêutica - 2000.
 
Orientation message
For the best experience, please turn your device