Você sabia que existem alguns hábitos aparentemente inofensivos que podem estar fazendo mal à sua pele? Uma simples mania pode acabar aumentando a oleosidade do rosto, colaborando para o surgimento de espinhas, tornando a região mais ressecada ou até mesmo causando a formação de olheiras. O DermaClub listou seis coisas que prejudicam a pele sem você perceber - confira!

1) Espremer cravos e espinhas

Você é aquela pessoa que não pode ver um cravo ou uma espinha que já vai pensando em espremer? Esse hábito, além de muitas vezes ser responsável por piorar a lesão, acaba deixando manchas ou cicatrizes na pele.

2) Enxugar o rosto bruscamente com a toalha

Após lavar o rosto, é importante secá-lo com suavidade. Muita gente acaba esfregando a toalha na região e isso acaba deixando a face mais ressecada e, algumas vezes, com irritação. A dica é pressionar a toalha levemente no rosto até que a pele fique seca.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

3) Usar a mesma toalha de corpo para secar o rosto

O grande risco desse hábito é passar as bactérias de outros lugares do corpo para o rosto - o que pode aumentar o surgimento de espinhas. Reserve uma toalha apenas para você secar a região após a limpeza da pele.

4) Esfregar os olhos com frequência

Esse costume pode agravar as linhas de expressão ou até causar olheiras, principalmente as vasculares. Para não sofrer nenhum desses problemas, a dica é lembrar sempre de ter bastante cuidado no contato com a região.

5) Passar a mão no rosto toda hora

Muitas coisas podem causar o aumento da oleosidade, como a falta de hidratação e não realizar a limpeza do rosto corretamente. Mas outro mau hábito que pode ajudar na produção de sebo é o de passar a mão no rosto com certa frequência. Se você tem essa mania e não quer ficar com poros dilatados, espinhas e cravos, trate de parar o quanto antes!

6) Lavar o rosto com água quente

Além de promover ressecamento, deixar a pele com aspecto craquelado, com coceira e placas vermelhas, lavar o rosto com água quente pode acabar aumentando a oleosidade - como uma espécie de autodefesa (o efeito rebote). Sendo assim, prefira fazer o ritual usando água fria.

*Ficou com dúvidas? Procure o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia e agende uma consulta!