Alguns procedimentos dermatológicos podem deixar a pele sensibilizada e mais suscetível a manchas. Para prevenir esses danos, são necessários cuidados especiais, a fim de que ela se recupere. O DermaClub conversou com a dermatologista Flávia Ravelli, de São Paulo, que revelou quais devem ser os truques que ajudam no dia a dia após um procedimento na pele. Confira!

Descubra como cuidar da pele após um procedimento dermatológico

Segundo a médica, em geral, os procedimentos dermatológicos agridem a pele, danificando sua barreira cutânea natural. Dessa forma, ela fica mais sensível e predisposta a manchas e infecções. Entre os cuidados necessários para proteger, principalmente, o rosto, a Dra. Flávia destaca os seguintes:

- Higiene: “após um procedimento dermatológico, a pele deve ser adequadamente higienizada para evitar infecções secundárias. Por isso, o sabonete também deve mudar, sendo mais hidratante, que limpa sem ressecar e voltado para peles sensíveis”, explicou;

- Hidratação: recupera a barreira cutânea danificada, impedindo a entrada de microorganismos e aliviando a queimação e a coceira. “Evite produtos com fragrância, corantes, parabenos ou substâncias que possam irritar a pele”, disse;

- Fotoproteção: a pele danificada fica mais suscetível e sensibilizada à exposição solar, ou seja, torna-se mais propensa a manchas. O ideal, nesse caso, é usar filtro com FPS 50, no mínimo, reaplicando-o de duas em duas horas.

- Água termal: é uma excelente opção para o alívio imediato do desconforto da pele, já que possui ação calmante, protege contra os radicais livres, refresca, alivia o ardor de queimaduras, purifica e ajuda a tratar a pele sensibilizada.

Caso esses cuidados não sejam tomados, quais são as consequências na pele?

“A cicatrização pode ser mais longa do que o esperado, a pele pode arder, coçar e descamar mais do que o normal. A falta de cuidado no pós procedimento também facilita a infecção da pele e a ausência do protetor solar pode causar queimaduras e manchas”, afirmou.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.