Os comedões, mais conhecidos como cravos, são incômodos que aparecem na pele, principalmente do rosto, devido ao acúmulo de resíduos na região. Além dos motivos mais comuns, como a produção demasiada de sebo, poluição e restos de maquiagem, muita gente se questiona se é possível que a pele com poros abertos tenha mais tendência a formar esses pontinhos pretos. O DermaClub esclarece o assunto e indica os melhores cuidados para acabar com o problema de pele. Veja só!

O que é cravo?

Cravo é o nome popular que damos ao comedão - uma lesão na pele que surge devido ao aumento da produção de sebo e alterações na sua qualidade, causando a obstrução dos poros. Eles podem ser classificados como brancos/ fechados: bolinhas bem pequenas esbranquiçadas, que geralmente surgem nas regiões sebáceas, como rosto e tronco; e pretos/ abertos: possuem uma aparência mais escura por conta da oxidação que acontece quando os acúmulos de queratina, células e sebo dentro de um folículo piloso dilatado entram em contato com o ar.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Poros abertos são mais propícios à formação de comedões?

De acordo com dermatologistas, os poros se dilatam de duas formas: na juventude, pelo aumento da produção de sebo pelas glândulas sebáceas - um dos fatores que colaboram para o surgimento dos cravos; já na maturidade, essa dilatação pode acontecer por conta do envelhecimento cutâneo, sem ligação com a oleosidade. Sendo assim, apenas no primeiro caso os pacientes com poros abertos acabam tendo mais tendência ao surgimento de comedões devido ao excesso de oleosidade.

Como ter uma pele sem cravos?

Para evitar os indesejáveis cravinhos, é importante manter uma rotina de cuidados com a pele bastante regrada, fazendo uso de sabonetes adstringentes, solução micelar, filtro solar com toque seco e spray antioleosidade para ser utilizado ao longo do dia. Além disso, é importante fazer uma limpeza de pele profunda no consultório dermatológico com certa regularidade. Além de acabar com os comedões, esse procedimento evita o surgimento de novas lesões de acne, remove as células mortas e ainda facilita a penetração de ativos dos dermocosméticos.

Gostou das dicas? Saiba mais sobre cravos, espinhas e pele oleosa acompanhando o DermaClub!