Cada vez mais homens estão aderindo à depilação para se livrar dos pelos! Mas para ter uma pele lisinha e saudável, você precisa saber qual é a melhor técnica e tomar os devidos cuidados após a depilação, para evitar problemas como coceira, foliculite, irritação e até manchas na pele. Quer saber mais sobre o assunto? O DermaClub entrevistou a dermatologista Flávia Addor, de São Paulo, e montou um guia da depilação masculina. Veja só!

Depilação masculina: é melhor optar pela máquina, cera, lâmina ou depilação a laser?

Segundo a médica, a depilação masculina normalmente é mais desafiadora do que a feminina: “A quantidade de pelos é maior e eles são mais grossos, o que gera uma grande chance de irritações, pseudofoliculites (pelos encravados) e foliculites (inflamação do folículo com ou sem infecção)”, esclareceu.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

A cera arranca os pelos pela raiz, e normalmente, quando a pele se restabelece, existe uma maior chance de o novo folículo que vem nascendo encravar. “Sendo assim, a forma mais indicada é a lâmina ou máquina, que corta o pelo. No entanto, precisa ser feita com uma frequência maior. O laser é uma opção, mas deve ser bem discutido com o paciente antes, já que é definitivo”, pontuou.

Como evitar coceira, bolinhas, irritação e manchas na pele após a depilação?

Cera: é o método em que é mais difícil de evitar esses problemas; o ideal em quem tem predisposição para tal é não fazer. Esfoliantes a partir de 48 horas antes podem ser usados com o objetivo de reduzir o encravamento.

Lâmina: esfoliações de duas a três vezes por semana e usar hidratantes com leve ação queratolítica com algum alfa hidroxiácido, por exemplo. Sempre usar a lâmina bem afiada, e de preferência após lavar com água morna.

4 cuidados para deixar a pele do homem lisinha após a depilação:

- Evite produtos à base de álcool (como pós-barba ou desodorante) e ácidos;
- Prefira usar produtos com ativos calmantes e hidratantes;
- Abuse da água termal;
- Use filtro solar para proteger a pele da radiação e evitar manchas e marcas;

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.