As celulites geram desconforto em muitas pessoas devido ao aspecto visual que proporcionam à pele. Segundo a dermatologista Tatiane Curi, de São Paulo, o problema apresenta diferentes graus e, por isso, o tratamento varia de acordo com cada caso. A especialista ainda desvendou 5 mitos sobre o assunto em entrevista ao DermaClub. Confira!

1) Somente as mulheres desenvolvem celulite? Mito!

De acordo com a médica, os ‘’furinhos’’ são frequentemente encontrados nas mulheres, porém não são exclusividade delas. “Há maior predisposição feminina por conta da estrutura corporal. Isso faz com que o acúmulo de gordura, água e toxinas nas células seja mais comum nas coxas, quadris e nádegas. A estrutura das fibras do tecido conjuntivo, onde ficam as células de gordura, juntamente com a ação dos hormônios também são fatores que propiciam o quadro”, explicou. Quando há alteração na produção de hormônios no corpo do homem e alimentação rica em gorduras é possível notar a presença de celulite.

2) Apenas pessoas acima do peso desenvolvem celulite? Mito!

Existem várias causas para o surgimento das celulites e o excesso de peso é mais uma dessas razões. “O aspecto casca de laranja é causado por células gordurosas, que apresentam toxinas e, por isso, estão enrijecidas. São elas que deixam o corpo com ondulações e até nódulos doloridos. No entanto, pessoas com o peso adequado podem desenvolver o quadro por conta de sedentarismo, tabagismo ou desproporção entre células de gordura e massa muscular”, disse.

3) Exercícios aeróbicos são benéficos no tratamento contra a celulite? Verdade!

Tanto exercícios aeróbicos, como a corrida e caminhada, quanto os anaeróbicos, como a musculação e a natação, contribuem positivamente para a melhora da superfície da pele. As atividades estimulam o metabolismo do corpo, diminuem a quantidade de gordura corporal, melhoram a musculatura e tendem a firmar a região.

4) Emagrecer faz com que a celulite seja eliminada? Mito!

É possível minimizar o efeito visual do quadro com uma alimentação saudável e o emagrecimento, porém, estas ações podem não eliminar as marquinhas por completo. Além disso, para o tratamento, é importante associar a atividade física frequente, drenagem linfática e evitar outros fatores de risco, como o tabagismo.

5) Cremes que estimulam a pele a se firmar são a solução para o caso? Mito!

Usar apenas produtos tópicos anticelulite não é a solução milagrosa, infelizmente. “O seu uso ainda é muito questionado devido ao grau de profundidade que poderiam atingir. A finalidade desses cremes é melhorar a microcirculação local e estimular a produção do colágeno e, por isso, devem ser sempre associados à alimentação adequada, à prática de exercícios e a outros tratamentos para um resultado mais eficaz”, esclareceu.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.