Para quem possui tatuagem em áreas mais escondidas, o verão parece ser o período ideal para deixar a arte visível. Entretanto, se expor ao sol e ao calor pode provocar danos aos desenhos, deixando-os com aspecto borrado e menos intensos. Por isso, é preciso redobrar o cuidado durante a temporada mais quente do ano! O DermaClub explica abaixo o que acontece com a pele e quais os principais cuidados que você deve ter com a tatuagem durante a estação. Confira!

Entenda quais agressões podem atingir o corpo nessa época do ano

Segundo a dermatologista Tatiana Matos, de Salvador, na Bahia, após a exposição solar, a pele descasca devido à queimadura provocada pelos raios UVB. “As células acabam acelerando a divisão e aumentam a espessura de suas camadas. Além disso, o calor, constante durante esse período, resseca o corpo. Isso faz com que as células morram e se desprendam, proporcionando a descamação”, esclareceu, afirmando que a reação vai variar de acordo com o tom da pele.

A proteção solar é indispensável para o corpo inteiro

Para evitar que a região descasque e danifique o desenho, é importante fazer uso do filtro solar sempre que a tattoo estiver a mostra. Especialistas recomendam que a aplicação seja realizada por todo o corpo. O que garante a proteção é o valor do FPS, que nesses casos deve ser maior ou igual a 50, e a reaplicação durante o dia. “O ideal é evitar a exposição em horários de pico: antes das dez horas da manhã e após às quatro da tarde”, concluiu.

Não esqueça de manter a pele hidratada

A hidratação evita a descamação promovida pela exposição ao sol e ao calor. Existem hidratantes específicos para cada tipo de pele, garantindo o resultado desejado sem efeitos contrários. Para peles mais secas, aposte nos cremes à base de ureia. Enquanto que para as oleosas devem ser escolhidos produtos de textura leve e não gordurosos. Ativos como ceramidas e manteiga de karité são frequentemente usadas para este fim. Procure o seu dermatologista e peça indicação do dermocosmético ideal para a sua pele!

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.