Dizem que a gravidez muda completamente a mulher - de dentro para fora. Além dos hormônios, a futura mamãe precisa lidar com as dores que surgem durante toda a gestação, que podem acontecer em vários lugares do corpo, desde as pernas até o peito. Embora sejam normais, esses incômodos influenciam diretamente no bem-estar da gestante. A boa notícia é que podemos amenizar esses desconfortos. Quer saber como? Fique atenta às dicas do DermaClub, que conversou com a ginecologista Patricia Aliprandi, de Belo Horizonte!

O que cada sintoma de dor significa durante a gravidez?

Segundo a ginecologista, as dores durante a gestação podem acontecer por diversos fatores, como o tamanho do bebê, preparo físico da gestante e quanto peso a mulher ganha ao longo do processo. Entre as mais comuns, estão:

Mamas

Esse sintoma acontece logo no primeiro trimestre da gestação. As mudanças hormonais fazem com que seus seios cresçam, ficando mais inchados, sensíveis e doloridos. Mas não se desespere, por que esse sintoma acaba diminuindo com o passar do tempo, assim que o seu corpo se acostumar com esse turbilhão de hormônios. Até lá, a médica indica: “É muito importante o uso de sutiãs adequados, com boa sustentação e que sejam confortáveis, a fim de amenizar as dores”.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Cólicas

Embora sejam incômodas, sentir cólicas ao longo da gestação é bem normal. Essas dores podem acontecer tanto no início, quanto no finalzinho da gravidez - neste caso, como se o seu corpo estivesse treinando para ter o bebê. As cólicas aparecem devido ao aumento do tamanho do útero e também por conta de gases intestinais. Mas se você sentir qualquer incômodo parecido, não hesite em procurar o seu médico para entender o problema.

Lombar

Com a barriga crescendo a cada mês, é bem provável que você vá sentir dores na lombar, devido à sobrecarga de peso e mudança de postura. “É recomendável a prática de exercícios que melhoram a postura, como pilates e yoga, além de evitar o ganho excessivo de peso. Utilizar travesseiros entre as pernas na hora de dormir de lado também pode amenizar as dores”, indicou a ginecologista.

Pernas

Durante a gravidez, suas pernas também sentem as mudanças que ocorrem no seu corpo. Elas podem inchar, devido às alterações na circulação e o aumento de peso, causando dores. Para diminuir o incômodo, a dica é usar meias elásticas e repousar bastante com as pernas elevadas;

Câimbra

Ninguém gosta de ter câimbra, principalmente na gravidez. Essas dorzinhas chatas acontecem com as alterações na circulação sanguínea e pelo desequilíbrio de minerais na corrente sanguínea. Para diminuir as chances de ter esse incômodo, faça exercícios de alongamentos e tenha uma alimentação variada, como frutas e vegetais, que vão ajudar no problema.

Pélvis

As mulheres enfrentam esse problema na gestação por causa do peso do abdômen e pela modificação de estrutura do corpo. O uso de cintas de sustentação são essenciais para aliviar as dores.

Sentiu algum desses desconfortos? Procure o seu ginecologista e mantenha o acompanhamento médico.

*Os médicos especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

*Os médicos especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

** Esta matéria foi atualizada no dia 14/08/2019 por Livia D'Ambrosio.

Confira o vídeo abaixo e saiba que cuidados ter com a pele durante a gravidez!