Depois de fazer a barba, é muito comum que os homens sofram com sensibilidade na pele. Assim, a região irritada pode apresentar inflamação, conhecida como pseudofoliculite ou foliculite. No entanto, esse incômodo pode ser evitado com ajuda de alguns cuidados específicos. O Dermaclub conversou com a dermatologista Marina Barletta, de São Paulo, para entender o que causa e como tratar o problema. Descubra!

Entenda o que ocasiona a inflamação pós-barba na pele

De acordo com a dermatologista, a inflamação ocorre nos folículos pilosos na área da barba, já que os pelos raspados, ao crescerem, se curvam e voltam para o interior da pele. Dessa forma, surgem as bolinhas vermelhas e com pus ao redor do pelo. “A maioria dos casos de inflamação é superficial, mas pode coçar e doer. No entanto, normalmente, se cura sozinha!”, explicou.

Veja quais são as dicas para prevenir a inflamação pós-barba na pele

A médica afirma que existem cuidados que auxiliam na prevenção da inflamação pós-barba. Entre eles, estão:

- Dar preferência ao barbeador elétrico;
- Utilizar água morna ao se barbear, massageando os pelos para que eles fiquem mais amolecidos;
- Barbear no sentido do crescimento dos pelos e o menor número possível de vezes;
- Usar produtos específicos pós-barba e hidratantes para reduzir a irritação e evite os que contenham álcool;
- Não esqueça da água termal! Ela pode ser uma grande aliada nos cuidados com a pele, a fim de acalmá-la!

Saiba quais são os produtos mais indicados para tratar a pele com inflamação pós-barba

Segundo a dermatologista, prevenir é sempre a melhor alternativa. Porém, para a pele já inflamada são indicados tratamentos com produtos que possuam ativos ceratolíticos - que esfoliam e afinam a camada superficial da pele. Além disso, pode-se utilizar cremes ou pomadas com ação anti-inflamatória e antibiótica. “Mas em casos mais graves e recorrentes é melhor ter atenção e buscar por tratamento adequado com um dermatologista”, indicou a Dra. Marina.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.