Sinais do envelhecimento, como a flacidez, perda de contorno facial e a formação de rugas - pé de galinha e bigode chinês - são características que incomodam o seu rosto? Hoje em dia, existe uma série de procedimentos capazes de amenizar todos esses pontos, um deles é o lifting facial - uma cirurgia plástica feita para remover aqueles vincos mais profundos e proporcionar um visual mais jovial para o paciente. Você já ouviu falar nesse tratamento? Sabe como ele é feito? Tem ideia dos prós e contras da técnica? O DermaClub conversou com a dermatologista Flávia Addor, que esclareceu todas as dúvidas. Veja só!

O que é o lifting facial?

De acordo com a médica, “o lifting facial é um procedimento cirúrgico realizado pelos cirurgiões plásticos para devolver o rejuvenescimento do rosto, com o objetivo de remover as rugas maiores, melhorar os contornos e a flacidez da região”, esclareceu.

Funciona assim: é realizado um corte no contorno do rosto, bem próximo às orelhas e à linha que divide o cabelo. Em seguida, o médico puxa a pele e posiciona melhor o músculo para alinhar o rosto e acabar com as rugas mais profundas e toda a flacidez. Todo esse procedimento é feito com anestesia e, antes da técnica, o cirurgião combina tudo o que vai ser feito com o paciente para não haver surpresas no resultado.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Vai fazer lifting facial? Conheça os prós e contras do procedimento

Assim como todo procedimento cirúrgico, o lifting possui os seus prós e contras. A Dra. Flávia explica os pontos positivos e negativos dessa técnica: “A técnica é ideal para reduzir a flacidez, mas não melhora a textura de pele, nem as rugas dinâmicas, além de mudar a aparência em muitos casos”, explicou. A profissional ainda ressalta que para garantir um resultado melhor, a tendência hoje em dia, é adotar a associação de várias técnicas, fazendo um lifting mais suave e depois complementando com preenchedores e laser ablativo, além da toxina botulínica.

Quais cuidados devemos ter após o lifting?

- Uso de antibióticos receitados pelo médico;
- Fazer curativos de acordo com orientação do cirurgião;
- Não fazer muito esforço, como abaixar a cabeça, por exemplo;
- Proteger a região contra o sol.

Dermatologista:

Drª. Flávia Alvim Sant'Anna Addor

CRM: 66293

Dra. Flávia Addor é dermatologista formada pela Santa Casa de São Paulo, com mestrado no Departamento de Dermatologia da Universidade de São Paulo e extensão universitária na Vrije university (Bruxelas). É membro da Academia Americana de Dermatologia e sócia titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Além disso, a médica fez parte do corpo docente da Universidade de Santo Amaro em São Paulo.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.