Você pensa em ter uma pele renovada, limpa e sem acne? Então, tudo o que precisa é fazer uma limpeza de pele. O procedimento é um dos mais buscados nos consultórios dermatológicos e proporciona uma pele mais bonita e lisinha. Mas, por trás de todo tratamento surgem as dúvidas: precisa usar o protetor após a limpeza de pele? Quais são os maiores cuidados que devemos ter após a técnica? O DermaClub conversou com a dermatologista Flávia Addor, de São Paulo, para esclarecer os mitos e verdades sobre o método.

Limpeza de pele é a mesma coisa que limpeza da pele

Mito. De acordo com a médica, “a limpeza da pele é a higienização com dermocosméticos específicos para o tipo de pele e é realizada em casa. Já a limpeza de pele é a denominação para a retirada de comedões e tratamento da região oleosa e acneica, feita em consultório por profissionais habilitados - normalmente um esteticista ou fisioterapeuta dermatofuncional”, esclareceu.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Quem faz limpeza de pele não pode se expor ao sol

Verdade. “Muitas vezes, após o procedimento, a pele acaba ficando irritada e, por isso, é recomendado não tomar sol durante alguns dias”, orientou. Também é importante fazer o uso do protetor solar com FPS 30, no mínimo, diariamente. Lembre-se de que o dermocosmético deve ser recomendado pelo dermatologista.

Quem está com alguma lesão na pele pode fazer o procedimento

Depende. Segundo a Dra. Flávia, a manipulação de qualquer lesão, como espinhas, é responsabilidade do dermatologista. “Antes de iniciar o tratamento, é importante o paciente passar por uma avaliação prévia”, afirmou.

Devemos ter cuidado com a pele após a limpeza de pele

Verdade. Os maiores cuidados após o procedimento devem ser: a higiene compatível com o tipo de pele e a fotoproteção. “A escolha dos dermocosméticos depende do dermatologista, pois a limpeza de pele pode fazer parte de suas orientações na abordagem da acne ou pele oleosa”, finalizou.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.