O primeiro passo para ter uma rotina de skincare perfeita é descobrir quais são as características da sua pele. Mas como é possível identificar esses aspectos e garantir um rosto bonito e saudável? Se você ainda tem dúvidas sobre qual é o seu tipo de pele, o DermaClub conversou com a dermatologista Gisele Sanches, que listou as principais personalidades de cada uma delas e todos os cuidados que devemos praticar diariamente. Veja só!

Como são os tipos de pele: normal, oleosa, seca, mista e sensível

Pele normal: ela é, geralmente, mais saudável, pouco brilhosa ou ressecada, e costuma produzir sebo em quantidade adequada.

Pele seca: é mais sensível às irritações, coceiras e vermelhidão. Por ter pouca oleosidade natural, ela tem um aspecto mais ressecado, áspero e com pouca luminosidade. Para esse tipo de pele, o principal cuidado é com a hidratação!

Pele oleosa: geralmente a oleosidade é concentrada na região chamada “zona T” do rosto (testa, nariz e queixo). Peles assim lidam frequentemente com o excesso de brilho e apresentam maior tendência ao surgimento de cravos e espinhas.

Pele mista: a característica de quem tem pele mista é a oleosidade da zona T do rosto (testa, nariz e queixo) somado ao ressecamento nas outras regiões da face. E para esses casos há bastante cosméticos desenvolvidos com dupla função: controlar o brilho e hidratar.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Pele sensível: não é um tipo de pele! A sensibilidade é uma condição que pode surgir em todos os tipos de pele. Ela acontece por uma série de motivos - como mudanças climáticas, poluição, reação do tratamento de acne, doenças de pele, falta de hidratação, entre outros - e pode deixar a região vermelha, com ardência e coceira.

A melhor rotina de skincare para cada tipo de pele:

Rotina da pele seca

A pele seca tem a barreira cutânea mais debilitada que os demais tipos, devido à carência de hidratação. Nesse caso, a Drª Gisele indica usar sabonetes não agressivos à pele, não tomar banhos muito quentes e hidratar muito bem o corpo e o rosto. “Para cada região, como face, mãos, pés e corpo, existe um cuidado específico. Os mais indicados são cremes com ácido hialurônico, ceramidas, ureia e antioxidantes”, recomenda.

Rotina da pele oleosa

Para esse tipo de pele, é indicado lavar o rosto duas vezes ao dia usando água fria e um sabonete ou gel de limpeza específico para remover o excesso de oleosidade do rosto. O próximo passo é passar um tônico para deixar seu rosto mais sequinho e amenizar a aparência dos poros dilatados. Também é fundamental aplicar e reaplicar todos os dias um protetor solar na versão oil-free.

Um aviso que a dermatologista dá para quem tem a pele oleosa: “Não espremer de jeito nenhum os cravos e espinhas! Quanto mais manipular, mais sua pele ficará marcada e não conseguirá eliminar as lesões”.

Rotina da pele mista

Por ser uma mistura da pele oleosa e seca, a mista precisa ter uma rotina de cuidados equilibrada. Pensando nisso, a Drª Gisele pede para os pacientes se atentarem na higiene e hidratação: “Limpar a pele sem abusar no uso de adstringentes e soluções com álcool para não causar ardência. Hidratar delicadamente duas vezes ao dia e evitar produtos muito oleosos”.

Também é essencial proteger a pele diariamente da exposição solar, usando um filtro com FPS 30, no mínimo, que tenha toque seco ou mate. Cuidados extras como esfoliações e máscaras faciais são ótimas opções para suavizar manchas de acne, a oleosidade e até mesmo para deixar a região mais hidratada.

Rotina da pele normal

Hidratada na medida certa, não oleosa e nem ressecada: assim é a pele normal. Com uma rotina simples e poderosa de skincare, é possível deixar a pele normal em constante equilíbrio. Lave duas vezes ao dia com um sabonete ou gel de limpeza suave e refrescante, use um hidratante sérum ou que tenha uma textura bem levinha e finalize com um protetor solar com toque seco e com cor, para proteger seu rosto ainda mais.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.