O uso do protetor solar é importante durante o ano inteiro - independentemente da estação, até mesmo nos dias mais nublados e chuvosos. Porém, existem vários detalhes importantes que precisam ser considerados na hora de escolher esse produto. A maioria das pessoas se preocupa apenas com o valor do FPS e mal sabe que também existe outra proteção muito importante: o PPD - parâmetro que avalia a proteção do produto contra a radiação UVA. Você sabe a importância dessa sigla? Qual valor mínimo que o PPD precisa ter? O DermaClub conversou com a dermatologista Betina Stefanello, que esclareceu todas essas dúvidas!

O que é PPD do protetor solar? Qual é a sua função?

De acordo com a Drª Betina, o PPD é uma uma forma de medir a proteção aos raios ultravioleta do tipo A, responsáveis pelo bronzeamento da pele após a exposição solar. “Trata-se de uma abreviação do inglês de ‘Persistent Pigment Darkening’, que significa ‘Escurecimento Persistente do Pigmento’. Sua função é quantificar a proteção oferecida por um protetor contra a radiação UVA. O que é muito importante já que essa radiação é a principal causadora do fotoenvelhecimento cutâneo, pois penetra profundamente na pele, causando danos ao colágeno.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Qual é o valor ideal do PPD em um filtro solar?

A dermatologista afirma: “Quanto mais alto melhor! Mas ele precisa ter, pelo menos, um terço do valor do FPS”. Para facilitar o entendimento, a relação ideal entre FPS e PPD é quando o PPD tem o valor a partir de 10, isso se o fator proteção for de 30.

Por isso, antes de comprar um filtro solar, fique atento se o produto possui PPD e qual o seu valor indicado na embalagem!

Qual é a diferença do PPD para o FPS?

É bem simples! O FPS determina o fator de proteção contra a radiação UVB, responsáveis pelas queimaduras solares e o câncer de pele. Já o PPD determina a proteção contra a radiação UVA, responsável por acelerar o envelhecimento, flacidez e manchas na pele.

Para o PPD ser eficiente, aplique a quantidade certa de protetor solar!

Para não errar na medida e garantir uma boa proteção contra o sol, a Drª Betina indica a regra da colher de chá para aplicar o produto.

Rosto e pescoço: uma colher de chá para essas duas áreas - incluindo as orelhas;
Colo e costas: espalhe duas colheres de chá;
Braços: deve-se passar a quantidade referente a uma colher de chá para cada braço;
Pernas e pés: duas colheres de chá para o lado direito e outras duas para o esquerdo.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.