O surgimento de manchas na pele é considerado um sinal de alerta para muitas pessoas. Essas marcas, dependendo de suas características, podem indicar várias doenças de pele, inclusive o pano branco - também conhecido como micose de praia. A boa notícia é que conseguimos nos proteger desse problema identificando todas as suas causas. O DermaClub conversou com a dermatologista Tatiane Curi, de São Paulo, que listou seis fatores que podem motivar essa micose na pele.

O que é o pano branco?

De acordo com a médica, o pano branco é o nome popular de uma micose superficial chamada pitiríase versicolor. “É uma doença de pele extremamente comum que afeta a primeira camada cutânea, causando manchas brancas, avermelhadas ou acastanhadas que descamam e se espalham facilmente pelo corpo, especialmente nas áreas mais oleosas”, explicou.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Como o pano branco ocorre na pele?

As manchas brancas na pele ocorrem devido a um anteparo físico do crescimento do fungo na região afetada e pela inibição da melanina - enzima sobre que dar cor à pele. “Os fungos se proliferam mais em áreas seborreicas, como no couro cabeludo, pescoço, dorso e tórax anterior e se alimentam das gorduras existentes nessas regiões”, ressaltou a Drª.

Conheça 5 fatores que podem causar o pano branco:

- Excesso de sudorese;
- Imunodepressão;
- Excesso de oleosidade;
- Má higiene da pele
- Predisposição para a doença de pele.

Como a micose pode ser prevenida?

O melhor jeito de prevenir esse tipo de micose de pele é manter uma higiene adequada e adotar uma boa rotina de cuidados. “Em alguns casos, a limpeza deve ser feita com sabonetes queratolíticos e shampoos antifúngicos durante o banho. Também deve-se evitar o uso de cremes muito oleosos nas regiões com maior predisposição às manchas”, orientou a dermatologista.

Os cuidados devem ser praticados com maior intensidade na praia, ambiente propício para a contaminação dessa micose de pele. Sendo assim, o ideal é apostar no uso de filtros solares em spray ou que possuem toques mais secos livres de óleos e manter a pele bem arejada.

Como podemos tratar essa micose?

A micose de pele - pano branco - pode ser tratada com medicamentos sistêmicos e orais ou com antifúngicos de uso tópico: “Desde shampoos, soluções em spray e até sabonetes com alguns tipos de ácidos para diminuir a oleosidade da região”, indicou.

Para receber o tratamento adequado, consulte seu dermatologista assim que notar algum sintoma da doença de pele.

Dermatologistas:

Drª. Tatiane Curi // CRM: 108107

Medica, Dermatologista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia. Especializada em Cosmiatria pela Universidade de Santo Amaro, com título de especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e Associacao medica Brasileira. Também é sócia efetiva da sociedade Brasileira de Dermatologia e Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatologia. Além disso, é medica do corpo clinico do Hospital Sírio Libanes - SP.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.