O protetor solar é um item indispensável na rotina de cuidados com a pele durante o verão. Por isso, precisamos ter muita atenção na hora de aplicá-lo no corpo e rosto, respeitando algumas regras para não perder sua eficácia e evitar possíveis problemas, como manchas e queimaduras solares. Mas, afinal de contas, passar o filtro com a pele molhada pode diminuir o seu efeito? O DermaClub conversou com a dermatologista Christiane Gonzaga, do Rio de Janeiro, que esclareceu a questão.

Aplicar o protetor na pele molhada pode afetar na sua eficácia de proteção?

De acordo com a médica, passar o filtro solar com a pele molhada costuma dificultar a aderência do produto na pele. “Sendo assim, recomendo que o protetor seja aplicado na pele seca e, em casos de exposição prolongada, deve ser reaplicado a cada duas horas ou após um mergulho. A água retira praticamente toda a proteção do corpo, então o certo é sair do mar ou piscina e passar o produto em seguida”, esclareceu.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Para garantir máxima eficácia do produto, o que devemos fazer na hora da aplicação?

Muitas pessoas ainda economizam na quantidade de filtro ou não usam o produto da maneira adequada. Mas, independentemente do valor do FPS, se o protetor for usado na porção errada, terá uma eficácia muito menor. “A fotoproteção é calculada pela quantidade que você aplica. Por isso, é preciso passar o dermocosmético no corpo todo sem medo de abusar. Outro erro comum é aplicar o filtro somente ao chegar à praia ou piscina, porém, o produto deve ser aplicado, de preferência, 30 minutos antes da exposição”, indicou.

Importante: também devemos passar protetor naquelas áreas consideradas esquecidas, como nas orelhas, pálpebras, parte superior dos lábios – entre o nariz e a boca, além do dorso do pé.

Qual é a quantidade correta de protetor que devemos aplicar?

A Drª Christianne Gonzaga explica que tem uma dica para acertar na quantidade de filtro a ser aplicada: “A regra da colher de chá” - que deve ter, aproximadamente, 2 mg/cm²:

- Uma colher de chá para rosto e pescoço;
- Uma colher de chá para cada braço;
- Duas colheres de chá para cada perna;
- Duas colheres de chá para tronco e dorso.

Desse jeito fica mais fácil de aplicar o protetor corretamente, sem correr o risco de ficar com manchas na pele ou queimaduras.

Ainda tem dúvidas? Assista um tutorial sobre como aplicar o filtro solar corretamente:

Dermatologista:

Drª. Christiane Gonzaga // CRM: 52646652

Dra. Christiane Gonzaga é especialista em Dermatologia, Membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia. É membro da Sociedade Internacional de Dermatologia, membro da Sociedade Americana de Dermatologia Cosmética e membro da Academia Americana de Dermatologia. A especialista faz constantes atualizações nos mais importantes Congressos Dermatológicos nacionais e internacionais.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.