Entre os 30 e 45 anos, o corpo vive a fase adulta e, nesse período, já é possível começar a notar algumas mudanças, como o surgimento de rugas e manchas na pele. O DermaClub conversou com o dermatologista Alan Ost, de São Paulo, que contou quais devem ser os principais cuidados com o rosto nessa idade e como amenizar os sinais de envelhecimento que possam surgir. Acompanhe!

Saiba quais são as principais mudanças da pele entre os 30 e 45 anos

O especialista explicou que, nessa fase, já é possível notar algumas mudanças na pele. “A região fica menos brilhosa e, com a falta de viço, podem surgir rugas e linhas finas sutis. Também já é possível perceber uma discreta flacidez e o surgimento de manchas, menos frequentes nos jovens”, afirmou.

Existe alguma forma de amenizar o envelhecimento da pele adulta?

Segundo o dermatologista, a resposta para essa pergunta é muito simples. “Tenha hábitos de vida saudáveis, viva bem, ingira bastante água, use sempre muito filtro solar e invista em antioxidantes tópicos e orais”, indicou.

Descubra quais os melhores produtos para essa fase

Manter uma rotina de cuidados com os produtos indicados pelo dermatologista é essencial para manter a pele adulta bonita e saudável. “Meus pacientes que possuem a pele adulta sempre saem do consultório com indicação de um ótimo filtro solar, antioxidantes - vitamina C e E -, e suplementação oral de colágeno e resveratrol”, contou, completando que também é indicado o uso de produtos antirrugas, que contenham ácido retinoico.

A acne também pode aparecer nesse período?

Embora seja uma doença que possui incidência maior em adolescentes, o especialista conta que a acne pode aparecer na fase adulta. “Existem muitos casos desse problema entre os 30 e 45 anos, geralmente devido à disfunções hormonais, uso de alguns medicamentos, excesso de maquiagem, entre outras”, pontuou.

Em relação ao tratamento, o dermatologista indica que seja individualizado conforme a causa do problema do paciente. “Geralmente, é necessário lançar mão de antibióticos orais e alguns ácidos de uso tópico. Lembrando que é obrigatório tratar a causa basal da acne na fase adulta, caso contrário, todos os tratamentos serão meramente paliativos”, concluiu.

Consulte seu dermatologista e inicie sua rotina de cuidados com a pele!

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.