Você sabia que a pele masculina possui características diferentes da feminina? Segundo a dermatologista Lilia Guadanhim, de São Paulo, uma delas é a maior tendência à acne. “A condição se dá devido aos fatores hormonais, principalmente pelos níveis de andrógenos circulantes, que estimulam ou controlam o desenvolvimento e manutenção das características masculinas”, disse. Outro fator que influencia é a disciplina com a rotina de cuidados, que muitas vezes é deixada de lado. Abaixo, a médica explica como devem ser esses cuidados, confira!

Descubra como devem ser os cuidados com a pele oleosa e acneica

A dermatologista alerta que é importante estabelecer uma rotina de cuidados que seja adequada ao estilo de vida do paciente, para que seja seguida. O ritual básico incluiu higiene, hidratação e fotoproteção:

- Para a limpeza, o uso de sabonetes ou géis específicos auxiliam no controle da oleosidade e eliminação das impurezas. É indicado que esses produtos tenham em sua formulação substâncias como o LHA e o ácido salicílico - que proporcionam esfoliação, descongestionando os poros, além de controlar a produção de sebo. O rosto deve ser lavado até duas vezes por dia, mais do que isso pode ser prejudicial à barreira da pele;

- Para os homens com tendência à acne e presença de cravos, pode-se realizar uma esfoliação suave uma vez na semana;

- Muitos pacientes ainda têm receio do uso de hidratantes em peles oleosas, mas manter a hidratação e a barreira íntegra diminui a sensibilidade da pele, facilitando os tratamentos. Há atualmente ótimas opções de hidratantes não gordurosos, que ajudam a controlar a oleosidade ao longo do dia e que contêm, inclusive, ativos clareadores para evitar as indesejáveis manchas de acne;

- A escolha do filtro solar deve ser feita de maneira cuidadosa, optando por texturas com toque seco, que ajudam no controle da oleosidade, sem deixar o rosto com aspecto esbranquiçado. Converse com seu dermatologista para escolher o produto ideal para a sua pele!

Entenda como é possível tratar as espinhas na pele masculina

De acordo com a Dra. Lilia Guadanhim, os ativos usados no tratamento de acne da pele masculina e feminina são muito semelhantes, mas os homens apresentam algumas peculiaridades. “É comum que esses pacientes prefiram produtos multifuncionais, que tenham textura leve e sejam rapidamente absorvidos. Os séruns, contendo ácido glicólico - responsável por aumentar a estrutura da pele e do colágeno - costumam ser eficazes e bem tolerados, por exemplo”, contou. Além disso, cremes e géis contendo ácido retinoico ajudam a manter a oleosidade controlada, melhoram a textura e o viço. “O uso de produtos que contenham peróxido de benzoíla e nicotinamida podem ser muito úteis em caso de espinhas inflamadas e pseudofoliculite de barba”, concluiu.

Saiba quais são os tratamentos clínicos mais indicados para o caso

Segundo a dermatologista, existem diversos procedimentos que podem ser feitos a fim de controlar a oleosidade e a acne na pele masculina, incluindo estes abaixo:

- Peelings químicos: possuem efeito secativo e, por isso, ajudam no controle da oleosidade e melhoram a textura e o viço da pele;

- Laser: estimulam a produção de colágeno, melhorando a textura e promovendo a retração de poros;

- Luz intensa pulsada: podem ser utilizados em caso de lesões inflamatórias;

- Casos específicos podem ter benefícios com o uso de terapia fotodinâmica.

Agende uma consulta com um médico da Sociedade Brasileira de Dermatologia e, após a avaliação, comece já seu tratamento!

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.