Quem tem pele do rosto seca sabe o quão difícil pode ser domar a descamação e a falta de viço. Para deixar o rosto bonito e saudável é necessário manter um ritual de cuidados focado em produtos que ajudem na sua recuperação. A fim de solucionar as dúvidas e conceder dicas preciosas para rotina da pele ressecada, o DermaClub convidou a dermatologista Vanessa Metz, do Rio de Janeiro. Confira!

Características da pele seca: perda de água e reatividade

“A pele seca normalmente não tem muita hidratação, já que ela apresenta uma barreira cutânea mais frágil por causa da perda hídrica. Então, geralmente, tem tendência ao ressecamento, à descamação e à coceira, em casos mais extremos”, afirmou. De acordo com Dra. Vanessa, apesar de não ser uma regra, a pele seca acaba sendo mais sensível. “Como essa berreira está afetada e tem como função ser a primeira proteção da pele, pode apresentar reatividade”, atentou.

Ritual de cuidados para manter a pele perfeita

Para a dermatologista é fundamental manter uma rotina de cuidados para garantir a saúde do rosto, em apenas 4 passos: limpeza, tonificação, prevenção e proteção. Saiba mais:

- Na limpeza, opte por um sabonete hidratante, que tenha componentes restauradores, ativando enzimas e proteínas;
- A tonificação pode ser feita diariamente, mas o produto não deve conter álcool para não agredir a pele, pois esse elemento, ao evaporar, acaba levando junto uma boa quantidade de água;
- O anti-idade deve ser em um veículo mais hidratante, assim como o protetor solar.

Ativos ideais para recuperar o rosto ressecado

Em relação aos ativos, a dermatologista indica os melhores recuperadores para a pele. “Pode-se apostar na ureia em baixa concentração para não promover irritação no rosto, além dos ativadores das aquaporinas - uma proteína que temos, responsável pela captação de água. Se você promove a reação desses canais, garante a funcionalidade da barreira cutânea. O lactato de amônio também é outra boa alternativa de ativos potentes para este tipo de cútis”, afirmou.

Dermatologista aponta S.O.S. para peles ultrarressecadas

De acordo com Dra. Vanessa, nos dias em que a pele está mais debilitada e ressecada, a indicação é fazer uma hidratação intensa em casa, com cremes recuperadores. “Caso não dê resultado, o ideal é procurar uma clínica dermatológica para fazer um ritual hidratante, que é finalizado com uma máscara. Um dos ativos mais usados em clínica e mais eficazes é o ácido hialurônico”, recomendou.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.