A esfoliação é um dos passos essenciais para garantir a saúde e o equilíbrio da pele. No entanto, apesar de o método ser popular entre as apaixonadas por beleza, muitas ainda não sabem, de fato, quais são os benefícios oferecidos à pele, como a renovação e a eliminação de células mortas e impurezas, que deixam o rosto envelhecido, ressecado e sem viço.

Entenda a importância da esfoliação para a pele

Entre os principais benefícios da esfoliação, o principal é a renovação que ela promove, ajudando a eliminar as células mortas da superfície cutânea. Dessa forma, a pele fica mais macia, lisinha e pronta para a hidratação. Além disso, essa também é uma das etapas importantes para amenizar a aparência de marcas, como manchas de acne, já que estimula a produção de células novas.

Veja para qual tipo de pele a esfoliação é recomendada

A esfoliação pode ser feita em qualquer tipo de pele, mas é necessário consultar um dermatologista para saber a frequência certa para se realizar o procedimento. Assim, para peles oleosas, costuma-se indicar a frequência de duas a três vezes por semana; quanto para as secas, uma vez é suficiente. A atenção nestes tipos de pele está no excesso de esfoliação, que pode acarretar no aumento da oleosidade, devido ao efeito rebote; ou sensibilizar a pele ressecada.

Como fazer a esfoliação da maneira certa

Por mais que a esfoliação seja um procedimento simples, requer alguns cuidados. O primeiro deles é consultar um dermatologista para escolher o produto ideal, a fim de atender às necessidades da pele. Com o rosto limpo, aplique o produto no rosto suavemente, fazendo movimento circulares. Em seguida, enxágue e dê sequência ao seu ritual de beleza!