Os poros dilatados são aberturas que podem atingir diferentes tipo de peles. O quadro não apresenta grandes riscos à saúde, mas acaba incomodando muitas pessoas por conta do aspecto visual. A dermatologista Lilia Guadanhim, de São Paulo, conversou com o DermaClub e explicou tudo sobre poros, como eles surgem, por que dilatam, além de dicas de tratamento e prevenção. Confira a entrevista!

Poros: o que são e por que eles dilatam?

De acordo com a médica, os poros são pequenas aberturas na pele por onde saem os pelos e também a secreção das glândulas sudoríparas - que produzem suor -, e das glândulas sebáceas - responsáveis pela oleosidade. “Só no rosto, existem aproximadamente 300 mil poros! Eles tendem a ser maiores em áreas mais oleosas e com pelos mais finos, como por exemplo na zona T - testa, nariz e queixo”, explicou. Além disso, o envelhecimento, a flacidez e os excessos de oleosidade e suor incentivam a dilatação, por isso, é uma situação muito comum no verão.

Descubra quais as melhores formas de prevenção do quadro

Segundo Dra. Lilia, o principal cuidado que se deve ter para evitar os poros dilatados é o uso do protetor solar todos os dias, que previne também manchas, rugas e o câncer de pele. “Outros cuidados diários que o paciente deve ter é a higienização, com produtos seborreguladores; e a hidratação, que ajuda a manter os poros menos aparentes. A esfoliação semanal também pode ser incluída na rotina”, pontuou a médica, que ainda concedeu uma dica valiosa: “Nunca esqueça de remover completamente a maquiagem antes de dormir”.

Saiba quais os tratamentos indicados para cuidar dos poros

Quem já possui o quadro pode investir em tratamentos com cremes e procedimentos clínicos. De acordo com a dermatologista, são usados produtos que contenham ácido retinóico e hidroxiácidos. “No consultório, temos diversas opções que vão desde microdermobrasão - peeling de cristal -, peelings químicos e lasers, que podem melhorar a textura da pele e a aparência dos poros”, explicou. Já como opção cosmética, Dra. Lilia indica produtos com efeito blur, que criam o famoso ‘efeito Photoshop’, disfarçando essas aberturas, prevenindo absorção da oleosidade.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.