Além de proteger a pele contra a radiação UV, o filtro solar também funciona como um ótimo hidratante, principalmente se o produto tiver em sua fórmula uma ação antissal e anticloro. Você já ouviu falar nessas funções? Sabe como este protetor funciona na pele? O DermaClub entrevistou a dermatologista Luciana Kalache, de Curitiba, que esclareceu as principais curiosidades sobre este produto.

O que é um protetor solar com barreira antissal e anticloro?

De acordo com a médica, “o protetor solar que possui essas funções, ajuda tanto na defesa contra a radiação solar, na prevenção de queimaduras e do envelhecimento da pele, quanto na proteção contra o ressecamento causado pelo cloro e a água salgada do mar - principalmente nessa época de verão em que as pessoas estão mais expostas à piscina e à praia”, esclareceu.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Como esse produto funciona na pele?

Ele funciona pelo seu alto poder hidratante. “A hidratação acaba protegendo a pele dessa perda de líquido causada pelo cloro e o sal que remove toda a hidratação da pele, deixando a região mais suscetível à irritação, ao ressecamento e doenças de pele como a dermatite”, informou a dermatologista. Sendo assim, protetores com esse tipo de função acabam deixando a pele mais nutrida e protegida.

Ao mergulhar na água salgada ou com cloro, devemos reaplicar o produto?

Sim, é indicado reaplicar o produto após mergulhar em água salgada ou com cloro. “O mesmo deve ser feito depois de realizar atividades que aumentam a sudorese ou depois de ultrapassar o período de três horas da aplicação do produto”, indicou a Drª Luciana.

Conheça os malefícios da água salgada e do cloro para a pele

A profissional explica que tanto a água salgada, quanto o cloro vão mexer na parte da hidratação da pele. “Com isso, a pele ressecada fica mais propensa à dermatite, irritações, alergias, coceira e vermelhidão. No cabelo, isso também acaba tendo bastante repercussão, criando pontas duplas e fios quebrados”, finalizou.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.