Você sabia que existem dois tipos de filtro solar para proteger a sua pele, o químico e o físico? Os protetores químicos utilizam substâncias químicas para minimizar os danos do sol; enquanto os físicos formam uma espécie de barreira protetora, que reflete a radiação solar, e são muito eficazes na proteção contra os raios UVA, UVB - e, dependendo da formulação, contra a luz visível emitida por celulares, computadores e TVs. Pensando nisso, o DermaClub conversou com a dermatologista Lívia Luna, do Rio de Janeiro, para entender também quais são os benefícios que o filtro físico oferece à pele quando utilizado durante o inverno. Confira!

Entenda o que é o protetor solar físico

Segundo a médica, com o protetor físico, os raios solares são refletidos, funcionando como um verdadeiro bloqueador de radiações. Esse tipo de fotoprotetor possui em sua composição substâncias como o óxido de zinco e dióxido de titânio, que são compostos minerais responsáveis por proteger a pele contra os raios UVA e UVB.

Descubra quais são os benefícios do protetor solar físico para a pele

De acordo com a Dra. Lívia, “uma vantagem dos filtros físicos é que ele começa sua ação de bloqueio dos raios solares quase que imediatamente. Já os químicos demoram mais de 20 minutos para começarem a fazer efeito”, contou. Por isso, os protetores com filtros físicos são ideias para todos os tipos de pele, especialmente para quem tem algum tipo de sensibilidade, como alergias, ou esteja em um pós-procedimento dermatológico. E a novidade é que, hoje, podemos encontrar fotoprotetores físicos que oferecem textura mousse, ideal para peles oleosas, com benefícios adicionais como controle do brilho, oleosidade e efeito blur.

Filtro solar físico no inverno: quais são os benefícios?

De acordo com a dermatologista, durante o inverno, mesmo que ocorra uma diminuição da incidência dos raios UVB, os raios UVA continuam penetrando na pele, podendo causar problemas como envelhecimento precoce, perda da elasticidade, manchas, rugas e até câncer de pele. Por isso, é importante proteger a pele dos efeitos do sol, diariamente. “Um benefício do protetor físico é que, em locais com o frio mais intenso, a pele pode ficar mais sensível. Assim, esse tipo de bloqueador pode ser melhor tolerado por quem tem sensibilidade cutânea”, explicou. Consulte seu dermatologista para saber mais sobre o produto mais adequado para sua pele.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.