Apesar de ser um processo natural, o envelhecimento da pele pode ser acelerado por um conjunto de hábitos que prejudicam sua saúde e a torna mais suscetível ao desenvolvimento de doenças, irritações e reações adversas. Esses costumes, muitas vezes praticados diariamente, podem e devem ser mudados por meio de atitudes simples no dia a dia, com o objetivo de restabelecer a vitalidade e devolver leveza ao rosto. Descubra essas práticas e inclua-as na sua rotina!

1) Proteja-se do sol

Não é novidade: a exposição ao sol é um dos principais fatores responsáveis pelo envelhecimento precoce da pele. Por isso, a aplicação diária do protetor solar, além de sua reaplicação a cada duas horas, é fundamental para a prevenção do surgimento de manchas, rugas e até mesmo do câncer da pele.

2) Retire sempre a maquiagem antes de dormir

Outra indicação fundamental é sobre o cuidado de remover a maquiagem todos os dias antes de dormir: o acúmulo de cosméticos no rosto obstrui os poros e impede a respiração da pele, o que favorece o surgimento da acne e o envelhecimento precoce. “Manter o rosto limpo é mantê-lo saudável”, afirmou a dermatologista Luciana Kalache, de Curitiba.

3) Hidrate-se!

Para combater a flacidez e a falta de viço na pele, é importante mantê-la hidratada a partir de cremes específicos para cada parte do corpo e da ingestão diária de pelo menos dois litros de água. “Beber líquidos, principalmente água, favorece a eliminação de toxinas”, explicou a dermatologista Mylenne Torres, de Natal.

4) Alimente-se bem

Uma alimentação equilibrada traz benefícios para todo o organismo. A variedade nutricional garante o fornecimento de antioxidantes fundamentais para o combate dos radicais livres, beneficiando a saúde da pele. Além disso, a ingestão em excesso de açúcares, consequente da má alimentação, favorece o envelhecimento através da glicação, processo inflamatório nas células que estimula a produção dos temidos radicais livres.

5) Evite o álcool e o cigarro

Além de trazerem diversos prejuízos para outras áreas do corpo, o álcool e o cigarro também são extremamente maléficos para a pele. O primeiro, por exemplo, promove a desidratação excessiva; enquanto o segundo é responsável pela degradação das fibras de colágeno, provocando rugas e flacidez. O resultado? Uma pele mais ressecada, marcada e, consequentemente, envelhecida.

6) Não se estresse!

O estresse prolongado intensifica a oxidação das células e, portanto, o envelhecimento da pele. Além disso, essa reação libera agentes inflamatórios que desequilibram todo o organismo e degradam o colágeno. Por isso, lembre-se: respire fundo, mantenha o equilíbrio e evite se irritar com coisas banais.

7) Durma bem

Uma boa noite de sono é fundamental para a manutenção do aspecto saudável da pele. Isso porque, durante o sono, produzimos hormônios rejuvenescedores, como a melatonina e o hormônio do crescimento, responsáveis por funções reparadoras e calmantes. Além disso, dormir bem evita o surgimento de olheiras e rugas, por exemplo.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia